Cree en grande.
CONMEBOL

Chapecoense: Os três jogadores sobreviventes da tragédia levantam a Copa Sul-Americana

Chapecoense: Os três jogadores sobreviventes da tragédia levantam a Copa Sul-Americana

Os três jogadores do Chapecoense que sobreviveram ao acidente aéreo em novembro passado levantaram no sábado a Copa Sul-Americana-2016 no estádio Arena Condá, em Chapecó, sul do Brasil, antes de um jogo amistoso da equipe reconstituida ante Palmeiras.

O goleiro Jackson Follmann, que sofreu a amputação da perna direita depois da tragédia, segurou junto com o defesa Neto e o lateral Alan Ruschel, o apreciado troféu, sob uma salva de palmas. As esposas das vítimas do acidente ingressaram logo ao gramado, onde foi entregue as medalhas que teriam recebido seus maridos, em uma cerimônia cheia de emoção.

A Copa foi atribuida ao Chapecoense a pedido do colombiano Atlético Nacional.

O jogo contra Palmeiras, campeão do Brasileirão, começava às 16H30 locais (18H30 GMT).

Aos 71 minutos, o locutor do estádio pedirá aos espectadores para que se lavantem e aplaudam, em homenagem às 71 vítimas da tragédia. Esse ritual deveria se repetir em todos os jogos que o Chape dispute de local.

A cidade de Chapecó se identifica plenamente com sua equipe. A metade da arrecadação será destinada às familias das vítimas e a outra metade à reconstrução do clube, que contratou 22 jogadores para recompor suas filas.