Cree en grande.
CONMEBOL

Noite mágica no lançamento do troféu da Copa América Centenário

Noite mágica no lançamento do troféu da Copa América Centenário

Na presença do presidente da CONMEBOL Alejandro Dominguez W-S, e integrantes do Comitê Executivo da entidade, foi apresentado na Colômbia, nesta quinta-feira 28 de abril, o troféu especial que será entregue ao vencedor da Copa América Centenário Estados Unidos de 2016.

A apresentação do troféu foi na Sede Esportiva da Federação Colombiana de Futebol, que reuniu convidados especiais de todo o continente e jornalistas que viveram uma noite mágica, com um passeio pela rica história do torneio Centenário através de projeções (mapeamento) e a exposição de peças que compõem o rico legado do evento, que nos EUA terá a disputa de sua 45ª edição.

Este troféu será entregue ao vencedor da Copa América Centenário, que será disputado de 3 a 26 de junho, em dez cidades dos Estados Unidos, com a participação de dez seleções da América do Sul e 6 equipes de nações da CONCACAF, em ocasião ao 100 º aniversário da CONMEBOL.

Para comemorar este evento futebolístico extraordinário que só acontece uma vez na vida, a CONCACAF e a CONMEBOL encomendaram um troféu especial e sem precedentes. Ele foi projetado pela Epic Studios nos Estados Unidos, e criado por London Workshops of Thomas Lyte, na Inglaterra.

Confeccionar o design levou 89 dias e materializar a obra, outros 98 dias, produzindo-se assim o troféu personalizado da Copa América Centenário, feito de uma base de metal prateado e coberto com ouro de 24 quilates.

Mede 61 centímetros de altura e pesa cerca de 7,1 kg (15,65 libras).

A equipe vencedora conquistará este troféu de maneira definitiva e poderá guardá-lo em suas vitrines permanentemente, dada a condição de torneio extraordinário que tem a Copa América Centenário Estados Unidos 2016.

O troféu será entregue oficialmente ao campeão da Copa América Centenário em 26 de junho, na final a ser disputada no Estádio MetLife, em Nova Jersey, Estados Unidos.

O campeão do torneio também ficará com a Taça América histórica e verá o seu nome gravado neste prestigioso troféu.

O vencedor do certame também ficará registrado na lista oficial dos ganhadores da Copa América.

Durante o evento foram homenageados representantes do Brasil, Argentina, Chile e Uruguai, com réplicas do troféu. Ademais foram condecorados Carlos Plata e Atilio Garrido, bem como foi condecorado o goleiro colombiano, Efrain Cayman Sanchez, de 90 anos de idade.