Cree en grande.
CONMEBOL

Coquimbo Unido x Defensa y Justicia: histórico primeiro encontro

Coquimbo Unido x Defensa y Justicia: histórico primeiro encontro

Nesta quinta-feira, o Coquimbo Unido do Chile e o Defensa y Justicia da Argentina têm um encontro com a história: jogarão pela primeira vez uma semifinal na CONMEBOL Sul-Americana na sua busca pela Grande Conquista.

Os 'Piratas', penúltimos colocados no torneio chileno, conseguiram uma incrível e histórica classificação para as semifinais do campeonato, depois de deixarem pelo caminho o colombiano Junior de Barranquilla por melhor diferença de gols.

Por sua parte, Defensa y Justicia da Argentina se classificou para as semifinais depois de vencer o brasileiro Bahia.

Na outra chave rumo à Grande Conquista, os argentinos Lanus e Velez Sarsfield se enfrentam.

 

- Ficha: Semifinal (ida) -

Partida: Coquimbo Unido x Defensa y Justicia

Estádio: Manuel Ferreira - Assunção

Hora: 19:15 local - 00:30 GMT

Árbitro: Jesus Valenzuela (VEN)

VAR: Andrés Cunha (URU)

 

- Antecedentes -

  • Entre a CONMEBOL Sul-Americana e a Libertadores, esta será a sexta semifinal entre times da Argentina e do Chile; os argentinos venceram quatro das cinco anteriores (Estudiantes x Católica na LIB 1969, River x U. de Chile na LIB 1996, Boca x Católica na SUD 2005 e Boca x U. de Chile na LIB 2012); a vitória chilena foi na Libertadores 1991 (Colo-Colo x Boca).
  • Tanto Coquimbo Unido quanto Defensa y Justicia jogarão a sua primeira semifinal em competições CONMEBOL.
  • Coquimbo Unido disputou 16 jogos em competições da CONMEBOL: oito na Libertadores de 1992 e oito nesta Sul-Americana (6V 2E 8D); ganhou cinco dos seus oito jogos na Sul-Americana 2020 (1E 2D).
  • Defensa y Justicia não perdeu nenhum dos seus seis jogos na CONMEBOL Sul-Americana 2020 (4V 2E); é a sua maior racha em torneios CONMEBOL, ganhando três jogos como visitante nesta Copa.
  • Entre a CONMEBOL Libertadores 2020 e a CONMEBOL Sul-Americana 2020, Defensa y Justicia marcou 17 gols; mais da metade foram marcados por Braian Romero (9), que é o máximo artilheiro em competições CONMEBOL de 2020.

 

 

 

 

AFP / CONMEBOL.com - OPTA