Cree en grande.
CONMEBOL

Boca Juniors perde e reduz vantagem na Superliga argentina

×

Menssagem de erro

Notice: Undefined index: und em eval() (linha 1 de /data/www.conmebol.com/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_argument_default_php.inc(66) : eval()'d code).
Boca Juniors perde e reduz vantagem na Superliga argentina

Boca Juniors sofreu mais uma derrota neste domingo, desta vez visitando o Independiente por 1 a 0, e agora leva menos vantagem com seus perseguidores, pela vigésima terceira rodada da Superliga de futebol argentino.

Em um jogo com muitos feridos, incluindo o colombiano Wilmar Barrios, o Boca, que chegou a perder com o modesto Defensa y Justicia (2-1), caiu novamente em Avellaneda contra um 'Rojo' que era superior e prevaleceu com o gol de Martín Benítez aos 56 minutos.

Duas semanas atrás, o Boca tinha nove pontos de distância de seu principal escolta, mas agora essa vantagem foi cortada para quatro unidades, com 50 pontos contra 46 de Godoy Cruz, uma das revelações do campeonato, enquanto atrás estão localizados Independiente e San Lorenzo (42), Talleres (41) e Huracán (40).

GANHOU O REI DE COPAS!!!

VAMOS #INDEPENDIENTE!#TodoRojo  pic.twitter.com/PdZ11RPqui

— C. A. Independiente (@Independiente) 16 de abril de 2018

Mais cedo, River ampliou sua grande série e somou sua quinta vitória consecutiva ao vencer Rosario Central por 2 a 0 em uma partida definida com uma ráfaga de dois minutos, lapso onde o colombiano Rafael Santos Borré marcou (74') e Lucas Pratto (76').

A vitória permite que River volte para se acomodar na zona de classificação da CONMEBOL Sul-Americana, embora o principal objetivo dos 'millonarios' seja entrar na Libertadores do ano que vem, para o qual eles devem terminar entre os cinco primeiros do campeonato.

#VamosRiver

Postais de vitória no Monumental! pic.twitter.com/pVHJWvvluF

— River Plate (@CARPoficial) 15 de abril de 2018

Chacarita estava a um passo de se tornar o quarto time a descer, seguindo os passos do Arsenal, Temperley e Olimpo, perdendo por 2-0 em casa para o Colón, com gols do paraguaio Marcelo Estigarribia (18') e Javier Correa (30') para a formação de Santa Fé.

Unión e Tigre empataram em 3-3, com gols de Franco Fragapane (26'), Franco Soldano (75', pênalti) e Ignacio Canuto (90+1', contra) para o Santa Fe, e Canuto (83'), Federico González (84 ') e Carlos Luna (90 + 3') descontaram para a equipe norte de Buenos Aires.

Em busca de ir às copas no ano que vem, Estudiantes conquistou três pontos vitais em sua visita ao Patronato do Paraná, que derrotou por 1 x 0 com um gol de Lucas Rodríguez (29').

 

 

AFP