NOTICIA DESTACADA

Cascavel conquista seu primeiro título na CONMEBOL Libertadores Futsal 2022
Cascavel conquista seu primeiro título na CONMEBOL Libertadores Futsal 2022
Independiente del Valle sagra-se bicampeão da CONMEBOL Sudamericana
Independiente del Valle sagra-se bicampeão da CONMEBOL Sudamericana
A 50 dias do Mundial: Equador quer fazer história
A 50 dias do Mundial: Equador quer fazer história

Três novos passageiros na Fase 2

  • Um time paraguaio, umm equatoriano e um boliviano avançaram para a Fase 2
  • A próxima rodada do torneio será disputada a partir de 22/02

Olímpia, tricampeão do torneio; Barcelona, duas vezes finalista, e Bolívar, avançaram para a segunda fase da CONMEBOL Libertadores 2022, na qual encontrarão o Atlético Nacional, Universitario de Deportes e o Universidad Católica do Equador respectivamente.

– Olímpia 2-0 César Vallejo –

O ‘Rei de Copas’ paraguaio, campeão da Libertadores em 1979, 1990 e 2002, deixou no caminho o Universidad César Vallejo do Peru na Fase 1.

Após vencer por 1-0 na ida em Lima, a ‘O’ fez o mesmo em Assunção com um 2-0 com gols de Guillermo Paiva aos 34 minutos e Fernando Cardozo (83′).

Na segunda fase confrontará o colombiano Atlético Nacional, campeão do torneio em 1989 e 2016.

– Números do jogo –

  • Olímpia venceu os dois jogos de uma instância eliminatória da CONMEBOL Libertadores pela primeira vez desde as oitavas de final de 2002, quando eliminou o Cobreloa após vencer por 2-0 como visitante e 2-1 como local.
  • Olímpia realizou 33 finalizações na vitória contra o Universidad César Vallejo. É o quarto maior número de finalizações realizadas em uma partida da CONMEBOL Libertadores desde pelo menos 2013, empatado com outras duas partidas.
  • Leandro Fleitas realizou 79 passes corretos na derrota contra o Olímpia. Foi o maior número de passes certeiros por um jogador do Universidad César Vallejo em uma partida na história da CONMEBOL Libertadores.
  • Jorge Recalde realizou 6 finalizações na vitória contra o Universidad César Vallejo. Foi sua melhor marca pessoal nesta estatística na história da CONMEBOL Libertadores, embora não tenha conseguido marcar um gol.
  • Frank Ysique teve 29 tentativas de passes no jogo contra o Olímpia, terminando com 100% de acerto. É a primeira vez que um jogador do Universidad César Vallejo realiza tantos passes em uma partida da CONMEBOL Libertadores sem errar nenhum.
  • Em seu primeiro jogo como titular com o Olímpia na CONMEBOL Libertadores, Guillermo Paiva anotou seu primeiro gol no torneio com a equipe paraguaia.

– Bolívar 4-0 Deportivo Lara –

Bolívar superou o venezuelano Deportivo Lara com uma contundente goleada de 4-0 em La Paz. Na ida em Barinas tinha vencido por 3-2.

Os gols do jogo foram obra de José Sagredo (37’), Bruno Sávio (68’), Alberto Guitián (76’) e Bruno Miranda (82’).

A ‘Academia’ duelará por um lugar na terceira fase contra o Universidad Católica do Equador.

– Números do jogo –

  • As equipes bolivianas nunca perderam um jogo em casa contra times venezuelanos na CONMEBOL Libertadores (14V 1E). Bolívar venceu seus 4 jogos em casa contra times da Venezuela na competição, anotando pelo menos 4 gols em 3 dessas vitórias.
  • Bolívar não sofreu chutes a gol contra o Deportivo Lara, sendo a primeira vez que isso acontece durante a CONMEBOL Libertadores desde 2013.
  • Bruno Savio teve 7 tentativas de finalizações no jogo de volta contra o Deportivo Lara, o maior registro para um jogador do Bolívar na CONMEBOL Libertadores desde Marcos Riquelme (9) no jogo contra o Guaraní em outubro de 2020.
  • Bolívar anotou gols em suas últimas 24 partidas como local na CONMEBOL Libertadores (15V 5E 4D). Seu último jogo em casa sem marcar um gol no torneio foi em janeiro de 2011, contra o Unión Española (0-1).
  • ‘Chico’ é o terceiro jogador do Bolívar em fazer assistência em 2 gols em uma mesma partida da CONMEBOL Libertadores, desde pelo menos a edição de 2013, junto com Álex Granell (contra o Montevideo Wanderers, em março de 2021) e William Ferreira (contra o Flamengo, em março de 2014)
  • ‘Chico’ realizou 6 assistências para finalizações contra o Deportivo Lara, sendo o máximo registro em uma partida da CONMEBOL Libertadores para um jogador do Bolívar desde Juan Arce com 7 contra o Guaraní em outubro de 2020.

– Barcelona 0 (8) – 0 (7) City Torque –

Na terça-feira, Barcelona, finalista em 1990 e 1998, encontrou nos pênaltis o passe para a segunda fase ao vencer o Montevideo City Torque por 8-7 em Guaiaquil.

A definição nos pênaltis foi declarada após o 0 a 0 nos 90 minutos e o empate de 1-1 na ida na capital uruguaia.

O ‘torero’ confrontará agora os ‘cremas’ peruanos do Universitario.

– Números do jogo –

  • Barcelona aumenta seu invicto jogando como local contra equipes uruguaias na CONMEBOL Libertadores: chega a 8 jogos sem derrotas (5V 3E). Além disso, elimina uma equipe uruguaia na primeira rodada eliminatória pela segunda vez nas últimas três edições (Progreso em 2020).
  • As equipes equatorianas só perderam em 4 de seus últimos 21 jogos contra times uruguaios em competições CONMEBOL (9V 8E).
  • As 22 finalizações realizadas pelo Barcelona são seu registro mais alto considerando competições CONMEBOL e Liga Pro equatoriana desde os 25 conseguidos x Manta no dia 26 de julho de 2021. Entre essas partidas, Barcelona disputou 19 encontros (5V 5E 9D).
  • É a primeira vez que Montevideo City Torque tem menos a bola que seu rival em 10 minutos em competições CONMEBOL (8 na Sudamericana 2021 e 2 nesta edição da Libertadores). Nesta noite, Barcelona de Guaiaquil dominou a posse 60% x 40%.
  • Montevideo City Torque foi eliminado da atual edição da Libertadores, porém a equipe uruguaia mantém uma marca positiva em competições CONMEBOL: em 10 jogos disputados entre os dois torneios principais ganharam 4, empataram 5 e perderam só 1 (contra o Independiente na Sudamericana 2021). Além disso, mantiveram seu arco em zero em 5 dos 10 encontros disputados, incluindo este último.

CONMEBOL.com / AFP

Últimas Noticias