Cree en grande.
CONMEBOL

Alejandro Domínguez: “Com a casa em ordem e finanças sólidas enfrentaremos esta pandemia”

×

Menssagem de erro

Notice: Undefined index: und em eval() (linha 1 de /data/www.conmebol.com/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_argument_default_php.inc(66) : eval()'d code).
Alejandro Domínguez: “Com a casa em ordem e finanças sólidas enfrentaremos esta pandemia”

O presidente da CONMEBOL, Alejandro Domínguez, destacou o trabalho liderado por sua administração, para enfrentar a pandemia da COVID-19, que também afeta o mundo do futebol, em sua declaração durante o 72° Congresso Ordinário da Confederação Sul-Americana de Futebol, realizado nesta quinta-feira 2 abril, por videoconferência.

Domínguez sustentou que a CONMEBOL tomou todas as precauções necessárias para que quando o futebol volte aos gramados, “estejamos todos para desfrutar do futebol como deve ser – todos juntos!”.

Agradeceu o apoio do Conselho da Confederação nesses momentos sem precedentes, afirmando que sem seu apoio constante, nada do que foi feito seria possível.

“Com a casa em ordem e finanças sólidas poderemos enfrentar estas circunstâncias excepcionais com confiança e a capacidade de resposta necessária, tanto no financeiro como no institucional”, afirmou o presidente Domínguez.

Nesse sentido, há alguns dias, a CONMEBOL colocou à disposição 65 milhões de dólares, para que os clubes que participam de seus torneios possam contar com um adiantamento de até 60% dos direitos de participação.

“Como dirigentes, devemos cuidar do futebol, ser conscientes de sua importância, das fontes de trabalho que gera, não somente para esportistas, mas a todos ao seu redor. è por isso que devemos ser responsáveis nas tomadas de decisões, que protejam o futebol e minimizem, na medida do possível, o impacto social e econômico desta situação”, indicou o presidente.

“A situação é crítica e não devemos subestimá-la. Por hora, é uma batalha na qual não podemos jogar como local, fiquemos em casa para frear este vírus”, exortou Domínguez por último.

- Quatro anos de conquistas –

Neste 2020 se cumprem quatro anos da gestão do presidente Alejandro Domínguez, a frente da CONMEBOL, que alcançou índices históricos. 

"O atrevimento de Acreditar Sempre, nos permitiu estar prontos para enfrentar um grande desafio", destacou.

Justamente, graças a essa boa gestão, “esta crise nos encontra numa posição sólida”, disse o presidente Domínguez, no momento de apresentar os relatórios do exercício do período, auditados por PricewaterhouseCoopers.

Em 2019, CONMEBOL organizou um total de 28 campeonatos em todas as modalidades. “Tivemos a Copa América no Brasil com a maior arrecadação da história, e a maior quantidade de gente nos estádios. Nossas competições de clubes alcançaram cifras recordes”, informou o presidente.

Foram repartidos mais de 210 milhões de dólares nos torneios de clubes: 162 milhões na Libertadores e 52 milhões na Sul-Americana. Declarou também que mais de 400 milhões de pessoas ao redor do mundo puderam ver os campeonatos e 100 milhões desses através do Facebook Watch.

“Realizamos as primeiras duas finais únicas com grande êxito. A primeira foi a final da Sul-Americana em Asunción, ante um estádio repleto com ambiente de festa que ultrapassou fronteiras.  A segunda foi a final da Libertadores em Lima (após uma mudança de sede), com recorde de arrecadação e transmissão em mais de 187 países”, ressaltou ele.

Por outro lado, o presidente da CONMEBOL recordou que assinou um acordo de cooperação com UEFA, na procura de projeção internacional do futebol sul-americano.

“Meu agradecimento a Alexander Ceferin, a todo seu Conselho, e às suas Associações Membro. Obrigada por sua acessibilidade e amizade, estou certo de que este é só o começo de grandes coisas”, expressou no final.

 

 

 

CONMEBOL.com