NOTICIA DESTACADA

Com o sonho na mira, Argentina busca recuperação no jogo contra o México
Com o sonho na mira, Argentina busca recuperação no jogo contra o México
Valencia aproxima Equador das Oitavas de Final
Valencia aproxima Equador das Oitavas de Final
“Diego imortal”, o grito da CONMEBOL Tree Of Dreams dois anos após sua partida
“Diego imortal”, o grito da CONMEBOL Tree Of Dreams dois anos após sua partida

Decisão da Comissão de Árbitros da CONMEBOL – Argentina x Brasil

arg_bra

VISTO

O jogo disputado em 16 de novembro deste ano, entre as seleções nacionais da
Argentina e do Brasil, no estádio San Juan del Bicentenario, da cidade de San Juan, Argentina, 
no marco das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa Mundial da FIFA Catar 2022.

CONSIDERANDO

Que, a atuação do Árbitro Principal Andrés Ismael Cunha Soca Vargas e do Árbitro VAR Esteban
Daniel Ostojich Vega, designados para o mencionado jogo, foram analisadas tecnicamente por
esta Comissão, concluindo que os mesmos cometeram erros graves e manifestos no
exercício de suas funções no desenvolvimento da partida, pontualmente na seguinte situação:

– Minuto 33: Conduta Violenta do Jogador N°19 Nicolás Hernán Gonzalo Otamendi (ARG)
contra um adversário colocando em risco a integridade física do mesmo com uso do braço
no rosto.

Como consequência, a Comissão de Árbitros da CONMEBOL

RESOLVE

1. SUSPENDER os Árbitros ANDRÉS ISMAEL CUNHA SOCA e ESTEBAN DANIEL OSTOJICH
VEGA por tempo indeterminado no exercício de suas funções em competições
organizadas pela CONMEBOL.

2. NOTIFICAR os Árbitros ANDRÉS ISMAEL CUNHA SOCA e ESTEBAN DANIEL OSTOJICH
VEGA.

Wilson Seneme
Presidente
Comissão de Árbitros

Últimas Noticias