Cree en grande.
CONMEBOL

River recebe Cerro Porteño de olho nas semifinais

River recebe Cerro Porteño de olho nas semifinais

O River Plate argentino vai tentar se encaminhar para as semifinais da CONMEBOL Libertadores quando receba, na quinta-feira, na ida das quartas de final, o lutador Cerro Porteño, do Paraguai.

Nas oitavas de final, o River teve que sofrer até os pênaltis, mas eliminou um rival sempre perigoso, o brasileiro Cruzeiro, após dois empates sem gols.

Enquanto isso, o Cerro Porteño eliminou em duelo de 'ciclones' o argentino San Lorenzo, com empate 0-0 em Buenos Aires e vitória 2-1 em Assunção.

O jogo será disputado na quinta-feira, a partir das 19h15 locais (22h15) no estádio Monumental e será arbitrado pelo peruano Víctor Carrillo, enquanto o VAR estará a cargo do brasileiro Raphael Claus.

A revanche será disputada em 29 de agosto, no estádio Nueva Olla de Assunção, e o vencedor desta série enfrentará o ganhador da eliminatória entre o Boca e o Liga de Quito.

-Estas são as possíveis formações-

River: Franco Armani - Gonzalo Montiel, Robert Rojas, Lucas Martínez Quarta e Milton Casco - Nicolás de la Cruz, Enzo Pérez, Exequiel Palacios, Ignacio Fernández - Matías Suárez e Rafael Borré. DT: Marcelo Gallardo.

Cerro Porteño: Juan Pablo Carrizo - Alberto Espínola, Juan Patiño, Fernando Amorebieta, Santiago Arzamendia - Óscar Ruiz, Mathías Villasanti, Juan Aguilar, Federico Carrizo - Nelson Haedo e Joaquín Larrivey. DT: Miguel Ángel Russo.

-Números-

  • River Plate e Cerro Porteño se enfrentaram quatro vezes na CONMEBOL Libertadores; o 'Milionário' venceu e não recebeu gols nos dois jogos mais recentes (edição 2000); já haviam empatado um duelo e o restante foi ganho pelo 'Ciclón', ambos na edição de 1993.
  • River Plate disputará as quartas de final da CONMEBOL Libertadores pela terceira edição consecutiva; é sua segunda maior racha histórica na competição (4 entre 1998-2001 e 2003-2006).
  • Cerro Porteño venceu apenas dois dos seus 11 jogos fora de casa na Argentina pela CONMEBOL Libertadores (4E 5D); venceu o Newell's em 1993 (2-1) e o Rosario Central em 2006 (2-0).
  • Os últimos oito gols do River Plate como local na CONMEBOL Libertadores foram marcados por diferentes jogadores; incluindo os cinco da edição atual: Matías Suárez, Lucas Martínez Quarta, Nicolás De La Cruz, Julián Álvarez e Lucas Pratto.
  • Cerro Porteño tentou 25 remates a menos do que seus rivais jogando como visitante na CONMEBOL Libertadores 2019 (31-56); apesar disso, marcou o mesmo número de gols que seus adversários (3).

 

 

 

CONMEBOL.com/AFP

Números: OPTA