Página inicio CONMEBOL

NOTICIA DESTACADA

[smartslider3 slider="7"]
Museo Conmebol
Cree en Grande
Pesquisar
Close this search box.

Times históricos entram na briga pela classificação na CONMEBOL Sudamericana

  • Nesta terça-feira começa a disputa dos encontros de revanche das Oitavas de Final da CONMEBOL Sudamericana 2022.

Com Nacional, Olímpia e São Paulo, múltiplos campeões continentais, com vantagem de dois gols em suas respectivas séries das Oitavas de Final, a CONMEBOL Sudamericana-2022 define seus classificados para as quartas.

–Jogos de volta Oitavas de Final (Resultado de Ida)

– Terça-feira

1- Em Santa Fe: Unión (ARG) x Nacional (URU) (0-2)

Estádio: 15 de Abril

Hora: 19:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Piero Maza (CHI)

VAR: Juan Lara (CHI)

– Antecedentes –

  • Nacional venceu 3 de seus últimos 6 jogos contra rivais argentinos em competições CONMEBOL (1E 2D), somando assim a mesma quantidade de vitórias que em seus 12 duelos prévios contra eles (2E 7D).
  • Unión de Santa Fe soma 4 jogos sem perder como local na CONMEBOL Sudamericana (1V 3E), deixando seu arco intacto em 3 deles.
  • Nacional superou 5 das 7 eliminatórias da CONMEBOL Sudamericana na qual ganhou o encontro de ida. As únicas duas exceções foram contra o Libertad em 2003 e o LDU Loja em 2012.
  • Os times uruguaios venceram seus últimos 4 enfrentamentos contra rivais argentinos em competições CONMEBOL, somando duas vitórias mais que em seus 20 duelos anteriores contra eles (5E 13D).
  • Kevin Zenón, do Unión de Santa Fe, é o jogador que realizou (64) e acertou (20) mais levantamentos (incluindo escanteios) desde o início da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2022.

2- Em Porto Alegre: Internacional (BRA) x Colo Colo (CHI) (0-2)

Estádio: Beira-Rio

Hora: 21:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Darío Herrera (ARG)

VAR: Mauro Vigliano (ARG)

– Antecedentes –

  • Apesar da vitória por 2-0 do Colo-Colo na ida, Internacional está invicto nas 6 partidas que disputou como local contra rivais chilenos em competições CONMEBOL (4V 2E), conseguindo a vitória nos 4 mais recentes.
  • Das 19 partidas que disputou em casa na CONMEBOL Sudamericana até a data, Internacional perdeu só uma delas: 0-2 x Bahia em 2014. Venceu em 10 ocasiões e empatou em outras 8, sofrendo só 12 gols no total.
  • Colo-Colo venceu 5 de seus últimos 8 encontros disputados na CONMEBOL Sudamericana (3D), após ter vencido só 1 dos 9 anteriores na competição (6E 2D).
  • Bruno Méndez, do Internacional, é o jogador da atual CONMEBOL Sudamericana com mais tentativas de passes (431) e passes acertados (389) desde o início da Fase de Grupos, com 90.3% de precisão.

– Quarta-feira

3- Em Fortaleza: Ceará (BRA) x The Strongest (BOL) (2-1)

Estádio: Castelão

Hora: 19:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Derlis López (PAR)

VAR: Nicolás Gallo (COL)

– Antecedentes –

  • Após o empate na ida (1-1), Santos mantém sua condição de invicto contra rivais venezuelanos em competições CONMEBOL (3V 4E). De fato, o Peixe ganhou os três jogos que disputou como local até agora.
  • Santos soma 6 jogos sem derrotas na CONMEBOL Sudamericana (3V 3E), marcando gol em cada um deles. O Peixe nunca chegou a 7 jogos consecutivos sem perder na competição.
  • Deportivo Táchira anotou gol em seus últimos 3 jogos como visitante em competições CONMEBOL (1V 1E 1D) e busca chegar a 4 visitas com gol pela primeira vez desde uma racha de 5 entre 2012 e 2015 (2E 3D).
  • Santos é, junto com Ceará, uma das duas equipes que não sofreu gol no segundo tempo das partidas entre Libertadores e Sudamericana, desde que iniciou a Fase de Grupos de 2022.
  • Santos acumula 12 jogos consecutivos marcando gol como local na CONMEBOL Sudamericana (8V 2E 2D), a maior racha vigente anotando em casa na competição.

4- Em Arequipa: Melgar (PER) x Deportivo Cali (COL) (0-0)

Estádio: Monumental de la UNSA

Hora: 19:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Facundo Tello (ARG)

VAR: Juan Soto (VEN)

– Antecedentes –

  • Após o empate no encontro de ida (0-0), Deportivo Cali se mantém invicto contra rivais peruanos em competições CONMEBOL (4V 3E), deixando seu arco zerado em 4 ocasiões.
  • Melgar soma 9 jogos sem perder como local na CONMEBOL Sudamericana (8V 1E). Trata-se da melhor racha ativa entre as equipes que ainda estão na competição.
  • Deportivo Cali empatou 3 de seus últimos 5 encontros disputados em competições CONMEBOL (1V 1D), após ter empatado em só 3 de seus 22 anteriores (9V 10D).
  • Desde que começou a Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2022, nenhum jogador realizou mais passes para finalizações que Alexis Arias, do Melgar (23).

5- Em Santos: Santos (BRA) x Deportivo Táchira (VEN) (1-1)

Estádio: Urbano Caldeira

Hora: 21:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Kevin Ortega (PER)

VAR: Víctor Carrillo (PER)

– Antecedentes –

  • Após o empate na ida (1-1), Santos mantém sua condição de invicto contra rivais venezuelanos em competições CONMEBOL (3V 4E). De fato, o Peixe ganhou os três jogos que disputou como local até agora.
  • Santos soma 6 jogos sem derrotas na CONMEBOL Sudamericana (3V 3E), marcando gol em cada um deles. O Peixe nunca chegou a 7 jogos consecutivos sem perder na competição.
  • Deportivo Táchira anotou gol em seus últimos 3 jogos como visitante em competições CONMEBOL (1V 1E 1D) e busca chegar a 4 visitas com gol pela primeira vez desde uma racha de 5 entre 2012 e 2015 (2E 3D).
  • Santos é, junto com Ceará, uma das duas equipes que não sofreu gol no segundo tempo das partidas entre Libertadores e Sudamericana, desde que iniciou a Fase de Grupos de 2022.
  • Santos acumula 12 jogos consecutivos marcando gol como local na CONMEBOL Sudamericana (8V 2E 2D), a maior racha vigente anotando em casa na competição.

– Quinta-feira

6- Em Buenos Aires: Lanus (ARG) x Independiente del Valle (EQU) (1-2)

Estádio: Ciudad de Lanús

Hora: 19:15 horário local – 22:15 GMT

Árbitro: Christian Garay (CHI)

VAR: Carlos Benítez (PAR)

– Antecedentes –

  • Apesar de estar embaixo no resultado global, Lanus nunca perdeu um encontro como local contra um rival equatoriano em competições CONMEBOL, somando 4 vitórias e 2 empates, deixando seu arco intacto em 4 ocasiões.
  • Lanus marcou gol em cada um de seus últimos 6 jogos na CONMEBOL Sudamericana (3V 1E 2D) e poderia encadear mais encontros anotando no torneio pela primeira vez desde 2015, quando quebrou uma racha de 9 (5V 3E 1D)
  • Independiente del Valle superou as últimas 4 eliminatórias em competições CONMEBOL na qual venceu o jogo de ida. Três delas foram na Libertadores (x River Plate, Pumas UNAM e Boca Juniors em 2016) e uma na Sudamericana (x Universidad Católica em 2019).
  • Matías Pérez, do Lanus, é o jogador ainda em competição que mais interceptações realizou na CONMEBOL Sudamericana 2022 desde o início da atual Fase de Grupos (20).

7- Em São Paulo: São Paulo (BRA) x Universidad Católica (CHI) (4-2)

Estádio: Morumbi

Hora: 21:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Alexis Herrera (VEN)

VAR: Jhon Perdomo (COL)

– Antecedentes –

  • São Paulo se mantém invicto contra o Universidad Católica na CONMEBOL Sudamericana, após 5 enfrentamentos (2V 3E), marcando exatamente 4 gols em seus 2 duelos mais recentes contra os ‘Cruzados’ (2V).
  • São Paulo soma 8 encontros sem perder na CONMEBOL Sudamericana (7V 1E), a racha ativa mais extensa no torneio (junto com o Guaireña), marcando uma média de 2.5 gols por jogo nesse intervalo.
  • Entre Libertadores e Sudamericana, São Paulo nunca ficou fora de uma eliminatória após vencer o encontro de ida por, pelo menos, 2 gols de diferença. Nas 8 ocasiões prévias que isto aconteceu (4 em cada torneio), a equipe paulista conseguiu avançar.
  • São Paulo esteve em desvantagem durante só 3 minutos nesta CONMEBOL Sudamericana 2022. É o melhor registro a nível continental (Libertadores + Sudamericana 2022) desde o início da Fase de Grupos.
  • Fernando Zampedri marcou gol em 4 de seus 6 jogos na CONMEBOL Sudamericana com o Universidad Católica (4 gols no total), com 7 chutes a gol neste intervalo.

8- Em Goiânia: Atlético Goianianese (BRA) x Olímpia (PAR) (0-2)

Estádio: Serra Dourada

Hora: 21:30 horário local – 00:30 GMT

Árbitro: Wilmar Roldán (COL)

VAR: Julio Bacuñán (CHI)

– Antecedentes –

  • No encontro de ida, Olímpia conseguiu a vitória em seu primeiro duelo internacional contra o Atlético Goianiense (2-0). O ‘Decano’ venceu seus últimos 2 encontros contra rivais brasileiros em competições CONMEBOL, ambos em casa e pelo mesmo resultado: 2-0 x Fluminense na Libertadores; 2-0 x Atlético Goianiense.
  • Atlético Goianiense se mantém invicto como local na CONMEBOL Sudamericana (4V 4E), deixando seu arco intacto em 5 desses 8 encontros.
  • Olímpia perdeu só 1 dos últimos 6 encontros como visitante na CONMEBOL Sudamericana (2V 3E), após ter perdido 5 das primeiras 6 visitas na competição (1V).
  • Desde o início da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana 2022, Wanderson (Atlético Goianiense) é líder em desvios (39) e finalizações bloqueadas (10).
  • Derlis González participou dos 2 gols do Olímpia contra o Atlético Goianiense no encontro de ida (1 gol, 1 assistência). São tantas participações de gol como em seus 16 encontros anteriores em torneios CONMEBOL (1 gol, 1 assistência).

CONMEBOL.com

Antecedentes OPTA

Ultimas Noticias