Cree en grande.
CONMEBOL

Atlético-PR x Junior, último duelo por um título inédito

Atlético-PR x Junior, último duelo por um título inédito

O Atlético Paranaense e o Junior se medirão nesta quarta-feira na partida de volta da final da CONMEBOL Sul-Americana em que ambos precisam de uma vitória por qualquer pontuação para conquistar um título inédito tanto para a equipe brasileira como para a colombiana.

Após o empate 1-1 que o time de Curitiba conseguiu em sua visita a Barranquilla na semana passada, na partida de ida, a definição da final ficou aberta, embora o Paranaense tenha a vantagem de jogar em casa cheia, já que, além das entradas reservadas para os torcedores do Junior que fiquem disponíveis, os 43 mil lugares no estádio Arena da Baixada se esgotaram.

O time brasileiro também quer coroar a melhor campanha na CONMEBOL Sul-Americano deste ano, em que ganhou 8 de seus 11 jogos e perdeu apenas 2, tem um saldo de 21 gols a favor e apenas 6 contra.

Além do título inédito, o treinador da equipe, Tiago Nunes, também tem a possibilidade de levar o título de artilheiro da Sul-Americana, porque dois de seus jogadores, Nikão e Pablo, têm 4 gols e perseguem o colombiano do Deportivo Cali, Nicolás Benedetti, que lidera com 5.

Para Junior, que desembarcou no domingo em Curitiba, o título da Sul-Americana também é inédito e a 'cereja no bolo' de uma temporada em que também pode terminar como campeão colombiano.

Os de Barranquilla chegaram animados ao Brasil após a goleada 4-1 contra o Medellín no primeiro jogo da final da Liga do seu país, que praticamente os deixou com uma mão no título. O treinador da equipe colombiana, o uruguaio Julio Comesaña, diz que está preparado para qualquer situação, mesmo para um acréscimo (se o jogo terminar em empate) e para definição nos pênaltis (se a igualdade persistir).

Possíveis formações:

Atlético Paranaense: Santos; Jonathan, Léo Pereira, Thiago Heleno, Renan Lodi; Bruno Guimaraes, Lucho González, Raphael Veiga; Nikão, Marcelo Cirino e Pablo (ou Bergson ou Rony). Treinador: Tiago Nunes.

Junior: Sebastián Viera; Marlon Piedrahita, Jefferson Gómez, Rafael Pérez, Gabriel Fuentes; Víctor Cantillo, Luis Narváez, James Sánchez, Jarlan Barrera; Teo Gutiérrez e Luis Díaz. treinador: Julio Comesaña.

Árbitro: o chileno Roberto Tobar, auxiliado nas bandas pelos seus compatriotas Christian Schiemann e Claudio Ríos.

Estádio: Arena da Baixada da cidade de Curitiba.

Hora: 21h45 local (23h45 GMT).

 

 

 

 

EFE