Cree en grande.
CONMEBOL

Os 17 campeões que adornam a CONMEBOL Libertadores 2018

Os 17 campeões que adornam a CONMEBOL Libertadores 2018

A competição mais importante do continente a cada ano aumenta a emotividade e o prestígio, graças à participação das melhores equipes da América do Sul e que nesta nova entrega reúne 17 dos 25 clubes que souberam #AcreditarSempre e ergueram o troféu de campeão.

"Será uma Copa muito competitiva, com grandes equipes e campeões", afirma o treinador Miguel Ángel Russo, que venceu o campeonato em 2007 direcionando Boca Juniors e este ano vai participar no banco dos Millionarios.

"Todos os anos é difícil conquistar a Libertadores, é cada vez mais difícil", também prevê Carlos Tevez, o flamante reforço do 'Xeneize' e que já ganhou o título em 2003.

As opiniões dos protagonistas concordam com o panorama deste 2018, que tem a participação recorde de 17 campeões dos 25 que marcaram seu nome nos selos da Copa mais desejada do continente.

O Presidente da CONMEBOL, Alejandro Domínguez, susteve que a Libertadores "é a jóia da coroa" e considera ser o campeonato de clubes "mais excitante do mundo", em referência aos times que promovem o torneio todos os anos.

A Libertadores começa no dia 22 de janeiro de 2018, com a Primeira Fase, onde o tri-campeão Olímpia do Paraguai tentará escalar séries.

Na Segunda Fase: Nacional do Uruguai e Vasco Da Gama.

Na Fase de Grupos:

O atual campeão Grêmio integra o Grupo 1, Atlético Nacional e Colo Colo estão localizados no Grupo 2, o Peñarol está no Grupo 3, River Plate e o Flamengo ocupam o Grupo 4, Cruzeiro e Racing estão no Grupo 5, Santos e Estudiantes permanecem no Grupo 6, Corinthians e Independiente no Grupo 7, enquanto Boca Juniors e Palmeiras fecham o grupo de campeões no Grupo 8.

Desta maneira estão conformados os grupos da#CONMEBOLLibertadores 2018. pic.twitter.com/RPgJarNxGh

— CONMEBOL.com (@CONMEBOL) 21 de dezembro de 2017

-Brasil e Argentina, os vencedores-

As equipes do Brasil e da Argentina são as mais vencedoras da CONMEBOL Libertadores, inaugurada em 1960.

Eles ganharam 42 das 57 edições do campeonato. Vinte e dois dos últimos vinte e seis campeões foram divididos entre os clubes das duas potências sul-americanas, com exceção do Atlético Nacional em 2016, a Liga Equatoriana de Quito em 2008, o colombiano Once Caldas em 2004 e Olímpia do Paraguai em 2002.

Independiente de Avellaneda, último vencedor da CONMEBOL Sul-Americana, é a equipe que possui mais troféus de campeão com 7 vitórias, seguido por Boca Juniors com 6.

 

 

 

CONMEBOL.com