Página inicio CONMEBOL

NOTICIA DESTACADA

[smartslider3 slider="7"]
Museo Conmebol
Cree en Grande
Pesquisar
Close this search box.

3ª rodada eletrizante na CONMEBOL Sudamericana

  • A 3ª rodada da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2023 trouxe disputas acirradas.



Concluída a primeira metade da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2023. Alguns times conquistaram vantagens significativas na busca pela classificação.


– Grupo A –

– Magallanes (CHI) 2-2 Univ. César Vallejo (PER) –

Magallanes e César Vallejo empataram em 2-2, situação que complica as aspirações de classificação dos chilenos. Os peruanos marcaram seu primeiro ponto na Fase de Grupos na competição. N. Berardo aos 23′ e S. Santibáñez (AG) aos 33′ marcaram os gols do time chileno. F. Ysique aos 19′ e Mena aos 56′ foram os autores dos gols do Universidad.


– Números do Jogo –

  • Os últimos três empates do Universidad César Vallejo em CONMEBOL Sudamericana foram pelo mesmo resultado (2-2): x Millonarios em casa; x Universitario de Sucre como visitante – ambos em 2014 – e hoje contra o Magallanes.

  • Os clubes chilenos seguem com sua invencibilidade para equipes do Peru pela Sudamericana (4V e 2E), embora hoje tenha sido a primeira nesta sequência em que receberam mais de um gol.


– Botafogo (BRA) 0-0 LDU Quito (EQU) –

Botafogo e Liga de Quito empataram sem gols no Rio de Janeiro. O time equatoriano segue na liderança do Grupo A com sete pontos.


– Números do Jogo –

  • A LDU Quito atingiu sua maior sequência de partidas sem perder fora de casa na Sudamericana. Foram três vitórias seguidas e o empate de hoje contra o Botafogo.

  • Botafogo só perdeu uma das cinco partidas em que recebeu equipes equatorianas em torneios da CONMEBOL, mantendo sua barreira invicta em todos os jogos que venceu ou empatou (3V 1E).


– Grupo B –

– Huracán (ARG) 1-1 Danubio (URU) –

Huracán e Danubio empataram com um gol para cada lado. Rafael Haller aos 24′ marcou para os uruguaios, e Joaquín Novillo fez para os argentinos aos 69′.


– Números do Jogo –

  • Após sete derrotas consecutivas entre 2007 e 2015, Danubio não perdeu seus dois últimos encontros com times argentinos em torneios da CONMEBOL (1V e 1E).

  • O ‘Huracán’ marcou gols em 9 das 10 partidas que jogou em casa pela CONMEBOL Sudamericana (5V, 4E e 1D). A única exceção foi no jogo de ida da final de 2015 diante do Santa Fe (0-0)


– Guaraní (PAR) 1-1 Emelec (EQU) –

Emelec conseguiu um ponto no Paraguai ao empatar 1-1 com o Guarani. Federico Santander marcou um gols aos 63′ para o ‘Aborigen’ e Alejandro Cabeza empatou o jogo aos 83′.


– Números do Jogo –

  • Guaraní nunca perdeu para o Emelec em competições da CONMEBOL (2V e 1E). Esta foi a primeira, dentre as três partidas entre esses dois times, que o time equatoriano consegue marcar gol contra o paraguaio.

  • Guarani nunca perdeu em casa para times equatorianos em competições da CONMEBOL (4V e 4E). Esta foi a primeira vez que recebeu uma equipe do Equador numa CONMEBOL Sudamericana.



– Grupo C –


– Tacuary (PAR) 3-1 Oriente Petrolero (BOL) –

Tacuary vence o Oriente Petrolero com dois gols de Edson Cariús, aos 14′ e aos 52′. Para o clube boliviano marcou Alfonso, aos 57′. Cristian Álvarez descontou para o clube boliviano aos 29′.


– Números do Jogo –

  • Tacuary conquistou sua primeira vitória em competições da CONMEBOL em sua décima quarta partida disputada em jogos continentais (1V, 7E e 6D).

  • Tacuary nunca enfileirou derrotas em casa nas competições da CONMEBOL Sudamericana (1V, 3E e 2D). Esta foi a primeira vitória da equipe diante de sua torcida, e a primeira vez que marcou três gols em casa no torneio.


-Red Bull Bragantino (BRA) 0-0 Estudiantes de La Plata (ARG) –

Estudiantes de la Plata e Red Bull Bragantino empataram sem gols no Brasil. Ambos seguem na liderança do Grupo C com sete pontos.


– Números do Jogo –

  • Red Bull Bragantino acumula seis partidas sem derrotas em casa, disputando CONMEBOL Sudamericana (4V e 2E), e mantendo sua defesa invicta nos últimos quatro jogos da série (3V e 1E).

  • Estudiantes amplia para quatro sua maior sequência invicta sem perder para o Brasil, fora de casa, em torneios da CONMEBOL (1V e 3E). Também é a primeira vez que o ‘Pincha’ soma redes zeradas, fora de casa, contra adversários do Brasil (2E).



– Grupo D –


– Deportes Tolima (COL) 0-0 São Paulo (BRA) –

O empate de 0-0 com o Deportes Tolima deu ao São Paulo o ponto necessário para manter o time paulista na liderança do Grupo D.


– Números do Jogo –

  • Deportes Tolima manteve sua invencibilidade nas redes contra times do Brasil em torneios da CONMEBOL pela primeira vez, desde a Libertadores de 2020, quando empatou com o Internacional (0-0). Nesse ínterim, passaram nove jogos sofrendo gols desses adversários (2V, 1E e 6D).

  • São Paulo nunca perdeu jogos da fase de grupos de nenhuma CONMEBOL Sudamericana (7V e 2E). Além disso, o time brasileiro chegou ao seu sexto jogo consecutivo sem sofrer gols nessa fase do campeonato.


– A. Puerto Cabello (VEN) 0-3 Tigre (ARG) –

Tigre venceu o Academia Puerto Cabello por 3-0, jogando fora de casa, na Venezuela. Somou seis pontos e conquistou o segundo lugar na tabela do Grupo D. Os gols do jogo foram marcados por M. Retegui aos 24′, L. Menossi aos 68′ e L. Blondel aos 81′.


– Números do Jogo –

  • Pela primeira vez, desde abril de 2013, o Tigre conseguiu vitórias consecutivas em competições da CONMEBOL (2-1 x Deportes Tolima, 3-0 x Academia Puerto Cabello).

  • Como visitante, o Tigre marcou cinco gols em seus dois últimos jogos na CONMEBOL Sudamericana (2V). Antes disso, o ‘Matador’ havia marcado somente três gols em seus anteriores sete jogos fora de casa (1V, 1E e 5D).



– Grupo E –

– Newell´s Old Boys (ARG) 1-0 Santos (BRA) –

Com um gol de Iván Gómez aos 84′, o Newell’s Old Boys bateu o Santos do Brasil e se mantém no topo do Grupo E com a maior pontuação.


– Números do Jogo –

  • Newell’s estende sua invencibilidade jogando em casa contra times brasileiros em torneios da CONMEBOL. O time rubro-negro nunca perdeu para esses rivais nessa condição. Foram cinco vitórias e três empates contra sete adversários diferentes (Athletico Paranaense, Atlético Goianiense, Atlético Mineiro, Goiás, Grêmio, São Paulo e Santos).

  • Newell’s venceu suas últimas três partidas pela CONMEBOL Sudamericana. O ‘Leproso’ não alcançava essa sequência de vitórias em competições da CONMEBOL desde 1988 (3V), quando chegou à final da Libertadores.


– Audax Italiano (CHI) 2-0 Blooming (BOL) –

Blooming pedeu para o Audax Italiano por 0-2. Os gols do vencedor foram marcados por Gonzalo Sosa aos 45′ e Gonzalo Ríos aos 66′. Junto com o Santos, o Audax conquistou o segundo lugar do Grupo E, ambos com quatro pontos.


– Números do Jogo –

  • Audax Italiano venceu cinco de suas últimas seis partidas em casa em torneios da CONMEBOL. Manteve suas redes zeradas em três das partidas desta sequência.

  • Como local, o Audax Italiano venceu os três jogos que disputou contra rivais bolivianos nas competições da CONMEBOL. Os chilenos marcaram dois gols em cada um desses confrontos.



– Grupo F –

– Millonarios (COL) 1-1 América Mineiro (BRA) –

América Mineiro, como visitante, ganhou um ponto ao empatar com o Millonarios (1-1). Leonardo Castro abriu o placar para o time colombiano aos 16′. Felipe Azevedo igualou a disputa aos 47′.


– Números do Jogo –

  • Os clubes colombianos enfileiram jogos invictos, contra adversários do Brasil na Sudamericana, pela primeira vez desde 2018, quando Junior e Athletico Panaranense empataram em 1-1 no jogo de ida e na volta da Final.

  • América Mineiro disparou 13 vezes contra o Millonarios, seu segundo maior recorde histórico de chutes, fora de casa, em torneios da CONMEBOL, atrás apenas dos 17 remates contra o Guaraní, em março de 2022, pela CONMEBOL Libertadores.


– Defensa y Justicia (ARG) 4-1 Peñarol (URU) –

Defensa y Justicia goleou o Peñarol por 4-1 em casa, em partida que deixou o time uruguaio na lanterna da classificação, sem pontos. A. Sant’Anna aos 39′ e 46′, N. Fernández aos 70′, e G. Togni aos 80′, marcaram os gols da equipe argentina. Aos 58′, S. Rodríguez descontou para o Manya.


– Números do Jogo –

  • Pela primeira vez o Defensa y Justicia venceu em partidas consecutivas em casa, em competições da CONMEBOL, desde dezembro de 2020 a janeiro de 2021 (2V).

  • Esta é a segunda vez que o Defensa y Justicia marca quatro gols numa Sudamericana, após vencer o Coquimbo Unido por 4-2 nas semifinais de 2020, também em casa.



– Grupo G –

– Gimnasia y Esgrima La Plata (ARG) 0-2 Goiás (BRA) –

Gimnasia y Esgrima La Plata somou sua terceira derrota consecutiva ao cair em casa, por 2-0, para o Goiás. Vinícius aos 55′ e Matheus Peixoto aos 82′ marcaram para o clube brasileiro.


– Números do Jogo –

  • Esta é a primeira vitória do Goiás em território argentino em competições da CONMEBOL (2E e 2D), sendo também a segunda vez que consegue manter sua invencibilidade naquele país (0-0 x Newell’s na CONMEBOL Libertadores de 2006).

  • Depois de marcar apenas um gol pela Sudamericana entre outubro de 2014 e abril de 2023 (1V, 2E e 4D), o Goiás conseguiu marcar quatro gols em suas duas últimas partidas (1V e 1E).


– Universitario (PER) 2-0 Independiente Santa Fe (COL) –

Universitario do Peru venceu por 2-0 o Independiente Santa Fe da Colômbia e se manteve na liderança do Grupo G com sete pontos. E. Herrera aos 11′ e M. Di Benedetto aos 66′ foram os autores dos gols.


– Números do Jogo –

  • Essa é a primeira vitória do Universitario sobre um time colombiano na Sudamericana (1V e 2D). Além disso, os peruanos só haviam vencido uma de suas 16 participações anteriores contra equipes colombianas (4E e 11D).

  • As 18 finalizações do Universitario contra o Independiente Santa Fe são seu segundo maior registro dos últimos dez anos, atrás apenas das 21 contra o Cienciano nesta mesma edição da Sudamericana.



– Grupo H –


– Palestino (CHI) 0-0 San Lorenzo (ARG) –

Palestino e San Lorenzo empataram sem gols na 3ª rodada da fase de grupos e estão empatados na classificação do Grupo H, com quatro pontos.


– Números do Jogo –

  • As equipes argentinas acumulam dois jogos sem sofrer gols visitando rivais chilenos em CONMEBOL Sudamericana (1V e 1E), sequência máxima de jogos com redes invictas contra essas equipes. Houve outra sequência semelhante em 2021 (1V e 1E).

  • Além de quatro jogos sem perder fora de casa, (3V e 1E), é a primeira vez que San Lorenzo acumula quatro partidas sem sofrer gols na história do torneio.


– Fortaleza (BRA) 6-1 Estudiantes de Mérida (VEN) –

Fortaleza goleou o Estudiantes de Mérida por 6-1 e com esta vitória fecha essa metade da fase de grupos com a maior pontuação. Yago Pikachu aos 29′, José Welison aos 43′, Thiago Galhardo aos 72′, Calebe aos 76′, Moisés aos 86′ e S. Romero aos 91′ marcaram para o clube brasileiro.

L. Arenas descontou para o Estudiantes de Mérida aos 50′.


– Números do Jogo –

  • Fortaleza conquistou sua quarta vitória consecutiva na CONMEBOL Sudamericana e sua maior goleada em partidas de competições da CONMEBOL.

  • Fez 14 gols em suas últimas quatro partidas em casa (média de 3,5). Marcou sete nos cinco jogos anteriores (média de 1,4).



CONMEBOL.com / EFE / OPTA

Ultimas Noticias