NOTICIA DESTACADA

Faltam 100 dias para o desafio da Copa do Mundo 2022 no Catar
Faltam 100 dias para o desafio da Copa do Mundo 2022 no Catar
Confira os grupos da CONMEBOL Sub-20 de Futsal Feminino
Confira os grupos da CONMEBOL Sub-20 de Futsal Feminino
Fixture das Semifinais da CONMEBOL Libertadores e da CONMEBOL Sudamericana 2022
Fixture das Semifinais da CONMEBOL Libertadores e da CONMEBOL Sudamericana 2022

Chile bate Bolívia 3-2 e sobe ao sexto lugar

Em uma partida eletrizante, Chile derrotou a Bolívia por 3-2 nesta terça-feira como visitante em La Paz e subiu ao sexto lugar na tabela de posições das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo do Qatar-2022.

O chileno Alexis Sánchez foi a estrela do jogo com 2 gols: abriu o placar aos 14 minutos e conseguiu o segundo gol aos 85’. A outra anotação foi de Marcelo Núñez, aos 77’.

Bolívia anotou por Marc Enoumba aos 37 minutos e seu capitão, Marcelo Martins Moreno, muito perto do final, aos 88’.

A ‘Roja’ administrou suas energias e alcançou um triunfo histórico que o coloca de volta na briga.

Chile subiu ao sexto lugar, com 19 pontos. Enquanto a Bolívia, no oitavo lugar e com 15 pontos, está obrigada a vencer os próximos dois jogos que restam e precisa de resultados adversos de outras quatro equipes, de modo que suas chances de chegar à Copa do Mundo são escassas.

– Números do jogo –

  • Chile conseguiu 3 pontos contra a Bolívia nas Eliminatórias Sul-Americanas pela primeira vez após 2 partidas sem conseguir (1E 1D), prévio a isto, a seleção chilena estava em uma racha de 7 vitórias consecutivas contra os bolivianos que aumentou entre 2004 e 2016.
  • Chile chegou a 2 triunfos consecutivos como visitante nas Eliminatórias Sul-Americanas pela primeira vez desde junho de 2012 quando derrotou a Bolívia por 2-0 e a Venezuela pelo mesmo placar. Além disso, cortou uma racha de duas derrotas consecutivas na competição (contra Equador e Argentina, ambas como local).
  • Bolívia perdeu após 5 jogos invicto em sua casa (4V 1E) e uma sequência de 3 encontros jogando como local sem sofrer gols (3V).
  • Foi a partida da Bolívia, nas atuais Eliminatórias Sul-Americanas, com mais chutes a gol (10), e a primeira onde 2 de seus disparos batem na trave.
  • Juan Arce (Bolívia) realizou 5 passes para finalizações contra o Chile (incluindo a assistência em um dos gols): o registro mais alto para um jogador do “La Verde” nas atuais Eliminatórias Sul-Americanas.
  • Além de marcar dois gols, Alexis Sanchez liderou o Chile em toques de bola (61), levantamentos totais (10), finalizações (4), chutes a gol (2), passes para finalizações (5) e passe prévio à assistência (1). É a primeira vez nesta edição das Eliminatórias que um jogador chileno marca 2 gols e entrega 5 passes para finalizações em um mesmo jogo.

AFP / OPTA

CONMEBOL.com

Últimas Noticias