Cree en grande.
CONMEBOL

Independiente x Flamengo em duelo decisivo

Independiente x Flamengo em duelo decisivo

Duas equipes marcadas para enfrentar-se em instâncias decisivas, onde apenas uma avançará e alcançará a glória.

Os números refletem vários confrontos entre ambos os times em que não existe uma clara superioridade.

Ambos chegam com bons precendentes de etapas anteriores, pelo que esta primeira final será disputada no Estádio Libertadores da América, quarta-feira a partir das 20:45 não tem um favorito claro, talvez Independente porque é local ... mas o futebol não tem lógica ...

- Independiente - Flamengo -

Registram 8 confrontos internacionais oficiais, com a curiosidade de que todos eles ocorreram no período de apenas 6 anos (entre 1995 e 2001).

Esta será a quinta vez que devem ser eliminados. Em todas as ocasiões, Independiente foi local no jogo de ida

Final Supercopa 1995: Vitórias consecutivas como locais. Independiente 2-0 e Flamengo 1-0 

Oitavas de final Supercopa 1996: Empate 0-0 em Buenos Aires e triunfo do Flamengo 1-0 

Quartas de final Mercosul 1999: Igualdade 1-1 na Argentina e uma vitória brasilera 4-0 como local

Quartas de final Mercosul 2001: Novo empate com Independiente local (0-0) e outra vitória do Flamengo em seu país (4-0)

- Independiente local -

Ótimo percorrido na Copa Sul-Americana, onde só perdeu 2 dos 22 jogos que disputou

Acumula quatro vitórias consecutivas, todas na edição atual: Deportes Iquique 4-2, Atlético Tucumán 2-0, Nacional de Assunção 2-0 e Libertad 3-1 e 7 sem perder. A última derrota foi em 22 de outubro de 2015 contra Santa Fe 1-0 (Balanta) pelas quartas de final

Em competições da Conmebol recebeu em 28 oportunidades equipes do Brasil (17 - 7 - 4)

As derrotas foram: Palmeiras 2-0 (Libertadores 1961), Cruzeiro 2-1 (Supercopa 1988), Palmeiras 3-0 (Mercosul 1998) e Palmeiras 2-1 (Mercosul 2000) 

- Flamengo visitante -

Jogou 10 partidas na Copa Sul-Americana com resultado equilibrado (3 - 3 - 4)

Os seus triunfos foram: Atlético Paranaense 1-0 (Ronaldinho) em 2011, Palestino 1-0 (Emerson Sheik) em 2016 e Junior 2-0 (Felipe Vizeu 2) quinta-feira passada

Nos torneios Conmebol jogou 26 vezes na Argentina: 5 a 9-12

As vitórias: River Plate 3-0 (Lico, Zico, Nunes/Libertadores 1982), Estudiantes 2-0 (Zinho, Gaúcho/Supercopa 1991), Vélez Sársfield 3-2 (Trotta, Herrera – Edmundo, Savio, Rodrigo/Supercopa 1995), Vélez Sársfield 3-0 (Savio 3/Supercopa 1997) e San Lorenzo 2-1 (Romeo – Juan, Edilson/Mercosul 2001) 

- Árbitro – Mario Díaz de Vivar -

Será a sua 15ª partida nos torneios Conmebol

Seis deles foram para a Copa Sul-Americana

Ele nunca liderou oficialmente Independiente e duas vezes arbitrou o Flamengo: Bolívar 0-1 (Libertadores 2014) e Fluminense 1-0 (Sul-Americana 2017). A partida entre Bolívar e Flamengo foi sua estreia nos torneios de clubes Conmebol.

Será seu segundo duelo na Argentina. O anterior ocorreu no dia 8 de março deste ano: Atlético Tucumán 1 – Palmeiras 1

 

CONMEBOL.com

Eduardo Bolaños