NOTICIA DESTACADA

Mastercard estende acordo com a CONMEBOL Libertadores até 2026 e inclui a CONMEBOL Libertadores Feminina em seu portfólio de patrocínios na região
Mastercard estende acordo com a CONMEBOL Libertadores até 2026 e inclui a CONMEBOL Libertadores Feminina em seu portfólio de patrocínios na região
CONMEBOL dispõe substancial aumento nos pagamentos de suas competições 2023
CONMEBOL dispõe substancial aumento nos pagamentos de suas competições 2023
Pelé e Maradona: o eterno reencontro dos astros do futebol mundial
Pelé e Maradona: o eterno reencontro dos astros do futebol mundial

Partidas eletrizantes marcam o rumo do torneio

libertadores-4-5-1-750px

Nesta terça-feira começa a disputa da terceira jornada da Fase de Grupos da CONMEBOL Libertadores 2021, uma semana decisiva que marcará o caminho de várias equipes para a classificação.

-Santos x The Strongest-

Santos definirá seu destino na CONMEBOL Liberadores quando receber nesta terça-feira o boliviano The Strongest, que terá como estreante o técnico paraguaio Gustavo Florentín, na terceira jornada do Grupo C.

-Dados-

Estádio: Vila Belmiro (Santos)

Hora: 19:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Christian Garay (CHI)

-Antecedentes-

  • Santos e The Strongest disputarão seu quinto encontro em competições CONMEBOL, todos na CONMEBOL Libertadores. O Peixe venceu 2, empatou 1 e perdeu 1. Como local, nunca sofreu gols do time boliviano.
  • Santos venceu os 8 jogos que disputou como local contra representantes bolivianos na CONMEBOL Libertadores. Nas últimas 7 partidas não sofreu gols.
  • The Strongest só conseguiu vencer uma vez em suas 14 visitas ao Brasil na CONMEBOL Libertadores (1V 13D): foi o 1-0 sobre o São Paulo na edição 2016. Em 9 desses encontros não marcou gols.
  • Será um duelo entre os dois times com menos chutes a gol na fase de grupos da CONMEBOL Libertadores 2021 (1). The Strongest teve 21 disparos, porém só 1 foi a gol, enquanto Santos teve 14 tentativas.
  • The Strongest é a equipe com menos porcentagem de duelos vencidos na atual CONMEBOL Libertadores (41%). Ganharam 75 de 182 jogos disputados.

 

-Unión La Calera x Vélez Sarsfield-

O chileno Unión La Calera e o Vélez Sarsfield da Argentina disputarão nesta terça-feira as últimas chances de classificação no grupo G da CONMEBOL Libertadores, apesar de ser apenas a terceira jornada de seis da fase de grupos.

-Dados-

Estádio: Estadio Municipal Nicolás Chahuán (La Calera)

Hora: 18:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Kevin Ortega (PER)

-Antecedentes-

  • Unión La Calera e Vélez nunca duelaram na CONMEBOL Libertadores. A equipe argentina confrontará seu quinto adversário do Chile no torneio.
  • Unión La Calera nunca venceu na história da CONMEBOL Libertadores (1E 1D). O time chileno e Rentistas são as equipes com menos jogos (2) em seu histórico entre todos os participantes da atual fase de grupos e os únicos que não ganharam no certame (1E 1D).
  • As últimas 18 partidas do Vélez como visitante na CONMEBOL Libertadores não tiveram empates (11V 7D). O último empate foi precisamente com um time chileno: 0-0 x Universidad Católica em 2011.
  • Ariel Martínez, do Unión La Calera, é o único jogador com mais de 20 tentativas de passes na fase de grupos da CONMEBOL Libertadores que acertou todos os seus passes (24).
  • Tomás Guidara, do Vélez, é o jogador com mais entradas em um jogo da fase de grupos da CONMEBOL Libertadores. O meio-campista fez 8 entradas na derrota 3-2 contra o Flamengo na primeira jornada.

 

-Atlético Mineiro x Cerro Porteño-

O Atlético Mineiro receberá nesta terça-feira em Belo Horizonte o pretensioso Cerro Porteño do Paraguai, em um jogo fundamental pela liderança do Grupo H da CONMEBOL Libertadores 2021, onde ambos os clubes estão com 4 pontos sem conhecer derrotas.

-Dados-

Estádio: Mineirão (Belo Horizonte)

Hora: 19:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Néstor Pitana (ARG)

-Antecedentes-

  • Atlético Mineiro nunca venceu do Cerro Porteño jogando como local na CONMEBOL Libertadores (2E 1D). Cerro anotou em todos esses jogos.
  • Atlético Mineiro nunca perdeu como local na CONMEBOL Libertadores com o Cuca como treinador (7V 1E). O único empate foi com o Tijuana nas quartas de final da campanha vitoriosa em 2013.
  • Cerro Porteño não recebeu gols nesta edição da CONMEBOL Libertadores (1V 1E). A última vez que o time paraguaio chegou a 3 jogos consecutivos sem receber gols na competição foi em 2005 (2V 1E).
  • Atlético Mineiro é o time com mais finalizações totais (51) e chutes a gol (16, junto com o Flamengo) na fase de grupos da CONMEBOL Libertadores.
  • Cerro Porteño foi a equipe com menos levantamentos à área (2 contra América de Cali, junto com o Fluminense contra o Santa Fe) e com mais levantamentos à área (55, contra Deportivo La Guaira) nas partidas da fase de grupos da CONMEBOL Libertadores.

 

-Liga de Quito x Flamengo-

Liga Deportiva Universitaria recebe o Flamengo, nesta terça-feira, em Quito com a intenção de derrubar o titã carioca e conseguir a liderança do grupo G na terceira jornada da CONMEBOL Libertadores 2021.

-Dados-

Estádio: Rodrigo Paz Delgado (Quito)

Hora: 19:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Esteban Ostojich (URU)

-Antecedentes-

  • No último título do Flamengo na CONMEBOL Libertadores (2019), as duas equipes duelaram pela primeira vez na competição, também na fase de grupos; cada um vencendo o jogo que disputou como local.
  • LDU Quito anotou 3 ou mais gols em 6 dos últimos 8 jogos disputados como local na CONMEBOL Libertadores (6V). Nos outros 2 anotou 1 gol ou menos e foi derrotado: 1-2 x Santos em 2020 e 0-3 x Boca Juniors em 2019.
  • Flamengo só perdeu 3 partidas das últimas 20 na CONMEBOL Libertadores (12V 5E). Essas 3 derrotas foram em jogos como visitante no Equador.
  • Moisés Corozo, do LDU Quito, é o jogador com mais interceptações na fase de grupos da CONMEBOL Libertadores (11). Ele foi o responsável de 1 de cada 3 interceptações do seu time nessa fase (35% de 31).
  • Gabi, do Flamengo, é o jogador com mais chutes a gol na fase de grupos da CONMEBOL Libertadores (7). Também é um dos três com mais gols nessa fase (junto com Fred e Gonzalo Bergessio).

 

-Defensa y Justicia x Palmeiras-

O argentino Defensa y Justicia e o brasileiro Palmeiras, campeões vigentes das copas Sudamericana e Libertadores, respectivamente, voltarão a duelar nesta terça-feira, desta vez na terceira jornada da CONMEBOL Libertadores pela liderança do Grupo A.

-Dados-

Estádio: Norberto Tito Tomaghell (Buenos Aires)

Hora: 21:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Wilmar Roldan (COL)

-Antecedentes-

  • Defensa y Justicia nunca confrontou o Palmeiras na CONMEBOL Libertadores. Os únicos jogos entre esses times foram na Recopa 2021, com cada um vencendo fora de casa por 2-1 e a equipe argentina ganhando o título nos pênaltis.
  • Defensa y Justicia venceu os 3 últimos jogos como local na CONMEBOL Libertadores após perder o anterior, que foi também seu primeiro em casa na história do torneio (1-2 x Santos).
  • Palmeiras venceu os últimos 2 jogos na Argentina na CONMEBOL Libertadores após vencer só 2 dos 15 anteriores na história do torneio (6E 7D). Nessas 4 vitórias, Palmeiras não recebeu gols.
  • Entre os 25 jogadores com pelo menos 3 participações de gols na atual CONMEBOL Libertadores, Walter Bou, do Defensa y Justicia é o que menos tempo precisou para alcançar as três participações (1G 2A em 89 minutos).
  • Desde que chegou ao Palmeiras, Rony é o jogador com maior média de participações de gols por jogo CONMEBOL Libertadores entre jogadores com mais de 5 jogos na competição (1.2).

 

-Barcelona x Boca Juniors-

Boca Juniors e o surpreendente Barcelona, rivais nesta semana na jornada 3 do Grupo C na CONMEBOL Libertadores, duelarão com a mira nas oitavas de final, já que ambos são líderes da zona com 6 unidades cada um.

-Dados-

Estádio: Banco Pichincha (Guayaquil)

Hora: 19:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Andrés Rojas (COL)

-Antecedentes-

  • Barcelona de Guayaquil nunca derrotou o Boca na CONMEBOL Libertadores (1E 3D). O único empate foi em casa: 2-2 na edição 2003.
  • Barcelona de Guayaquil, com o triunfo por 4-0 sobre o The Strongest, cortou uma racha de 3 partidas consecutivas sem vitórias como local na CONMEBOL Libertadores (3D). Contra o Boca buscará cortar outra: 3 jogos consecutivos perdendo em casa contra times argentinos no certame.
  • Boca venceu 4 dos últimos 6 jogos como visitante na CONMEBOL Libertadores (4V 2D) com uma particularidade: nas 4 vitórias conseguiu manter o gol em zero, e nas duas derrotas não conseguiu marcar.
  • Damián Díaz criou 8 chances de gol na goleada do Barcelona de Guayaquil por 4-0 sobre o The Strongest. Nenhum jogador criou tantas situações em um jogo da atual CONMEBOL Libertadores.
  • Carlos Izquierdoz, que chegou ao Boca em julho de 2018, é o jogador com mais partidas (31) e mais minutos disputados (2820) para o ‘Xeneize’ na CONMEBOL Libertadores desde sua chegada. Nunca foi substituído durante um encontro.

 

 

AFP/OPTA

Últimas Noticias