Cree en grande.
CONMEBOL

Eden Hazard, outro grande admirador de Juan Román

Eden Hazard, outro grande admirador de Juan Román

A qualidade do talentoso argentino Juan Román Riquelme transcende os continentes. Desta vez, tem uma manifestação pública de um jogador europeu, que disputará a semifinal da Copa do Mundo de 2018, o capitão belga Eden Hazard.

Hazard, capitão dos 'Diabos Vermelhos', foi um dos melhores em campo contra o Brasil nas quartas de final do Mundial da Rússia de 2018. Em ótimo estado, o atual meia do Chelsea inglês, reconhece sua admiração pela Grandeza Sul-Americana.

Juan Román Riquelme é talvez um dos melhores volantes de todos os tempos. Puro talento, visão, astúcia e grande finalizador de faltas, o gênio argentino desperta admiração no mundo do futebol, como neste caso o de Hazard, considerado um dos melhores futebolistas belgas.

Como esquecer aquele encontro que marcou a carreira de um garoto de 25 anos, nada mais e nada menos contra o Real Madrid, na final da Copa Intercontinental 2000, quando o Boca Juniors derrotou a equipe da capital espanhola por 2-1.

Riquelme jogou talvez uma das suas melhores partidas, dando duas assistências magistrais a Martín Palermo, autor dos gols, e "devorando" o meio-campo usando apenas a sua qualidade. Essa mesma imagem poderia ser comparada com o '10' belga contra a Canarinha.

Quando Juan Román Riquelme anunciou sua aposentadoria com a camisa do Argentinos Juniors, o número de jogadores que cumprimentou o jogador de 36 anos foi impressionante. Mas um dos que atraiu a atenção foi o de Eden Hazard, que, em sua conta no Twitter (@hazardeden), escreveu um sentido "Obrigado por tudo".

-A Libertadores e Román-

A competição mais importante em nível de clubes nessa parte do hemisfério também recebeu o elogio do semifinalista na Rússia em 2018.

Quando se fala da CONMEBOL Libertadores se fala de paixão. O mundo do futebol sabe que o torneio é um dos mais competitivos e, consequentemente, um dos mais emocionantes.

"Juan Román Riquelme e a Libertadores", também se referiu o belga em sua conta oficial.

Román é um dos protagonistas mais emblemáticos da Libertadores com o Boca Juniors, vencendo três vezes (2000 - 2001-2007) a copa representante da "Glória Eterna" na América do Sul.

 

 

 

 

 

 

 

CONMEBOL.com