NOTICIA DESTACADA

Faltam 100 dias para o desafio da Copa do Mundo 2022 no Catar
Faltam 100 dias para o desafio da Copa do Mundo 2022 no Catar
Confira os grupos da CONMEBOL Sub-20 de Futsal Feminino
Confira os grupos da CONMEBOL Sub-20 de Futsal Feminino
Fixture das Semifinais da CONMEBOL Libertadores e da CONMEBOL Sudamericana 2022
Fixture das Semifinais da CONMEBOL Libertadores e da CONMEBOL Sudamericana 2022

São Paulo vence na altitude de La Paz e se afiança como líder

  • São Paulo está implacável na 3ª Rodada e segue com campanha perfeita.
  • Veja aqui o resumo das 16 partidas da semana:

O Tricolor Paulista, um dos gigantes do continente, continuou com sua campanha perfeita na CONMEBOL Sudamericana 2022 ao vencer Jorge Wilstermann em Cochabamba. Além do São Paulo, se afiançaram no topo os times do Lanús, Liga de Quito e Junior em suas respectivas zonas.

Grupo A

– Quinta em Guaiaquil: Barcelona (EQU) 1-0 Metropolitanos (VEN)

Números do jogo

  • Barcelona venceu seu primeiro confronto em competições CONMEBOL e conseguiu sua quinta vitória como local diante de um rival venezuelano nesse tipo de campeonato. A primeira vitória foi sobre o Deportivo Táchira em 2012, também pela Sudamericana.
  • Barcelona se mantém invicto como local na CONMEBOL Sudamericana desde 2014. O time equatoriano ganhou quatro e empatou dois dos seis confrontos que disputou em casa, não sofreu nenhum gol em quatro desses jogos.
  • Barcelona mandou sete chutes a gol no jogo contra o Metropolitanos se tornando a equipe que mais arrematou na fase de grupos da CONMEBOL Sudamericana (26).

– Quinta em Montevidéu: Wanderers (URU) 0-1 Lanús (ARG)

Números do jogo

  • Com essa vitória Lanús se coloca como vencedor na condição de visitante, pela CONMEBOL Sudamericana, em dois jogos (1E e 1D). Foi com o mesmo placar (1-0) que o Lanús venceu suas últimas quatro partidas fora de casa.
  • Lanús conseguiu sua primeira vitória sobre um time uruguaio na CONMEBOL Sudamericana das três que disputou, após empatar nos dois jogos anteriores por 0-0.
  • A equipe “Granate” acumula três jogos consecutivos visitando terras uruguaias por competições CONMEBOL, mantendo seu arco invicto, contando com essa última vitória (2V e 1E).
  • Depois de marcar o gol do triunfo, José Sand passou a ser o maior artilheiro da CONMEBOL Sudamericana dentre os atuais participantes do campeonato com 13 gols. Em segunda posição estão Miguel Borja (Junior) e Bernardo Cuesta (Melgar) com 12 gols marcados.

Grupo B

– Quarta em Arequipa: Melgar (PER) 3-1 Racing Club (ARG)

Números do jogo

  • Com esta vitória sobre o Racing, Melgar segue invicto em oito jogos como local na CONMEBOL Sudamericana (7V e 1E), não sofrendo nenhum gol em seis dessas partidas. (5V e 1E). Somente Carlos Mannucci e Racing conseguiram marcar sobre esse time.
  • Esta é a primeira vitória do Melgar sobre um rival da Argentina em competições da CONMEBOL. Até hoje, nos quatro jogos que disputou somou um empate e três derrotas.
  • Racing acumula três partidas como visitante marcando pelo menos um gol em CONMEBOL Sudamericana (1V, 1E e 1D), igualando sua melhor marca de conversão de gols fora de casa: três jogos entre junho e setembro de 2017 (1V e 2E).
  • Melgar fez 11 remates contra o Racing Club, na partida que realizou mais chutes a gol na CONMEBOL Sudamericana.
  • Luis Ibérico marcou uma dobradinha na CONMEBOL Sudamericana, a mesma quantidade de gols que fez nas 12 partidas disputadas anteriormente no campeonato: marcou uma sobre o Metropolitanos e outra no Carlos Mannucci na edição passada.

– Quarta em Cuiabá: Cuiabá (BRA) 1-2 River Plate (URU)

Números do jogo

  • River Plate perdeu só uma das seis últimas partidas que disputou como visitante na CONMEBOL Sudamericana (4V e 1E). Sua única derrota foi para o Melgar, no único jogo desta rodada em que não conseguiu marcar gols (0-2).
  • River Plate conseguiu sua primeira vitória como visitante sobre um rival brasileiro em competições CONMEBOL (2E e 1D). Além disso, obteve seu segundo triunfo sobre um time representativo do Brasil na história de sua participação em campeonatos da CONMEBOL: só havia ganhado do Vitória em 2009, no primeiro jogo contra um rival brasileiro.
  • River Plate é o primeiro time a marcar gol no campo do Cuiabá na CONMEBOL Sudamericana. Até esse momento os brasileiros haviam ganhado seus dois jogos como local, sem receber gols.
  • Cuiabá não empatou nos cinco jogos que disputou em Campeonatos CONMEBOL (2V e 3D). É também a equipe brasileira que marcou pelo menos um gol em quatro de suas cinco partidas.

Grupo C

– Quarta em Quito: Universidad Católica (EQU) 2-0 Banfield (ARG)

Números do jogo

  • Universidad Católica é o primeiro time equatoriano que conseguiu vencer o Banfield em torneios CONMEBOL (2E e 4D), e logo no primeiro confronto com esse rival.
  • É a primeira vez em 2022 que Banfield chuta a gol em cinco ou mais oportunidades e não consegue vencer o jogo. Anteriormente ganhou do Gimnasia LP, Talleres, Santos, Lanús e Patronato.
  • Com a vitória sobre Banfield, Universidad Católica interrompeu uma sequência de quatro jogos sem vencer (2E e 2D) e evitou chegar na pior marca de partidas sem vitória em campeonatos da CONMEBOL (5).

– Quinta em Viña del Mar: Unión La Calera (CHI) 1-1 Santos (BRA)

Números do jogo

  • Pela primeira vez Unión La Calera marca gols em casa na CONMEBOL Sudamericana e não vence a partida. O time chileno ganhou seus quatro confrontos anteriores como local.
  • Unión La Calera é a terceira equipe com mais jogos como local na CONMEBOL Sudamericana sem derrotas (8 – 4V e 4E). Só a Chapecoense (10) e a Ponte Preta (9) superam os chilenos.
  • Santos nunca perdeu uma partida na qual tenha marcado o primeiro gol na CONMEBOL Sudamericana. Já são 14 jogos que o “Peixe” inaugura o placar na competição (10V 4E).
  • Bryan Angulo fez seis gols nos últimos sete jogos que disputou em competições CONMEBOL, depois de haver marcado cinco gols em suas 18 partidas anteriores. É o segundo jogo consecutivo no qual ele marca para o Santos na CONMEBOL Sudamericana 2022.

Grupo D

– Terça em Viña del Mar: Everton (CHI) 2-1 Ayacucho (PER)

Números do jogo

  • Everton voltou ao caminho dos campeões nos torneios CONMEBOL depois de cinco partidas consecutivas sem vencer (1E e 4D), pondo fim a sua pior marca histórica sem ganhar em competições continentais.
  • Everton inclinou a balança a seu favor no histórico como local na CONMEBOL Sudamericana. Após essa vitória sobre Ayacucho, a equipe chilena conta agora com duas vitórias, um empate e uma derrota jogando em casa na competição.
  • Depois de não conseguir fazer gols em suas primeiras três partidas como visitante na CONMEBOL Sudamericana (3D), Ayacucho pôde marcar pelo menos um goll em seus últimos três enfrentamentos fora pela Sudamericana (1V e 2D).
  • César Valenzuela, do Everton, não dava assistência a gol numa partida de campeonatos CONMEBOL desde abril de 2015, em que jogou pelo Palestino contra Zamora FC na CONMEBOL Libertadores.
  • Cristian Techera, de Ayacucho, marcou seu décimo gol na temporada 2022.

– Quinta, em Cochabamba: Jorge Wilstermann (BOL) 1-3 São Paulo (BRA)

Números do jogo

  • São Paulo estendeu sua invencibilidade no jogo sobre Jorge Wilstermann em competições CONMEBOL. Com essa vitória o tricolor paulista ganhou os três desejáveis pontos.
  • São Paulo conseguiu ganhar dois jogos consecutivos como visitante em competições CONMEBOL pela primeira vez desde 2009, quando venceu América de Cali (3-1) e Defensor Sporting (1-0) pela Libertadores.
  • Jorge Wilstermann acumulou 10 jogos marcando pelo menos um gol em equipes do Brasil em torneios CONMEBOL (5V, 1E e 4D), sua atual maior sequência contra as equipes de um mesmo país.
  • Depois de converter um único pênalti nos 58 jogos disputados na CONMEBOL Sudamericana (x Figueirense em 2007), São Paulo marcou dois gols, dessa modalidade, na edição atual em três jogos.

Grupo E

– Terça, em Pereira: Independiente Medellín (COL) 0-1 Internacional (BRA)

Números do jogo

  • Internacional derrotou Independiente Medellín em seu primeiro duelo e conseguiu sua primeira vitória como visitante na Colômbia em competições CONMEBOL, em nove encontros (6E e 2D).
  • Esta é apenas a segunda derrota do Independiente Medellín como local na CONMEBOL Sudamericana, após ter perdido para o Racing por 2-3 em 2017. O time colombiano registra cinco vitórias e três empates em seus confrontos em casa.
  • Internacional venceu pela primeira vez em CONMEBOL Sudamericana desde novembro de 2008 (5E e 2D), quando derrotou por 0-1, como visitante, a Estudiantes de la Plata, justamente no último confronto da competição na qual não sofreu nenhum gol.
  • Mesmo que não tenha conseguido dar sua primeira assistência, Vladimir Hernández deu oito passes na Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana (quatro hoje), mais que qualquer outro jogador do Independiente Medellín.

– Quarta, em Assunção: Guaireña (PAR) 1-0 9 de Octubre (EQU)

Números do jogo

  • Guaireña ganhou pela primeira vez como local nos torneios CONMEBOL. Até o confronto com 9 de octubre, o time paraguaio tinha somado uma derrota e dois empates em casa.
  • É a primeira vitória do Guaireña contra rivais estrangeiros em competições da CONMEBOL, tendo conquistado dois empates contra o Independiente Medellín e Internacional.
  • Com o triunfo do Guaireña, os paraguaios quebraram uma racha de cinco jogos consecutivos sem ganhar como local ante rivais equatorianos em torneios CONMEBOL (2E 3D).
  • 9 de Octubre teve 62% de posse de bola no jogo contra o Guaireña, seu maior percentual registrado em 2022 considerando a Conmebol Sudamericana e a Liga Pro do Equador.
  • Tendo saído do banco aos 17 minutos do primeiro tempo, César Villagra foi o jogador guaireño com mais duelos (17), mais duelos vencidos (10), mais duelos aéreos (10) e duelos aéreos vencidos (7).
  • Guaireña teve 38% da posse de bola na vitória sobre o 9 de Octubre, seu registro mais alto de posse nos cinco jogos que disputou nesta CONMEBOL Sudamericana.

Grupo F

– Quarta, em Antofagasta: Deportes Antofagasta (CHI) 2-1 Atlético Goianiense (BRA)

Números do jogo

  • Antofagasta quebra uma sequência de três derrotas consecutivas na CONMEBOL Sudamericana e conquista sua primeira vitória em casa no torneio em sua quinta partida disputada (4D).
  • Pela primeira vez, Antofagasta consegue marcar dois ou mais gols em casa na CONMEBOL Sudamericana, e iguala o número de gols que marcou em casa até hoje (um gol no Fluminense e um gol no Defensa y Justicia).
  • O Atlético Goianiense acumula quatro partidas na CONMEBOL Sudamericana (2V, 1E e 1D), sua maior sequência na competição.
  • Diego Churín, do Atlético Goianiense, finalizou sete vezes no total na partida contra o Antofagasta, o segundo melhor recorde em uma partida da fase de grupos da atual CONMEBOL Sudamericana, superado apenas por Facundo Suárez (Oriente Petrolero) contra o Unión de Santa Fé, com oito arremessos.

– Quinta, em Buenos Aires: Defensa y Justicia (ARG) 1-2 Liga de Quito (EQU)

Números do jogo

  • A LDU Quito tem 13 jogos consecutivos fora de casa sem empate na CONMEBOL Sudamericana (5V e 8D). A equipe equatoriana venceu em três de seus últimos cinco jogos como visitante na competição (2D).
  • É apenas a primeira vez em 13 partidas que Defensa y Justicia sofre duas derrotas consecutivas jogando em casa na CONMEBOL Sudamericana (5V, 4E e 4D).
  • Foi a primeira vez que LDU Quito conseguiu marcar mais de um gol visitando um time argentino na CONMEBOL Sudamericana (2V, 3E e 4D).
  • Alexander Alvarado, da LDU Quito, marcou hoje o quarto e quinto gols de sua carreira na CONMEBOL Sudamericana e sua primeira dobradinha em sete jogos disputados na competição.
  • Defensa y Justicia chutou a gol 29 vezes contra a LDU Quito, estabelecendo um recorde de arremessos em uma partida na fase de grupos da atual CONMEBOL Sudamericana, superando seu próprio recorde de 26 arremessos feitos contra o Atlético Goianiense e os 26 de Jorge Wilstermann contra Ayacucho. Entretanto, a equipe argentina perdeu duas partidas nas quais fez mais chutes a gol.

Grupo G

– Terça, em Caracas: Deportivo La Guaira (VEN) 0-2 Independiente (ARG)

Números do jogo

  • O Independiente venceu sua primeira partida na CONMEBOL Sudamericana contra um time venezuelano e sua sétima vitória contra rivais deste país em competições da CONMEBOL (9P – 7V 2D).
  • Tendo perdido apenas um de seus sete primeiros jogos em casa na CONMEBOL Sudamericana (4V e 2E), o Deportivo La Guaira tem emendado derrotas e partidas sem marcar em casa, pela primeira vez na competição.
  • Esta é a primeira vitória do Independiente fora de casa na CONMEBOL Sudamericana desde abril de 2021, quando bateu o Guabirá por 1 a 3. No entanto, não deixava seu arco intacto como visitante na competição desde dezembro de 2020 (0-0 x Lanús).
  • Além de ter marcado o primeiro gol do Independiente, Domingo Blanco foi o jogador do “Rojo” com mais chutes a gol (5), mais passes a gol (3), mais duelos ganhos (9) e mais faltas fabricadas (4).
  • Leandro Fernández marcou o segundo gol do Independiente e é o segundo maior artilheiro do clube na CONMEBOL Sudamericana, com sete gols, quatro a mais que Silvio Romero.

– Terça, em Assunção: General Caballero (PAR) 0-2 Ceará (BRA)

Números do jogo

  • É a primeira vez que o Ceará encadeia triunfos como visitante em competições CONMEBOL, mantendo a defesa invicta em ambos os confrontos.
  • Pela primeira vez equipes brasileiras conseguem vitórias consecutivas visitando rivais paraguaios pela CONMEBOL Sudamericana (7V, 2E e 9D). A vitória mais recente foi em 2021, quando Red Bull Bragantino venceu o Libertad por 3-1.
  • O duelo entre General Caballero e Ceará foi o que gerou em mais cartões amarelos (10) nessa edição da CONMEBOL Sudamericana, junto com o Independiente Medellín x 9 de Octubre em 14 de abril.
  • Ceará é a equipe que mais cometeu infrações na Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2022 (42), mas também foi o time que mais faltas recebeu (39).
  • Bruno Pacheco, do Ceará, é o zagueiro que recebeu mais faltas na presente edição da CONMEBOL Sudamericana (11).

Grupo H

– Terça, no Rio de Janeiro: Fluminense (BRA) 0-0 Unión (ARG)

Números do jogo

  • Fluminense ampliou sua invencibilidade na CONMEBOL Sudamericana para sete partidas após o empate sem gols com o Unión, com três vitórias e quatro empates.
  • Fluminense não perdeu em seus três jogos em casa na CONMEBOL Sudamericana contra times da Argentina, tendo uma vitória (3-1 x Banfield) e dois empates (1-1 x Gimnasia de La Plata e este 0-0 x Unión).
  • Unión de Santa Fé consegue unir duas partidas sem derrotas fora de casa na CONMEBOL Sudamericana pela primeira vez em sua história (1V e 1E) e é a primeira vez que não recebe gols fora de casa na competição.
  • Todos os pênaltis que o Unión de Santa Fé sofreu na CONMEBOL Sudamericana (4) foram de times do Brasil: além do Fluminense, Atlético Mineiro (2) e Bahia (1).

– Quinta, em Santa Cruz: Oriente Petrolero (BOL) 1-3 Junior (COL)

Números do jogo

  • Junior obteve sua quinta vitória em cinco partidas ante Oriente Petrolero em competições CONMEBOL. A desta noite foi a primeira na Sudamericana, as quatro anteriores foram na Libertadores.
  • Junior venceu em quatro de suas últimas seis partidas na Bolívia em competições CONMEBOL (2D). Neste intervalo, sempre que a equipe de Barranquilla marcou mais de um gol terminou vencendo a partida.
  • Oriente Petrolero marcou pelo menos um gol em nove dos seus últimos dez jogos como local em competições CONMEBOL.
  • Junior perdeu somente uma das 11 partidas que disputou em competições CONMEBOL (5V e 5E). Ademais, nos últimos seis jogos a equipe colombiana marcou 11 gols e só recebeu três.

CONMEBOL.com / OPTA

Últimas Noticias