Página inicio CONMEBOL

NOTICIA DESTACADA

[smartslider3 slider="7"]
Museo Conmebol
Cree en Grande
Pesquisar
Close this search box.

4ª Rodada da CONMEBOL Sudamericana

  • Os 16 jogos da 4ª rodada da Fase de Grupos foram realizados e vários clubes estão cada vez mais próximos da classificação.


A 4ª Rodada da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2023 foi concluída sem definir quem serão os classificados nos grupos. Certamente essas definições ocorrerão nas duas últimas rodadas para que os times avancem para a próxima fase do torneio.


– Grupo A –

– Magallanes (CHI) 1-1 LDU Quito (EQU) –

Liga de Quito soma 8 pontos no Grupo A da CONMEBOL Sudamericana ao empatar em 1-1 com o Magallanes no Chile. Facundo Rodríguez marcou aos 46′ para os visitantes e Felipe Flores aos 53′ para os locais.


– Números da partida –

  • Magallanes está invicto há cinco partidas em casa nas competições da CONMEBOL. Quatro desses jogos foram empates, além de uma vitória por 3-0 sobre o Always Ready.

  • LDU Quito alcançou sua maior invencibilidade como visitante nas competições da CONMEBOL (3V e 2E), vencendo um dos quatro jogos que teve entre maio e outubro de 2009 (1V e 3E).


– Univ. César Vallejo (PER) 2-3 Botafogo (BRA) –

Botafogo derrotou o Universidad César Vallejo por 3-2, pela 4ª rodada da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana. A equipe peruana ficou com um ponto, já eliminada da competição faltando duas rodadas para o fim. O time carioca segue na luta pela classificação.

João Victori aos 21′, Adryelson Rodrigues aos 31′ e Gustavo Sauer aos 37′ marcaram para o Botafogo. Yorleys Mena aos 65′ e Osnar Noronha aos 78′ fizeram os gols do César Vallejo.


– Números da partida –

  • Botafogo não só venceu suas duas partidas contra o Universidad César Vallejo pelas competições da CONMEBOL, como também mantém um recorde perfeito contra rivais do Peru nestes torneios (4V). UCV é a primeira equipe peruana a marcar dois gols em cima do Botafigo.

  • Botafogo perdeu apenas um dos últimos cinco jogos como visitante na CONMEBOL Sudamericana (3V e 1E). Essa queda foi no único jogo dessa sequência em que não conseguiu marcar (0-2 com o Atlético Mineiro em 2019).



– Grupo B –


– Danubio (URU) 0-2 Guarani (PAR) –

Guaraní venceu o Danubio por 2-0 em Montevidéu, resultado que permite assumir a liderança do Grupo B da CONMEBOL Suldamericana com sete pontos. Federico Santander aos 74′ e Alexis Cantero aos 80′ deram a vitória aos paraguaios.


– Números da partida –

  • O Club Guaraní conquistou sua primeira vitória como visitante na CONMEBOL Sudamericana desde agosto de 2013 (4-1 contra o Oriente Petrolero).

  • Em seus últimos 10 jogos em casa pelas competições da CONMEBOL, é a primeira vez que o Danubio não conseguiu marcar pelo menos um gol (3V, 2E e 5D).


– Huracán (ARG) 2-2 Emelec (EQU) –

Huracán e Emelec empataram em 2-2, na 4ª rodada do Grupo B da CONMEBOL Sudamericana, o que deixa em aberto a definição da classificação para as duas últimas rodadas.

Santiago Hezze aos 6′ e Joná Acevedo aos 60′ converteram para os locais. Alejandro Cabeza aos 18′ e Milner Bolaños aos 86′ marcaram os gols para os visitantes.


– Números da partida –

  • Emelec segue invicto contra o Huracán nas competições da CONMEBOL, somando duas vitórias e dois empates em quatro partidas contra o ‘Globo’.

  • Huracán só não marcou em um de seus 11 jogos em casa pela CONMEBOL Sudamericana (5V, 5E e 1D). De fato, após os dois gols de hoje, ele estende sua atual sequência de gols para seis jogos, a mais longa de sua história no torneio em casa (2V, 3E e 1D).



– Grupo C –


– Oriente Petrolero (BOL) 0-4 Red Bull Bragantino (BRA) –

Bragantino goleou o Oriente Petrolero por 4-0 como visitante e agora divide a liderança do Grupo C da CONMEBOL Sudamericana com o Estudiantes de la Plata, da Argentina. Eduardo Sasha aos 21′, Bruninho aos 30′, Lucas Evangelista aos 78′ e Borbas aos 82′ foram os goleadores do jogo.


– Números da partida –

  • As duas únicas partidas do Red Bull Bragantino contra rivais bolivianos em torneios da CONMEBOL foram nesta edição da Sudamericana, onde o Braga foi vitorioso em ambas as ocasiões contra o Oriente Petrolero.

  • Red Bull Bragantino venceu seus últimos sete jogos fora de casa na CONMEBOL Sudamericana, a mais longa sequência de vitórias do clube, fora de casa, na história da competição.


– Tacuary (PAR) 0-4 Estudiantes de La Plata (ARG) –

Estudiantes de la Plata goleou o Tacuary por 4-0 em casa, no final da 4ª rodada do Grupo C da CONMEBOL Sudamericana. Godoy aos 56′, Mauro Boselli aos 59′ e aos 77′, junto com um gol contra do jogador Bareiro aos 75′, deram a vitória aos argentinos.


– Números da partida –

  • Depois de derrotar Tacuary nas duas vezes que o enfrentou nesta CONMEBOL Sudamericana, é a segunda vez que o Estudiantes vence rivais paraguaios. Já havia conquistado em março de 2011, ao vencer o Guarani por 2-1 como visitante e por 5-1, em casa, pela CONMEBOL Libertadores.

  • O 4-0 de hoje contra o Tacuary é a maior vitória fora de casa do Estudiantes na história das competições da CONMEBOL. Sua vitória com o maior saldo de gols fora de casa, até hoje, havia sido um 3-0 contra o Barcelona na Libertadores 2017.



– Grupo D –


– A. Puerto Cabello (VEN) 0-2 São Paulo (BRA) –

São Paulo consolidou a liderança do Grupo D da CONMEBOL Sudamericana ao vencer a Academia Puerto Cabello por 2-0. O jogo foi em Carabobo – Venezuela, onde os visitantes somaram três pontos graças aos gols de Wellington Rato, aos 28′ e Alisson aos 94′.


– Números da partida –

  • Jogando como visitante na CONMEBOL Sudamericana, o São Paulo chega a três jogos sem derrotas e sem sofrer gols (2V e 1E).

  • O time paulista dominou a posse de bola: 62% para o São Paulo e 38% para a Academia Puerto Cabello. São Paulo ficou mais com a bola nos pés que o rival em cada uma de suas quatro participações na atual CONMEBOL Sudamericana (média de 60%).


– Tigre (ARG) 0-0 Deportes Tolima (COL) –

Tigre e Deportes Tolima empataram sem gols em Buenos Aires, pela 4ª rodada do Grupo D da CONMEBOL Sudamericana, o que deixou em aberto a definição da zona, adiando a decisão para as duas últimas rodadas do torneio continental.


– Números da partida –

  • Tigre nunca perdeu na CONMEBOL Sudamericana contra rivais da Colômbia em quatro confrontos que disputou desde 2012 (1V e 3E). Em metade desses jogos eles conseguiram manter seu arco zerado (2D).

  • Deportes Tolima manteve suas redes sem sofrer gols em partidas consecutivas visitando a Argentina pela CONMEBOL Sudamericana pela primeira vez em sua história (0-0 contra o Talleres de Córdoba na CONMEBOL Sudamericana 2021 e 0-0 com o Tigre na CONMEBOL Sudamericana 2023).



– Grupo E –


– Audax Italiano (CHI) 2-1 Santos (BRA) –

Audax Italiano deu um passo gigante nesta quarta-feira rumo à classificação para as oitavas de final, ao derrotar o Santos de virada, por 2-1, em seu estádio. Foi um jogo equilibrado e emocionante que obrigou o Audax a mudar o rumo da partida.

Camacho fez o gol do Peixe aos 20′ e Gonzalo Sosa comandou a virada com dois gols aos 50′ e 55′.


– Números da partida –

  • Audax Italiano não perde há três partidas da CONMEBOL Sudamericana (2V e 1E). A última vez que chegou a três jogos sem perder na competição foi na edição de 2007 (1V e 3E entre julho e setembro de 2007).

  • Pela primeira vez Gonzalo Sosa marcou dois gols em uma partida do Audax Italiano em 33 confrontos que o time disputou em competições da CONMEBOL (Rodrigo Holgado fez um hat-trick contra o Cusco na CONMEBOL Sudamericana 2020).


– Blooming (BOL) 2-3 Newell´s Old Boys (ARG) –

Newell’s Old Boys derrotou o Blooming por 3-2 em casa e se consolidou como líder do Grupo E da CONMEBOL Sudamericana, enquanto os bolivianos seguem sem vencer no torneio.

Iván Gómez marcou aos 36′, Christian Latorre fez gol contra aos 58′ e Jorge Recalde marcou o terceiro aos 67′, dando a vitória aos argentinos. Rafinha aos 12′ e Léo Fenga aos 88′ marcaram para a seleção boliviana.


– Números da partida –

  • Newell’s Old Boys sequenciou duas vitórias fora de casa em torneios da CONMEBOL após 31 jogos sem realizar esse feito. A última vez que os rosarinos conseguiram duas vitórias fora de casa foi em março de 1992 (1-0 contra o San Lorenzo e 2-1 contra o Coquimbo Unido).

  • Blooming tem quatro derrotas na CONMEBOL Sudamericana 2023. Sua pior marca nesse tipo de torneio. Nesse período, a equipe boliviana marcou somente dois gols e sofreu nove.



– Grupo F –


– América Mineiro (BRA) 2-3 Defensa y Justicia (ARG) –

Defensa y Justicia venceu o América Mineiro por 3-2, no Brasil, com uma reviravolta para a qual Gastón Togni contribuiu com dois gols. Sendo assim, o time conquistou a segunda posição do Grupo F com três pontos. Martín Benítez aos 11′ e Gonzalo Mastriani aos 45′ marcaram para a equipe local. Togni aos 29′ e aos 46′, Julián López aos 69′ fizeram para o selecionado argentino.


– Números da partida –

  • Defensa y Justicia encerrou uma série de três jogos sem vitórias fora de casa na CONMEBOL Sudamericana (1E e 2D), a mais longa seqüência como visitante na competição até o momento.

  • Gastón Togni (Defensa y Justicia) marcou sua primeira dobradinha de gols nas competições da CONMEBOL em sua vigésima primeira partida na competição.


– Millonarios (COL) 3-1 Peñarol (URU) –

Millonarios derrotou o Peñarol por 3-1 no duelo da 4ª rodada do Grupo F da CONMEBOL Sudamericana. Com a vitória, o selecionado colombiano segue na ponta da classificação com dez pontos. Jorge Arias aos 9′, Hernán Menosse contra aos 23′ e Luis Paredes Bustamante aos 29′ marcaram para o time de Bogotá, depois Matías Arezo marcou para os uruguaios aos 49′.


– Números da partida –

  • Esta é a primeira vez, em sua participação na CONMEBOL Sudamericana, que o Millonarios foi para o intervalo com três gols marcados. Com o jogo de hoje, sequenciou 12 partidas saindo invicto ao intervalo (3V e 9E).

  • Todas as vezes que o Millonarios marcou três ou mais gols na CONMEBOL Sudamericana venceram a partida (8V). Além disso, por estar em casa e nesta condição, sofreu apenas dois gols em seis jogos.



– Grupo G –


– Gimnasia y Esgrima La Plata (ARG) 1-0 Independiente Santa Fe (COL) –

O atacante Franco Torres do Gimnasia y Esgrima La Plata encerrou a sequência de derrotas de seu time com um gol, no último suspiro do jogo, com uma vitória por 1-0 sobre o Independiente Santa Fe, pela 4ª rodada do grupo G da CONMEBOL Sudamericana.


– Números da partida –

  • Gimnasia LP não vence um jogo na CONMEBOL Sudamericana há 17 anos. Antes desse 1-0 de hoje contra o Santa Fé, o ‘Lobo’ havia vencido o Fluminense por 2-0, em casa, em outubro de 2016.

  • Franco Torres, aos 91:21 do jogo, marcou o último gol do Gimnasia La Plata nas competições da CONMEBOL.


– Goiás (BRA) 1-0 Universitario (PER) –

Goiás, com gol solitário do lateral Apodi aos 89′, conseguiu vencer o Universitario do Peru por 1-0 e assim assumir a liderança do Grupo G da CONMEBOL Sudamericana, que era do time de Lima.


– Números da partida –

  • O clube goiano manteve seu arco invicto como local, em jogos consecutivos da CONMEBOL Sudamericana pela primeira vez, desde dezembro de 2010 a outubro de 2014 (3V).

  • Foi apenas a primeira derrota do Universitario como visitante na CONMEBOL Sudamericana desde agosto de 2016 (1-3 x Emelec) e a primeira como visitante a um rival brasileiro na competição desde novembro de 2011 (2-5 x Vasco da Gama).



– Grupo H –


– Fortaleza (BRA) 3-2 San Lorenzo (ARG) –

Fortaleza venceu o San Lorenzo de Almagro por 3-2 com um gol de pênalti nos minutos de acréscimo do segundo tempo. Com quatro vitórias em quatro partidas, manteve o ritmo perfeito na CONMEBOL Sudamericana e alcança larga vantagem como líder do Grupo H. Gonzalo Luján marcou gol contra aos 17 ‘, Silvio Romero aos 25′ e Yago Pikachu aos 97′ foram os artilheiros da equipe brasileira. Gonzalo Maroni aos 20′ e aos 56’ marcou para os argentinos.


– Números da partida –

  • Fortaleza ampliou sua melhor sequência histórica sem derrotas na CONMEBOL Sudamericana (5V entre um jogo em 2020 e quatro nesta edição) e está a um jogo de alcançar sua melhor sequência sem derrotas, em uma mesma edição de um torneio da CONMEBOL após cinco jogos sem perder na CONMEBOL Libertadores 2022 entre abril e junho (3V e 2E).

  • O brasileiro Fortaleza nunca perdeu em casa para adversários argentinos nos quatro jogos em que foi anfitrião em competições da CONMEBOL (2V e 2E).


– Estudiantes de Mérida (VEN) 1-5 Palestino (CHI) –

Palestino derrotou o Estudiantes de Mérida por 5-1, deixando assim em aberto a possibilidade de classificação para a próxima fase ao se posicionar com 7 pontos na vice-liderança, cinco pontos atrás do líder Fortaleza. Luis Arenas marcou aos 33′ para os locais, mas Bryan Carrasco aos 24′ e 69′, Bruno Barticciotto aos 26′, Agustín Farías aos 73′ e um gol contra de Alexis Doldán aos 82′ somaram para os visitantes.


– Números da partida –

  • Três das quatro ocasiões em que Palestino marcou cinco ou mais gols em um jogo de competição da CONMEBOL foram contra rivais da Venezuela: à vitória de hoje se soma a de 5-0 sobre o Deportivo Galicia e 6-0 sobre a Portuguesa na Libertadores de 1979.

  • Palestino consegue três vitórias consecutivas pela primeira vez desde 2016, nas quatro primeiras partidas que disputou em CONMEBOL Sudamericana (3V e 1E).



CONMEBOL.com / EFE / OPTA

Últimas Noticias