Cree en grande.
CONMEBOL

CONMEBOL LIBERTADORES BRIDGESTONE: Sport Boys e Libertad empatam em jogo intenso

×

Menssagem de erro

Notice: Undefined index: und em eval() (linha 1 de /data/www.conmebol.com/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_argument_default_php.inc(66) : eval()'d code).
CONMEBOL LIBERTADORES BRIDGESTONE: Sport Boys e Libertad empatam em jogo intenso

O boliviano Sport Boys e o paraguaio Libertad igualaram nesta quarta-feira 3-3 na primeira jornada do Grupo 6 da CONMEBOL LIBERTADORES BRIDGESTONE 2017, num jogo intenso disputado no estádio Tahuichi Aguilera de Santa Cruz (leste).

Os gols foram convertidos para as instalações por Alfredo Castillo (39), da Argentina Alexis Messidoro (69) e Cristhian Coimbra (81) e para a visita Jesus Medina (28) e uma cinta de Santiago Salcedo na segunda metade (61 e 73 ).

A visita está sempre à frente no placar, mas teve de sofrer os meninos vão empatou ao virar da esquina, em uma reunião de iguais.

Na reunião no estádio Tahuichi Aguilera, a visita teve quase cinco defensores no campo de defesa e do campus local, escolheu para preencher o sector do meio para conter quaisquer propinas e para lançar ataques.

Sport Boys exercer pressão, mas baixa objetivo, com o argentino Alexis Messidoro tentando organizar seus companheiros de equipe e os espanhóis José Luis Sánchez Capdevila com o escritório da ala esquerda.

Neste falta de ordem, 'gumarelo' paraguaio abriu o placar aos 28 minutos com uma cabeçada do volante Jesus Medina, em meio a uma aparente desorientação da defesa local.

O objetivo era uma carga de choque para os bolivianos 'Toros' que se sentiu ferido seu orgulho e retomaram fim mão Messidoro eo atacante equatoriano Carlos Tenorio, teimosa na quadra.

Seu treinador, o espanhol Xabier Azkargorta, aumento ordenou o ataque porque perder não estava em seus planos.

Assim Sport Boys empatou aos 39 minutos, através do Alfredo Castillo recém-admitidos (que substituíram Marcos Ovejero que foi ferido) com um tiro cruzado baixa sem o goleiro Rodrigo Munoz poderia impedir a queda de sua varanda.

- O dupleto de Salcedo -

Para a segunda etapa, o jogo permaneceu equilibrado e qualquer um poderia ter levado a vitória.

No campus paraguaio Santiago Salcedo tinha eficácia significativa, seu jogo foi gravitando para aumentar a sua conta de computador. Ele marcou dois gols em 61 e 78, embora o time conseguiu igualar cada vez que caiu.

Sport Boys empatou aos 69 Messidoro e Cristhian Coimbra a 81.

Com números correspondentes, o partido manteve-se em uma rodada intensa e vitória teve um movimento pendular entre cada quadrado.

O volante e capitão Liberdade, Antonio Bareiro, seguido com uma grande tarefa para empurrar o ataque, mas os moradores também se esforçou para manter as propinas afiados 'gumarelo'.

E até o último minuto, ele permaneceu intensidade brincando com uma bola que passou de um sector para outro sector, o objetivo selo, embora nenhuma das equipas poderia aumentar a conta.

Na próxima data, em 13 de abril, os bolivianos vão visitar o Atlético Mineiro brasileiro, enquanto Libertad oficiar local, dois dias antes contra a da Argentina Godoy Cruz.

Ficha técnica: 

Copa Libertadores 2017 - Grupo 6 - Primeira data

Sport Boys - Libertad 3 - 3 (1-1)

Estádio: Tahuichi Aguilera (Santa Cruz, leste)

Espectadores: 2.100. Terreno: Regular.

Árbitro: Ruddy Zambrano. Byron Romero e Christian Lescano (trio equatoriano)

Gols:

Sport Boys: Castillo (39), Messidoro (69), Coimbra (81)

Libertad: Medina (28), Salcedo (61, 73)

Admoestações:

Sport Boys: Sánchez Capdevilla (1), Perozo (24), Cordoba (78)

Libertad: Alcaraz (36), Medina (48)

Equipes:

Sport Boys: Carlos Arias; Juan Carlos Zampiery (Jair Torrico, 77), Grenddy Perozo (Cristhian Coimbra, 46) e José Luis Sánchez Capdevilla; Danny Bejarano, Alejandro Meleán, Alexis Messidoro e Jherson Córdoba; Carlos Tenorio, Marcos Ovejero (Alfredo Castillo, 17) e Leandro Ferreira. DT: Xabier Azkargorta.

Libertad: Rodrigo Muñoz; Luis Cardozo, Antolín Alcaraz, Salustiano Candia, Alan Benítez e Sergio Vergara (Jorge Recalde, 86); Antonio Bareiro (Marcelo Cañete, 77), Sergio Aquino, Jesús Medina e Derlis Orué (Iván Ramírez, 65); Santiago Salcedo. DT: Fernando Jubero.

 

AFP

 
00:00