Cree en grande.
CONMEBOL

Crianças de projeto social fazem corredor de boas-vindas para jogadores da final

Crianças de projeto social fazem corredor de boas-vindas para jogadores da final

O sorriso de uma criança vale tudo. Foram 65 crianças que moram no Jardim Gramacho, no Rio de Janeiro, que fizeram parte da grande festa da final da CONMEBOL Sul-Americana, disputada no Estádio do Maracanã.

As crianças que participam do projeto IDE Jardim Gramacho foram convidadas pelo departamento de marketing do Flamengo junto com a CONMEBOL para fazer o corredor de saída para os jogadores do Flamengo e Independiente, que participaram da final que terminou com o marcador 1-1, dando o título para o "Rojo de Avellaneda".

As crianças fazem parte do projeto #FestaNaFavela, que neste ano levou mais de 1.500 crianças de diferentes comunidades para o estádio nos jogos do Flamengo.

E desta vez foi ainda melhor. As 65 crianças escolhidas para a grande final participaram do protocolo pré-jogo da Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL).

Todas usavam uniformes com as cores dos times que jogaram e fizeram um corredor ao lado do gramado durante a entrada dos jogadores.

Talvez o momento mais emotivo tenha sido quando dois dos meninos entregaram a bola ao árbitro da partida antes do início do jogo. 

Mas o que muitos não viram, e que as câmeras não capturaram, aconteceu antes da entrada dos atletas, foram as lágrimas das crianças, algumas pisavam pela primeira vez no majestoso Maracanã.

Foi uma festa do início ao fim, e as lágrimas de emoção logo se transformaram em sorrisos, e isso vindo de uma criança não tem preço. #AcrediteSempre

CONMEBOL.com  

Dados: medium.com