Cree en grande.
CONMEBOL

Clubes populares do continente estreiam em noite de gala

Clubes populares do continente estreiam em noite de gala

Nesta terça-feira se retoma o trecho da Fase de Grupos da CONMEBOL Libertadores 2018 , com o presságio de intenso futebol e a estreia de equipes populares: Atlético Tucumán (ARG) x Libertad (PAR); Vasco da Gama (BRA) x  Universidad de Chile (CHI); Cerro Porteño (PAR) x Defensor Sporting (URU).

Tucumán espera à espreita do Libertad

O argentino Atlético Tucumán, em sua segunda participação internacional, abrirá fogo no Grupo C da CONMEBOL Libertadores quando receba na noite de terça-feira o Libertad paraguaio, ambos em baixa em suas ligas.

O Atlético Tucumán, que entrou na Copa como vice-campeão da Copa Argentina, passa por um período de altos e baixos. O "Decano", como é conhecido, só ganhou seis jogos em 19 rodadas e acumulou cinco jogos sem vitórias, e em sua última partida, na sexta-feira passada, ele perdeu contra o Talleres (1-3).

Por outro lado, o panorama não parece fácil para o Libertad, que ingressou na Copa como campeão do torneio Abertura-2017 do futebol guarani, e que chegará a Tucumán com a necessidade de levantar a cabeça depois de perder 2-1 em casa, na última sexta-feira contra o Sol de América, resultado que deixou o grupo 'gumarelo' no terceiro lugar do Abertura-2018.

De qualquer forma, a equipe liderada por Aldo Bobadilla procurará impor sua experiência copeira e retornar às boas atuações, como fez na CONMEBOL Sul-Americana do ano passado.

O encontro será no Monumental José Fierro, em Tucumán (norte), a partir das 19h15m desta terça-feira, com a arbitragem do brasileiro Raphael Claus, auxiliado nas bandas por seus compatriotas Danilo Manis e Alessandro Rocha.

 

Estatísticas

Atlético Tucumán x Libertad

Sem confrontos internacionais oficiais

Atlético Tucumán local

Permanece invicto em suas sete apresentações em torneios Conmebol

Acumula cinco triunfos e dois empates, todos em 2017 (cinco em Copa Libertadores e dois em Sul-Americana)

Pela primeira vez receberá uma equipe do Paraguai

Libertad visitante

Ganhou dois dos últimos 10 em competições Conmebol: Universidad Católica 3-2 (Sul-Americana 2015) e Huracán 5-1 (Sul-Americana 2017)

Em forma oficial se apresentou em 21 ocasiões na Argentina (5 – 4 – 12)

Ademais do mencionado contra o Huracán, os outros triunfos foram: Banfield 1-0 (Libertadores 2007), San Lorenzo 1-0 (Libertadores 2009), Lanús 2-0 (Libertadores 2010) e Tigre 2-0 (Libertadores 2013)

Árbitro – Raphael Claus

Partidas em torneios de clubes Conmebol: 13

Encontros em Copa Libertadores: 3. Um nesta edição: Guaraní 6 – Carabobo 0

Não dirigiu em forma oficial o Atlético Tucumán e uma vez o Libertad: Racing Club 1-0 (Sul-Americana 2017).

 

U. de Chile em seu retorno contra o Vasco em sua estreia

O 'U' regressará na terça à Libertadores depois de dois anos fora da fase de grupos, onde agora espera um Vasco da Gama procedente da montanha russa da fase preliminar e com grandes planos para esta temporada.

Depois de um ano fora e logo de cair em 2016, quando não passou da fase prévia, o 'U' regressa agora à Libertadores com a ilusão de que esta vez seja a definitiva para alcançar a desejada final da qual ficou na porta em quatro ocasiões.

Os estudiantes chegaram com maior descanso ao Rio depois da jornada de recesso no campeonato chileno, onde são segundos por três pontos do Universidad Católica.

Mais emoções viveu o Vasco nesta temporada, que começou convulsa mas com a emoção de seu retorno à Libertadores depois de seis anos de ausência nesta competição, que o coroou rei da América em um 1988 muito distante. 

Depois de arrasar o Universidad de Concepción na primeira fase prévia, o jovem plantel de Zé Ricardo pensou que tinha o bilhete para a fase de grupos praticamente garantido depois de golear o Jorge Wilstermann na ida da última preliminar (4-0)

Mas, traídos pela altura de Sucre, os cariocas acabaram com o mesmo resultado e entrando na próxima fase somente graças a sorte nos pênaltis.

E com o susto ainda no corpo, os brasileiros não querem mais excessos de confiança.

O duelo será no Rio de Janeiro e encerrará a primeira jornada do complicado Grupo 5, na qual o argentino Racing já somou seus primeiros três pontos na semana passada com sua vitória contra o Cruzeiro (4-2).

 

Estatísticas

Vasco da Gama x Universidad de Chile

Dois confrontos internacionais oficiais nas semifinais da Copa Sul-Americana 2011: Empate em um no Brasil (Bernardo – Osvaldo González) e vitória como local da equipe chilena 2-0 (Gustavo Canales, Eduardo Vargas)

Vasco da Gama local

Pela Conmebol acumula 5 vitórias consecutivas e apenas perdeu um dos últimos 14 que disputou: Nacional 2-1 na Copa Libertadores 2012

Está invicto recebendo equipes chilenas em forma oficial (5 – 2 – 0), onde converteu 9 gols e somente recebeu 2

Universidad de Chile visitante

Em competições Conmebol acumula 5 derrotas consecutivas e 6 partidas sem ganhar

A última vitória foi em 11 de março de 2014 contra o Real Garcilaso 2-1 (Víctor Ferreira – Ramón Fernández, Enzo Gutiérrez) na Copa Libertadores

Apresentou-se oficialmente em 24 ocasiões no Brasil (2 – 5 – 17)

As vitórias foram contra o Flamengo: 3-2 (Libertadores 2010) e 4-0 (Sul-Americana 2011)

Árbitro – Daniel Fedorczuk

Partidas em torneios de clubes Conmebol: 39

Encontros em Copa Libertadores: 27. Dois na atual edição: Deportivo Táchira 2 – Santa Fe 3 e Alianza Lima 0 – Boca Juniors 0

Não dirigiu em forma oficial o Vasco da Gama e em uma ocasião o Universidad de Chile: Corinthians 1-2 (Sul-Americana 2017).

 

Cerro Porteño espera na sua "Nueva Olla" o Defensor Sporting

O paraguaio Cerro Porteño precisa uma vitória na terça-feira contra o Defensor Sporting do Uruguai para demonstrar ao seu público que tem ambições de ir longe na CONMEBOL Libertadores 2018.

O público da popular equipe ficou preocupado com a derrota por 1 a 0 contra o seu tradicional rival, Olimpia, no clássico do futebol paraguaio no sábado passado para o campeonato Abertura.

O "Ciclón de Barrio Obrero" iniciou bem o certame sul-americano logo de derrotar, sem esforço, o Monagas (2-0) em sua visita à Venezuela.

Sua exigente torcida clama por um troféu sul-americano para acabar com as piadas de seus tradicionais oponentes olimpistas, que já ganharam três.

O Defensor Sporting, liderado por Eduardo Acevedo, também chega à competição depois de cair no fim de semana ante o Nacional pelo torneio uruguaio, distante por seis pontos do líder Peñarol.

Os "violetas" obtiveram um resultado gratificante contra o Grêmio do Brasil, campeão continental, em sua estreia no Grupo 1 que terminou empatado 1 a 1, quando parecia que o gaúcho tricolor tomava a vitória.

O jogo será realizado no estádio General de Pablo Roja 'La Olla Monumental' no Barrio Obrero, a partir das 21h30m locais, sob as órdens do árbitro equatoriano Roddy Zambrano, auxiliado por seus compatriotas Byron Romero e Juan Macias.

 

Estatísticas

Cerro Porteño x Defensor Sporting

O Cerro Porteño está invicto nos quatro confrontos oficiais, com dois triunfos e dois empates. As partidas correspondem à Copa Libertadores 1992 e Sul-Americana 2005

Cerro Porteño local

Muito bom periodo em torneios Conmebol, onde acumula oito encontros sem perder

Dos últimos 15 somente foi derrotado duas vezes, ambas contra o Boca Juniors: 4-1 (Sul-Americana 2014) e 2-1 (Libertadores 2016)

Balance equilibrado recebendo equipes uruguaias (4 – 7 – 5)

Defensor Sporting visitante

Ganhou um dos últimos seis em competições Conmebol

Foi em 15 de setembro de 2015 contra o Universitario 1-0 (Facundo Castro) pela Copa Sul-Americana

Não conseguiu ganhar em suas nove apresentações oficiais no Paraguai, com seis empates e três derrotas.

Árbitro – Roddy Zambrano

Partidas em torneios de clubes Conmebol: 35

Encontros em Copa Libertadores: 19. Um na presente edição: Millonarios 0 – Corinthians 0.

 

 

 

 

CONMEBOL.com / AFP

Estatísticas: Eduardo Bolaños