Cree en grande.
CONMEBOL

Aguero: "Perder a final foi um duro golpe para o grupo”

Aguero: "Perder a final foi um duro golpe para o grupo”

O atacante argentino Sergio Kun Aguero, fez uma mea culpa pela segunda derrota final consecutiva ante o Chile. "Eu não sei que explicação podemos dar. Foi muito mais forte do que as outras duas finais. Tivemos chances claras e não pudemos converter. São as coisas do futebol, são inexplicáveis", confessou o atacante ao jornal Clarin.

Passaram várias horas depois da partida, e El Kun lamentou mais uma vez, a derrota da Argentina, o atacante mudou a história da final em New Jersey entre Argentina e Chile, com um cabeçaço que imortalizou o voo de Claudio Bravo para afogar o gritou de gol da Albiceleste.

O ex-Independente abraçou uma tese em relação às finais perdidas. "Eu tive uma chance e não sei por que fui pra lá quando quis jogar para outro. Há coisas que queremos fazer, mas é como se os outros fizeram, não nós ", acrescentando que a pressão desempenhou um papel fundamental na sua selecção. "Eu acho que isso nos influenciou muito. Eu não sei o que os outros pensam, mas o que eu vi desta vez, eu nunca vi".

Aguero descreveu o camarim argentino como um lugar onde ninguém falava, "então para mim foi a pior derrota de todas. Muito mais do que as outras duas finais. Eu acho que muitos jogadores da equipe de hoje já não vão continuar", sustentou.

Para o final, se referiu à situação de seu amigo Lionel Messi. "Foi uma imagem terrível vê-lo as. Estamos mais magoado pela forma como ele é. Porque 'Leo' tentou de tudo para tentar nos campeão e nenhuma explicação. Para nós é o melhor do mundo, não importa o que aconteça. Estamos muito tristes por ele ", encerrou

 

Foto: Mexsports

Goal / CONMEBOL.com