Cree en grande.
CONMEBOL

River Plate vence Racing e avança às quartas

River Plate vence Racing e avança às quartas

O River Plate bateu o Racing Club 3-0 para vencer a série argentina das oitavas de final da CONMEBOL Libertadores, jogada quarta-feira no estádio Monumental, em Buenos Aires.

Com gols de Lucas Pratto, Exequiel Palacios e do colombiano Rafael Santos Borré, a equipe dirigida por Marcelo Gallardo ganhou em sua fortaleza para definir uma série com um empate sem gols na ida, no Cilindro de Avellaneda.

A partida foi perfeita para o River, que teve uma abordagem tática que rapidamente deu resultado para Gallardo.

Depois de 11 minutos o atacante Lucas Pratto recebeu um centro atrás de Montiel e com uma furiosa definição deixou estéril a reação do goleiro chileno Gabriel Arias para marcar o primeiro tanto de uma série em branco.

Do lado do Racing tudo era confusão porque Ricardo Centurión se conectava pouco com Matías Saracho, Gustavo Bou e Lisandro López, enquanto se preocupava muito pelos atritos com os rivais.

Aos 27 minutos veio o segundo gol para o River depois de um contra-ataque que terminou com um remate sem intenção de Neri Cardozo que habilitou o juvenil Exequiel Palacios, que definiu com grande classe com um remate diagonal.

Isso foi um golpe no ânimo do visitante e um incentivo para o local, que teve mais duas chances para terminar o primeiro tempo com uma diferença maior no placar.

O goleiro Franco Armani provou ser um jogador chave neste plantel do River porque atacou duas intervenções decisivas, uma em cada tempo para deixar seu arco invicto pela quinta vez consecutiva na temporada.

Quando parecia que o desconto do Racing estava caindo, uma jogada isolada que termina após um escanteio no minuto 80, encontrou um desvio do colombiano Rafael Santos Borré para encerrar uma grande noite para River em geral, e para o colombiano em particular.

 

 

EFE