Cree en grande.
CONMEBOL

18 anos da conquista do Pentacampeonato

×

Menssagem de erro

Notice: Undefined index: und em eval() (linha 1 de /data/www.conmebol.com/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_argument_default_php.inc(66) : eval()'d code).
18 anos da conquista do Pentacampeonato

Há exatamente 18 anos, a seleção do Brasil coroou-se campeã do Mundial FIFA Coreia-Japão 2002, vencendo a Alemanha por 2-0 na final. A Canarinha agigantou sua história passando a ser, até hoje em dia, o país com maior número de copas mundiais conquistadas. Pentacampeã do Mundo!

Uma equipe repleta de estrelas como Ronaldo, Rivaldo, Ronadinho, Cafu, Roberto Carlos entre outros, mostraram o jogo bonito para sagrar-se como a melhor seleção do mundo, pela quinta vez em sua história, depois de triunfar em 1958, 1962, 1970 e 1994. Até a atualidade, continua sendo a seleção com mais títulos de Copa do Mundo conquistados (cinco).

Em 2002, foi celebrada a 17ª edição da Copa Mundial FIFA, entre 31 de maio e 30 de junho. Foi a primeira da história organizada por dois países, Coreia do Sul e Japão, e a primeira a ser realizada fora da Europa ou América, sendo no continente asiático.

Um total de 32 seleções participaram na fase final distribuídas em oito grupos: os grupos A, B, C e D disputaram seus jogos na Coreia do Sul e os grupos E, F, G e H no Japão.

Brasil terminou em primeiro lugar do grupo C, com três vitórias; venceu Bélgica 2-0 nas oitavas, Inglaterra nas quartas (2-1) e Turquia nas semifinais (1-0).

A final do Mundial de 2002 era a terceira consecutiva para o Brasil, que tinha ganhado a de 1994 nos pênaltis contra Itália (0-0) e perdido a de 1998 contra a anfitriã, França (3-0).

O onze do Brasil foi formado por Marcos, Cafu, Lúcio, Roque Junior, Edmilson, Roberto Carlos, Gilberto Silva, Rivaldo, Ronaldinho, Kleberson e Ronaldo. Luiz Felipe Scolari realizou só duas trocas, dando entrada a Juninho Paulista e Denilson.

Os gols de Ronaldo, nos minutos 67' e 79', deram a vitória e o título de campeão do Mundo para o Brasil. Foi a quarta vez na história que um campeão ganhava todos os seus jogos, a segunda vez que o Brasil conseguia.

Cafu passou a ser o único jogador em disputar três finais consecutivas de um Mundial: 1994, 1998 e 2002.

- Ronaldo Fenômeno -

Considerado como melhor atacante da história do futebol, Ronaldo Nazario celebrou um magnífico Mundial, anotando dois gols na final contra Alemanha.

Além disso, O Fenômeno foi o goleador desse torneio marcando 8 gols e continua sendo o maior goleador sul-americano na história dos mundiais.

 

 

 

Dados OPTA / Fotos: FIFA

CONMEBOL.com