NOTICIA DESTACADA

Detentores de direitos televisivos confirmados para a Sub-20 Intercontinental
Detentores de direitos televisivos confirmados para a Sub-20 Intercontinental
CONMEBOL deixa de exigir teste negativo de COVID para suas competições
CONMEBOL deixa de exigir teste negativo de COVID para suas competições
2 times brasileiros e 1 equatoriano conquistam leve vantagem no torneio
2 times brasileiros e 1 equatoriano conquistam leve vantagem no torneio

Equador vai ao Mundial, apesar de perder para o Paraguai

  • A Tri se juntou ao Brasil, Argentina e Uruguai com os classificados para a Copa do Mundo de 2022 no Qatar.
  • Albirroja recobrou a memória e voltou a ganhar após seis jogos.

O Equador se classificou ao Mundial do Qatar nesta quinta-feira, apesar de perder por 3-1 para o Paraguai em Ciudad del Este, na décima sétima e penúltima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas.

Os paraguaios, já fora da Copa do Mundo, marcaram através dos atacantes Robert Morales (‘9) e Miguel Almirón (’53) e graças a um gol contra de Piero Hincapié (’45+5). A Tri descontou de pênalti por intermédio de Jordi Caicedo, aos 84’ minutos.

O Paraguai mostrou outro semblante e teve um forte desempenho contra uma seleção sem muito volume de jogo e com poucas opções para inflar a rede, em uma partida disputada no estádio Antonio Aranda, localizado a mais de 300 quilômetros da capital paraguaia.

O Equador comemora e Qatar 2022 será sua quarta participação em um Mundial, depois da Coreia-Japão 2002, Alemanha 2006 e Brasil 2014.

– Números do jogo –

  • O Paraguai venceu todos os jogos em casa contra o Equador nas Eliminatórias Sul-Americanas (9V), a única equipe a perder em todas as visitas ao Paraguai na história da competição.
  • Paraguai está de volta às vitórias nas Eliminatórias Sul-Americanas após sete jogos (2E 5D), terminando sua mais longa série sem vitórias no torneio.
  • A seleção paraguaia marcou três gols em casa nas Eliminatórias CONMEBOL após 19 partidas (4V 6E 9D), quando derrotou a Bolívia por 4×0 em setembro de 2013.
  • Equador marcou gols nas últimas cinco partidas das Eliminatórias Sul-Americanas (2V 2E 1D), seu maior número de gols na competição desde aquele alcançado entre setembro de 2016 e março de 2017 de seis partidas (2V 1E 3D).
  • Julio Enciso (Paraguai) fez três assistências contra o Equador, a maior de um jogador da seleção paraguaia desde Matias Rojas contra a Colômbia em novembro passado, também com três.

AFP/OPTA

Últimas Noticias