NOTICIA DESTACADA

Faltam 100 dias para o desafio da Copa do Mundo 2022 no Catar
Faltam 100 dias para o desafio da Copa do Mundo 2022 no Catar
Confira os grupos da CONMEBOL Sub-20 de Futsal Feminino
Confira os grupos da CONMEBOL Sub-20 de Futsal Feminino
Fixture das Semifinais da CONMEBOL Libertadores e da CONMEBOL Sudamericana 2022
Fixture das Semifinais da CONMEBOL Libertadores e da CONMEBOL Sudamericana 2022

Fidel Martínez abre vantagem para Barcelona

000_1p498g

O equatoriano Barcelona aproveitou seu forte para derrotar por 1-0 (1-0) o paraguaio Cerro Porteño nesta quarta-feira em Guayaquil, na partida de ida pela terceira fase da CONMEBOL Libertadores 2020.

O time de Guayaquil triunfou com gol de Fidel Martínez, aos 25 minutos. O atacante aproveitou seu grande acerto com o pé esquerdo para marcar o tanto da vitória com um tiro livre.

O vencedor da chave completará o Grupo A com o Flamengo (defensor do título), o equatoriano Independiente del Valle (campeão da Sul-Americana) e o colombiano Junior de Barranquilla.

A revanche será realizada na próxima quarta-feira, em La Olla de Assunção.

– Números –

  • Barcelona conquistou sua terceira vitória consecutiva como local contra o Cerro Porteño na CONMEBOL Libertadores, segunda seguida de 1 a 0.
  • Com o 1-0 contra o Cerro Porteño, o Barcelona conquistou a quarta vitória consecutiva como local na CONMEBOL Libertadores, sua maior racha na competição desde julho de 1998 (5V).
  • Cerro Porteño sofreu sua quinta derrota seguida como visitante contra equipes do Equador na CONMEBOL Libertadores, as três mais recentes foram contra o Barcelona.
  • Cerro Porteño acertou 81,1% de seus passes contra o Barcelona, ​​é o terceiro jogo consecutivo em que registra mais de 80% de precisão na CONMEBOL Libertadores; havia feito isso em apenas um dos cinco jogos anteriores na competição.
  • Com seu gol contra o Cerro Porteño, Fidel Martínez chegou aos 16 na CONMEBOL Libertadores e igualou Patricio Urrutia como o segundo goleador histórico da competição nascido no Equador (17 Carlos Juárez, argentino nacionalizado equatoriano).

 

 

 

 

 

 

AFP / OPTA

Últimas Noticias