Cree en grande.
CONMEBOL

Sul-Americano Sub 17: Jogos imperdíveis na segunda jornada do Hexagonal Final

Sul-Americano Sub 17: Jogos imperdíveis na segunda jornada do Hexagonal Final

Neste sexta-feira se disputa a segunda jornada do Hexagonal Final do campeonato CONMEBOL Sul-Americano Sub 17, com três jogos prometedores. A jornada começa com Paraguai x Equador (17h45), seguido por Chile x Colômbia (20h00) e encerra Brasil x Venezuela (22h15) no estádio El Teniente de Rancagua.

Equador buscará sua recuperação ante o Paraguai. A ‘Minitri’ caiu na primeira data frente a Colômbia 2-1, portanto precisa de pontos para não ficar relegado na luta por um dos cupos para a classificação ao Mundial da Índia.

Já a ‘Albirrojita’ realizou uma boa tarefa na segunda metade ante o Brasil, conseguindo empatar 2-2. O conjunto paraguaio deverá afinar seu jogo para chegar a seus primeiros três pontos no Hexagonal.

A partir das 17h45 iniciará o jogo, no estádio El Teniente de Rancagua.  

Estatísticas

Equador x Paraguai

Disputaram 6 partidas com total paridade

Dois triunfos para cada um e a mesma quantidade de empates

As vitórias do Equador: Fase de grupos 1997 (2-1) e Fase de grupos 2005 (3-1)

Os êxitos do Paraguai: Fase de grupos 1988 (2-1) e Fase de grupos 2013 (3-0)

Esta é a máxima goleada do histórico

Primeiro jogo: Equador 1 – Paraguai 2 (Fase de grupos 1988)

Último encontro: Equador 2 – Paraguai 2 (Rodada final 2015)

 

O anfitrião tentará ratificar seu bom momento com outro triunfo ante a seleção da Colômbia, que também conta com três pontos, ao superar 2-1 o Equador na primeira jornada.

Chile chega ao cotejo depois de ter ganhado 1-0 a Venezuela e quer seguir no bom caminho. Os dirigidos de Hernán Caputto estão enfocados em chegar à classificação, para depois pensar no título.

A seleção ‘cafeteira’ mostrou-se sólida no início do Hexagonal e ratificou com vitória sobre o Equador. A Colômbia busca lavar sua imagem depois do magro torneio realizado pela seleção Sub 20, que não acedeu ao Mundial de sua categoria.

O jogo começa às 20h00, no coliseu El Teniente de Rancagua.

Estatísticas

Colômbia - Chile

Registram 9 enfrentamentos

Vantagem para Chile com 4 triunfos (14 gols a favor e 8 contra), 1 derrota e 4 empates

A única vitória da Colômbia foi na fase de grupos 2001 por 1-0

Esse foi o único jogo onde o Chile não converteu.

A máxima goleada foi na fase de grupos 1985: Chile 4 – Colômbia 0

Primeira partida: Colômbia 0 – Chile 4 (Fase de grupos 1985)

Último encontro: Colômbia 1 – Chile 1 (Fase de grupos 2017)

 

Joga Brasil, porém não há favoritos. Um duelo mais que interessante encerrará a segunda jornada do Hexagonal, quando Brasil enfrentar a Venezuela. Para a ‘Canarinha’ escaparam-se os três pontos ante o Paraguai, seu jogo conta com bom desempenho do meio para cima, mas parece carecer na hora de defender.

No comando de seu astro Vinicius entrará na briga por chegar a seus primeiros três pontos para revalidar sua condição de candidato a conquistar um cupo para o mundial da categoria.

Por seu lado, a Vinhotinto vem mostrando um bom jogo, mas não concretiza suas chances de gol. Contra a ‘Roja’ caiu 1-0, portanto está imperiosamente obrigada a vencer para chegar a tentar um boleto ao próximo mundial Sub 17.

O encontro está marcado para 22h15 (locais) no estádio El Teniente de Rancagua.Estadísticas

Brasil – Venezuela

Enfrentaram-se 11 vezes

Ampla superioridade do Brasil que ganhou 8 (38 gols), Venezuela 1 (11 tantos) e empataram 2

A única vitória da Venezuela foi na fase de grupos 2015 por 3-2.

Brasil marcou gols sobre a Venezuela nos 11 jogos do histórico

A máxima goleada foi no torneio de 1985: Brasil 7 – Venezuela 0

Primeira partida: Brasil 7 – Venezuela 0 (Fase de grupos 1985)

Último encontro: Brasil 1 – Venezuela 0 (Fase de grupos 2017)

 

Árbitros y Delegados

 

CONMEBOL.com

Estatísticas: Eduardo Bolaños