Cree en grande.
CONMEBOL

Independiente bate Flamengo em primeiro jogo finalista

Independiente bate Flamengo em primeiro jogo finalista

Independiente de Avellaneda derrotou o Flamengo por 2-1 na partida de ida da final da CONMEBOL Sul-Americana 2017 disputada nesta quarta-feira no estádio Libertadores da América e Buenos Aires.

Num eletrizante cotejo, Independiente sai com vantagem na primeira final ante o Flamengo, com tantos de Gigliotti e Maximiliano Meza. A vantagem parcial foi obra de Rever de cabeça para o 'rubro-negro'

O efervescente apoio da maré vermelha que recebeu o Independiente na 'caldera' de Avellaneda não diminui os ânimos do gigante Flamengo, aguerrido time brasileiro que busca reverdecer lauréis, e que se pôs em vantagem apenas quando as emoções começam a agitar.

O ‘Mengão’ golpeou primeiro tirando proveito de um tiro livre aos 8’ com uma bela dianteira de Rever, que aplicou uma parábola perfeita ao cabeçaço fazendo estéril uma possível reação de Martín Campaña, que só pôde acompanhar com a vista a entrada da bola.

O Rojo entrou num mar de emoções e ficou a mercê da visita, que não pôde cristalizar suas chances, o que possibilitou o ressurgir do campeão do certame em 2010, recuperando-se do susto inicial.

E brotou a inspiração do talentoso Martín Benítez, quem aos 29' fez uma brilhante jogada para o empate, assistindo magistralmente o goleador Emmanuel 'Puma' Gigliotti, que bem situado na área aguardou o momento justo para fazer o disparo com a destra e punho fechado para celebrar seu tanto.

Com a igualdade e as emoções à flor da pele o primeiro tempo chegou ao fim.

Mal começou o segundo tempo, Maximiliano Meza impactou de primeira, com grande voleio, um preciso passe de esquerda de Ezequiel Barco para marcar o 2-1 aos 53' minutos.

O Rojo pôs desde então o jogo ao seu favor gerando inumeráveis chances para esticar a vantagem, mas a defesa ‘rubro-negra’ se manteve firme para aguentar embates do local, qie cp sia fervorosa torcida avançava em ataques.

O experiente Diego Ribas tomou as rédeas e conduziu o jogo do Mengão, que conseguiu sair do poço e esteve a ponto do empate, mas o uruguaio Campaña foi um verdadeiro bloqueio no arco.

A volta da final será na próxima quarta no mítico Maracanã. Independiente mostrou valentia para se repor e dar a volta no placar ante o Flamengo, que teve boas passagens de grande jogo coletivo e que, em casa com apoio da torcida local será um duro rival em busca da coroa continental. 

O campeão da Sul-Americana obtém uma vaga na fase de grupos da CONMEBOL Libertadores de 2018 e disputará a Recopa Sul-Americana no ano que vem contra o Grêmio do Brasil, vencedor da Glória Eterna 2017.

 

 

 

 

 

 

 

 

CONMEBOL.com