NOTICIA DESTACADA

Argentina inicia seu sonho mundialista
Argentina inicia seu sonho mundialista
Alejandro Domínguez: “Aqui mostramos a essência e as raízes do melhor futebol do mundo”.
Alejandro Domínguez: “Aqui mostramos a essência e as raízes do melhor futebol do mundo”.
Valencia faz dois gols e Equador celebra sua estreia mundialista
Valencia faz dois gols e Equador celebra sua estreia mundialista

Começa o sonho do hexa: Brasil estreia contra a Sérvia

  • Brasil, pentacampeão, seleção que mais acumula vitórias, estreará na Copa do Mundo contra a Sérvia.
  • O primeiro jogo será nesta quinta-feira, a partir das 16h (horário de Brasília), no Lusail Stadium, em Doha – Qatar.

A Seleção Brasileira iniciará seu sonho de vencer a Copa do Mundo no Catar como favorita no Ranking da FIFA, após uma excelente campanha, conquistando grandes resultados.

A Verdeamarela se classificou invicta para a Copa do Mundo da FIFA nas Eliminatórias Sul-Americanas da CONMEBOL. Perdeu apenas uma partida oficial desde a Copa da Rússia em 2018.

O técnico Tite renovou as esperanças da equipe após a última Copa do Mundo e formou uma seleção quase imbatível.

A história também nos convida a sonhar: Brasil é o maior vencedor da competição com cinco trofeus. O último foi conquistado em 2002, sendo a última seleção sul-americana a trazer a taça para o continente. Há 20 anos que a Seleção Canarinho não tinha uma equipe tão cheia de estrelas.

A tão conhecida qualidade de Neymar junta-se ao talento de outros grandes jogadores que fazem os adversários temerem o Brasil. Nomes como Antony, Lucas Paquetá, Vinicius Jr, Rodrygo, Pedro e Richarlison, jogadores de referência para grandes times e seleções, terão sua primeira experiência em Copas do Mundo

O primeiro jogo da seleção de Tite jogará com a Sérvia, nesta quinta-feira, às 16h00 (horário de Brasília), no Lusail Stadium, em Doha, no Catar. Suíça e Camarões são os próximos obstáculos para os brasileiros rumo às Oitavas de Final. A aventura brasileira começa em busca do cobiçado Hexacampeonato.

– Dados-

Brasil x Sérvia

Estádio: Lusail (Doha, Catar)

Horário local: 22h00 – (GMT+3)

Horário do Brasil: 16h00 – (UTC – 3)

Árbitro: Alireza Faghani (Irã)

Árbitro Assistente 1: Mohammadreza Mansouri (Irã)

Árbitro Assistente 2: Mohammadreza Abolfazli (Irã)

VAR: Abdulla Al-Marri (Catar)

– Histórico –

  • Brasil venceu os dois últimos confrontos com a Sérvia, incluindo o da fase de grupos da última Copa do Mundo da FIFA (2-0, junho de 2018). A outra vitória foi por 1-0 em um amistoso em junho de 2014.
  • Brasil é a única seleção que participou de todas as Copas do Mundo da FIFA desde sua primeira edição em 1930; esta será sua 22ª participação.
  • Brasil está invicto nas últimas 15 partidas da fase de grupos da Copa do Mundo, com 12 vitórias (D3), sendo a última derrota na fase de grupos em 1998 contra a Noruega. De fato, o Brasil foi o primeiro colocado de grupo, na primeira fase, em todas as Copas do Mundo desde 1982. A última vez que não passou da primeira fase foi em 1966.
  • Além de vencer cinco Copas do Mundo da FIFA, o Brasil ganhou mais jogos (73) e tem a melhor taxa de vitórias (67% – 73 vitórias em 109 jogos) que qualquer outra seleção na história do campeonato.
  • Incluindo 2022, a Sérvia se classificou para quatro das últimas cinco Copas do Mundo da FIFA, falhando apenas em 2014. No entanto, desde o início desta marca em 2006, Sérvia perdeu sete das nove partidas da Copa do Mundo (2V), maior quantidadede de derrotas de qualquer seleção europeia, menor apenas que Austrália (8), que perdeu mais do que outros países.
  • Como país independente, a Sérvia foi eliminada da fase de grupos em todas as três participações em Copas do Mundo (2006, 2010, 2018). A última vez que chegaram às Oitavas de Final foi em 1998, como FR Iugoslávia.
  • Desde sua estreia na Copa do Mundo da FIFA em 2014, Neymar esteve envolvido em 42% dos 19 gols do Brasil no torneio (6 gols, 2 assistências).
  • No comando da seleção brasileira desde junho de 2016, Tite se tornará o primeiro técnico a levar o Brasil a duas Copas do Mundo da FIFA consecutivas, desde Telê Santana em 1982 e 1986.

CONMEBOL.com / OPTAse

Últimas Noticias