NOTICIA DESTACADA

Uruguai e Coreia do Sul, 0-0 na estreia
Uruguai e Coreia do Sul, 0-0 na estreia
Argentina inicia seu sonho mundialista
Argentina inicia seu sonho mundialista
Alejandro Domínguez: “Aqui mostramos a essência e as raízes do melhor futebol do mundo”.
Alejandro Domínguez: “Aqui mostramos a essência e as raízes do melhor futebol do mundo”.

Duelos eletrizantes nas Quartas de Final da CONMEBOL Sudamericana 2022

  • Nesta terça-feira retornam os emocionantes encontros das Quartas de Final (ida) da CONMEBOL Sudamericana 2022.
  • Após brilhar em toda a Europa, o lendário Luis Suárez volta para a sua casa para tentar obter A Grande Conquista com o Nacional.

Com os olhares postos em uma possível estreia de Luis Suárez no Nacional do Uruguai contra o brasileiro Atlético Goianiense, a CONMEBOL Sudamericana terá uma semana eletrizante com as partidas de ida das Quartas de Final.

Na terça-feira, no Gran Parque Central em Montevidéu, Nacional tentará aproveitar a euforia desencadeada pela chegada de Luis Suárez no domingo para conseguir vantagem na série contra o Goianiense.

Mais ao norte do continente, em San Cristóbal, também na terça-feira o venezuelano Deportivo Táchira receberá o equatoriano Independiente del Valle.

Na quarta-feira chegará a hora para o histórico São Paulo. O tricampeão da Libertadores e vencedor da Sudamericana em 2012 enfrentará o seu compatriota Ceará.

No dia seguinte, Melgar tentará continuar somando pontos ao receber, nos mais de 2000 metros de altura de Arequipa, o Internacional de Porto Alegre.

A Final da CONMEBOL Sudamericana de 2022 será disputada no sábado, 1 de outubro, no estádio Mario Kempes, na cidade argentina de Córdoba.

– Terça-feira:

Em Montevidéu: Nacional (URU) – Atlético Goianiense (BRA)

Estádio: Gran Parque Central

Hora: 19:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Eber Aquino (PAR)

VAR: Carlos Benítez (PAR)

– Antecedentes –

  • Nacional e Atlético Goianiense se enfrentarão pela primeira vez em competições CONMEBOL. Este será o primeiro encontro do Dragão com um rival uruguaio em torneios continentais.
  • Nacional venceu seus últimos 3 jogos disputados na CONMEBOL Sudamericana e poderia chegar a 4 triunfos na competição pela primeira vez.
  • As equipes brasileiras superaram suas últimas 3 eliminatórias contra rivais uruguaios na CONMEBOL Sudamericana: Fluminense x Peñarol e Corinthians x Montevideo Wanderers em 2019, e Athletico Paranaense x Peñarol em 2021.
  • Léo Coelho, do Nacional, foi o jogador com mais bolas desviadas (19) nas Oitavas de Final da CONMEBOL Sudamericana 2022.
  • Atlético Goianiense é o time que teve mais acertos em duelos individuais durante as Oitavas de Final da CONMEBOL Sudamericana 2022, venceu 57.6% deles (118/205).

Em San Cristóbal: Deportivo Táchira (VEN) – Independiente del Valle (EQU)

Estádio: Polideportivo de Pueblo Nuevo

Hora: 20:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Wilton Sampaio (BRA)

VAR: Rodolpho Toski (BRA)

– Antecedentes –

  • Este será o primeiro duelo entre Deportivo Táchira e Independiente del Valle em competições CONMEBOL. A equipe equatoriana encontra-se invicta contra rivais venezuelanos: 3 vitórias e 3 empates em 6 duelos, todos disputados na Sudamericana.
  • Deportivo Táchira empatou suas últimas 3 partidas como local na CONMEBOL Sudamericana, sendo esta a segunda maior racha de empates vigente no torneio, atrás de Cobreloa (4).
  • Os times venezuelanos acumulam 8 encontros sem perder como locais contra rivais equatorianos na CONMEBOL Sudamericana (3V 5E), sendo Independiente del Valle o último em vencer em terreno venezuelano em agosto de 2014 (0-1 x Trujillanos).
  • Deportivo Táchira foi a segunda equipe (depois do São Paulo com 167 minutos) que esteve mais tempo em vantagem durante as Oitavas de Final da CONMEBOL Sudamericana 2022 contra o Santos (108 minutos). Além disso, não esteve em nenhum momento abaixo no placar.
  • Independiente del Valle foi a única equipe que marcou mais de um gol de cabeça nas Oitavas de Final da CONMEBOL Sudamericana 2022 (2). De fato, os dois gols do time equatoriano contra o Lanus foram desta forma.

– Quarta-feira:

Em São Paulo: São Paulo (BRA) – Ceará (BRA)

Estádio: Morumbi

Hora: 19:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Piero Maza (CHI)

VAR: Jhon Perdomo (COL)

– Antecedentes –

  • São Paulo e Ceará se enfrentaram em duas ocasiões na CONMEBOL Sudamericana, na edição de 2011, registram uma vitória como local cada um.
  • São Paulo acumula 9 encontros sem perder na CONMEBOL Sudamericana (8V 1E), vencendo os 4 mais recentes e marcando um total de 24 gols nesse intervalo. O time paulista venceu seus últimos 5 jogos como local na competição.
  • Ceará venceu cada uma das 8 partidas que disputou nesta edição da CONMEBOL Sudamericana, com uma média de 2.75 gols por encontro e deixando seu arco intacto em 6 ocasiões. Sua racha de 8 vitórias consecutivas é a mais longa na história do torneio.
  • Luciano, do São Paulo, participou de 4 gols (3 gols, 1 assistência) de sua equipe contra o Universidad Católica, mais que qualquer outro jogador nas Oitavas de Final da CONMEBOL Sudamericana 2022.

Quinta-feira:

Em Arequipa: Melgar (PER) – Internacional (BRA)

Estádio: Monumental de la UNSA

Hora: 17:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Andrés Matonte (URU)

VAR: Leodán González (URU)

– Antecedentes –

  • Melgar e Internacional duelarão pela primeira vez em competições CONMEBOL. Melgar é o único time peruano com mais de uma vitória contra rivais brasileiros na Sudamericana (3V entre 2020 e 2022).
  • Melgar soma 10 partidas sem conhecer a derrota como local na CONMEBOL Sudamericana (9V 1E). De fato, o conjunto peruano perdeu só 1 de seus 14 encontros em casa até a data no torneio (11V 2E), contra o Nacional Potosí em 2020 (0-2).
  • Internacional venceu 4 de seus últimos 6 jogos em competições CONMEBOL (1E 1D), uma vitória a menos que em seus 17 encontros anteriores a nível continental (5V 7E 5D).
  • Desde o começo da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2022, nenhum jogador realizou mais passes para finalizações que Alexis Arias, do Melgar (27), embora ainda não teve sua primeira assistência.
  • Desde o início da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2022, nenhuma equipe marcou mais gols que o Internacional nos primeiros 15 minutos do segundo tempo (5).

OPTA / CONMEBOL.com

Ultimas Noticias