Cree en grande.
CONMEBOL

Estatísticas dos participantes da 47ª edição do torneio mais antigo do mundo

Estatísticas dos participantes da 47ª edição do torneio mais antigo do mundo

A seguir, as estatísticas dos participantes da CONMEBOL Copa América - Argentina Colombia 2020, 47ª edição do torneio de seleções mais antigo do mundo.

Nesta terça-feira, 3 de dezembro, será o sorteio de chaves do certame, que será disputado de 12 de junho a 12 de julho de 2020, em cidades da Argentina e da Colômbia.

Você poderá seguir o sorteio ao vivo: https://www.youtube.com/watch?v=xh3ncHcCyrc

 - Argentina

  • Argentina venceu a Copa América 14 vezes; só o Uruguai ganhou mais vezes (15).
  • Argentina ganhou a Copa América pela última vez em 1993; passaram dez edições sem poder erguer o título.
  • Argentina chegou à final em quatro das últimas seis edições da Copa América, mas em nenhuma conseguiu ser campeã (2004 e 2007 x Brasil; 2015 e 2016 x Chile).
  • A Argentina é a seleção com mais vitórias (123), menos derrotas (33) e maior diferença de gols (283) na história da Copa América.
  • A quinta partida da Argentina na fase de grupos será o encontro número 200 da Albiceleste na história desta competição. Já o Uruguai é a única seleção que alcançou essa cifra (201 PJ).

- Austrália

  • Austrália jogará na Copa América pela primeira vez. Será a 20ª seleção que participa deste certame e a 10ª fora da CONMEBOL (México, Costa Rica, Estados Unidos, Honduras, Panamá, Japão, Jamaica, Haiti e Qatar são as outras nove).

-Bolívia

  • Bolívia venceu a Copa América apenas uma vez, em 1963, como país organizador.
  • Bolívia venceu uma única partida dentre as oito últimas edições da Copa América (1V 8E 16D), por 3-2 contra o Equador, em 2015.
  • Bolívia perdeu seus últimos oito jogos da Copa América, nos quais recebeu em média três gols por partida (24) e marcou apenas cinco gols no total.

- Brasil

  • Brasil, atual campeão da Copa América, venceu este torneio nove vezes: em 2019, venceu o Peru por 3 a 1 na final.
  • Cinco dos nove títulos do Brasil na Copa América foram em condição de local: 1919, 1922, 1949, 1989 e 2019. O Brasil é o máximo campeão da Copa América no século 21: venceu três das sete edições (2004, 2007 e 2019).
  • Brasil buscará seu terceiro bicampeonato da Copa América em edições consecutivas, depois das conquistas em 1997-1999 e 2004-2007.
  • Na Copa América 2019, o Brasil alcançou a marca de 100 vitórias na história deste certame (184 PJ - 103V 37E 44D).

- Qatar

  • Qatar disputará a Copa América pela segunda vez, após sua participação em 2019, quando foi eliminado na fase de grupos (último no grupo B - 1E 2D).
  • O primeiro gol do Qatar na Copa América foi marcado por Almoez Ali, na estreia contra o Paraguai (empate 2-2) - o segundo tanto do Qatar nessa partida foi um gol contra de Rodrigo Rojas.

- Chile

  • Chile venceu a Copa América duas vezes: em 2015 (em casa) e 2016 (nos Estados Unidos, edição Centenário).
  • Chile não venceu nenhum dos seus últimos quatro jogos na Copa América 2019. Foi sua pior racha na mesma edição desde 1959 (1E 3D nos dois casos).
  • Em 2020, o Chile poderia chegar a 300 gols marcados na Copa América (288 até o momento). Em 2019, marcou apenas sete tantos, mas nas duas edições anteriores, as do bicampeonato, havia marcado mais de 12 gols: 13 em 2015 e 16 em 2016.

- Colômbia

  • Colômbia ergueu a Copa América apenas uma vez, em 2001, como local.
  • Colômbia é a última seleção que foi campeã da Copa América vencendo todas as suas partidas; em 2001, venceu as seis que jogou e não sofreu gols.
  • Colômbia não sofreu gols em nenhum dos últimos cinco jogos da Copa América. É sua segunda maior racha na história (8 jogos com arco invicto entre 2001 e 2004).
  • Colômbia está perto das 50 vitórias (45) e 50 derrotas (47) pela Copa América. Poderia alcançar qualquer uma dessas marcas nesta edição.

- Equador

  • Equador é uma das duas seleções da CONMEBOL que nunca venceram a Copa América; a outra é a Venezuela.
  • Equador acabou invicto em uma única edição da Copa América: em 1997 (2V 2E), quando caiu nos pênaltis contra o México, nas quartas de final.
  • Equador tem a pior diferença de gols na história da Copa América: 189 (129 gols a favor e 318 contra).
  • Na Copa América 2019, o Equador sofreu sua segunda pior derrota pela Copa América neste século: 0-4 contra o Uruguai (1-6 x Argentina em 2004).

-Paraguai

  • Paraguai venceu a Copa América duas vezes: em 1953 e 1979.
  • Paraguai não venceu nenhum dos seus últimos 11 jogos da Copa América (6E 5D); é a sua maior racha sem vitórias na história desta competição.
  • Paraguai venceu apenas um dos seus últimos 21 jogos na Copa América: 1-0 x Jamaica, em 2015 (12E 8D).
  • Paraguai é a seleção com mais empates (42) na história da Copa América. Nesta edição, o Paraguai poderia atingir 300 gols sofridos na Copa América (297 até o momento).

- Peru

  • Peru venceu a Copa América duas vezes: 1939 e 1975; em 2019, ficou em segundo lugar pela primeira vez na história.
  • Peru passou a fase de grupos em cada uma das suas últimas nove participações na Copa América. A última vez que não passou foi em 1995.
  • Peru perdeu apenas quatro de seus 16 jogos na Copa América com Ricardo Gareca como DT (7V 5E); três das quatro derrotas foram contra o Brasil, incluindo a final de 2019 - a outra queda foi contra o Chile, eventual campeão, em 2015.

 
 - Uruguai

  • Uruguai venceu a primeira Copa América (1916) e conquistou o título mais vezes (15) do que qualquer outra seleção.
  • Uruguai não sofreu nenhuma derrota na Copa América 2019 (2V 2E) e manteve o arco invicto em três de seus quatro jogos no torneio; caiu nos pênaltis contra o Peru nas quartas de final.
  • Na última edição, o Uruguai alcançou 200 jogos e 400 gols marcados na Copa América: 201 PJ (mais do que qualquer outra seleção - 110V 36E 55D) e 406 gols (terceiro máximo: 462 Argentina, 418 Brasil).

-Venezuela

  • Venezuela é uma das duas seleções da CONMEBOL que nunca venceram a Copa América; a outra é o Equador.
  • Venezuela participou de 18 edições da Copa América; venceu pelo menos uma partida em cada uma das últimas cinco, enquanto que conquistou uma única vitória entre suas 13 primeiras participações (3-0 contra a Bolívia em 1967).
  • Venezuela venceu apenas oito jogos da Copa América (15E 43D). Entre os países da CONMEBOL, a Vinhotinto tem o menor percentual de vitórias nesta competição (12%).

 

 

 

 

Estatísticas: OPTA

CONMEBOL.com