NOTICIAS DESTACADAS

“Diego inmortal”, el grito desde el CONMEBOL Tree Of Dreams a dos años de su partida
“Diego inmortal”, el grito desde el CONMEBOL Tree Of Dreams a dos años de su partida
Ecuador quiere seguir haciendo historia en la Copa Mundial – Catar 2022  
Ecuador quiere seguir haciendo historia en la Copa Mundial – Catar 2022  
Con un encendido Richarlison, Brasil consigue su primer triunfo
Con un encendido Richarlison, Brasil consigue su primer triunfo

Faltando 50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa

  • Brasil, primeiro colocado no Ranking Mundial da FIFA, deseja reescrever a grande história em uma Copa do Mundo da FIFA.

  • Depois do título da Coreia-Japão 2002 não conseguiu subir ao pódio porém, hoje em dia, é uma seleção forte, repleta de estrelas, comandada por Tite, quem já conquistou títulos importantes como a CONMEBOL Libertadores e Mundiais de Clubes da FIFA.

Como está chegando

A Seleção Canarinho terminou em primeiro lugar nas Eliminatórias Sul-Americanas, com 14 vitórias e 3 empates. Além disso, encerrou o processo de classificação com uma incrível marca de 40 gols convertidos e apenas 5 recebidos. Chegou à Final da Copa América 2021, onde perdeu da Argentina e não pôde manter o título conquistado na edição anterior (2019).

A equipe dirigida por Tite chega ao Catar com um grande nível de astros que brilham a cada semana nas melhores ligas europeias: Neymar (PSG), Vinícius (Real Madrid), Raphinha (Barcelona), Gabriel Jesus (Arsenal), Casemiro (Manchester United) e Alisson (Liverpool).

O craque

Neymar, com a 10 da Seleção ‒outrora vestida por lendas como Pelé, Zico e Rivaldo‒ é o grande destaque da Verde-Amarela e terá seu terceiro encontro mundialista no Catar. Na Copa do Mundo Brasil 2014, uma lesão o deixou fora dos jogos decisivos, enquanto na Rússia 2018 alcançou as Quartas de Final, onde perdeu da Bélgica. 

Em Mundiais, disputou 10 encontros com uma média de gols de 0.60 (6 gols). Aos seus 30 anos, Neymar vai em busca da glória máxima em nível de seleções. Com a camisa do país comemorou no Sul-Americano Sub-20 Peru 2011, na Copa das Confederações FIFA 2013 e nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

O treinador

Adenor Leonardo Bacchi, mais conhecido como Tite, tem uma trajetória de mais de 30 anos formando equipes. Assumiu o cargo de técnico da seleção brasileira em 2016 e ergueu a taça da Copa América Brasil 2019. Sua experiência, somada à grande qualidade do plantel, dá um plus na equipe histórica e forte candidata ao título no Catar.

Sua marca na liderança da Verde-Amarela possui um alto grau de eficácia: em 74 encontros disputados 56 triunfos, 13 empates e apenas 5 derrotas.

A história

Brasil tem um papel fundamental na história da Copa do Mundo da FIFA. É o máximo ganhador da competição com 5 títulos (Suécia 1958, Chile 1962, México 1970, Estados Unidos 1994 e Coreia-Japão 2002). 

A seleção também ocupa o primeiro lugar na tabela geral da história com 237 pontos e é a única a ter participado de todas as Copas do Mundo da FIFA.

Os adversários do Brasil no Catar 2022

A seleção comandada por Tite formará parte do Grupo G. Se classificar para a seguinte rodada, enfrentará nas Oitavas de Final uma equipe do Grupo H (Portugal, Gana, Uruguai e Coreia do Sul). Seus rivais na Fase de Grupos são:

  • Sérvia. 24 de novembro, 22.00 (GMT+3), no Lusail Stadium.

  • Suíça. 28 de novembro, 19.00 (GMT+3), no Estádio 974.

  • Camarões. 2 de dezembro, 22.00 (GMT+3), no Lusail Stadium.

CONMEBOL.com/OPTA.

Fotos: Archivo/AFP.

Últimas Noticias