NOTICIA DESTACADA

Com o sonho na mira, Argentina busca recuperação no jogo contra o México
Com o sonho na mira, Argentina busca recuperação no jogo contra o México
Valencia aproxima Equador das Oitavas de Final
Valencia aproxima Equador das Oitavas de Final
“Diego imortal”, o grito da CONMEBOL Tree Of Dreams dois anos após sua partida
“Diego imortal”, o grito da CONMEBOL Tree Of Dreams dois anos após sua partida

Venezuela sagra-se campeã no Sul-Americano Feminino Sub-17

Venezuela ganhou do Brasil por 1-0 e conquistou pela segunda vez o título de campeã do Sul-Americano Feminino Sub-17

Venezuela ganhou do Brasil por 1-0 e conquistou pela segunda vez o título de campeã do Sul-Americano Feminino Sub-17. A partida foi disputada no estádio Metropolitano de Lara.

A cortina do torneio fechou com o final mais desejado por milhares de fãs que, ao longo dos 20 dias, fizeram força para que os resultados fossem positivos, e a Venezuela saísse campeã em terra própria.

De um lado, a seleção brasileira portentosa, bonita e tática, duas vezes campeã do torneio, com figuras da talha de Kerolin e Micaely que mostraram suas habilidades em um estádio totalmente lotado.

E do outro lado, o encorajamento dos locais e suas destacadas jogadoras Daniuska Rodriguez e Deyna Castellanos, que usaram seus talentos para o deleite das 41.000 pessoas que foram ao estádio, um evento histórico para o futebol feminino da América do Sul.

No primeiro tempo o jogo foi bastante fechado, com tensos momentos em ambas as linhas, terminando sem celebrar gol algum. Na etapa complementar, mais uma vez, Deyna Castelhano aos 47' marcou para a Vinhotinto. A garota, além de ser artilheira do torneio, com um jogo individual espetacular marcou o primeiro e único gol do jogo para o delírio de um país inteiro.

Formações:

Venezuela:

Nayluisa Cáceres; Verónica Herrera, Hilary Vergara, Sandra Luzardo; Dayana Rodríguez, Gladysmar Rojas, Yerliane Moreno y Olimar Castillo; Daniuska Rodríguez, Maria Gabriela García e Deyna Castellanos.

Suplentes: Alexa Castro, Iceis Briceño, Jhosanny Brito, Lidey Flores, Heliamar Alvarado, Nikol González, Keisy Rondon, Leydis Perez, Jeismar Cabeza, Adrianny Luna e Nohelis Coronel.

Brasil: Kemelli Firmino; Isabella Fernandes, Isabela Da Silva, Thais Da Silva e Angelina Alonso; Rayane Oliveira de Souza, Bianca Caetano Ferrara, Micaely Dos Santos e Jaqueline Ribeiro; Nykole Silva y Kerolin Israel Ferraz.

Suplentes: Nicole Ramos, Camila Silva Soares, Sabrina Ramos Camatta, Andressa Pereira Rosa, Rayane Da Silva Arruda, Paloma de Lemos, Karla Alves Machado, Ana Vitória Araujo, Olivia de Moraes, Maria Jhulia Azarias e Stefane Pereira Rosa.

Gols: Deyna Castellanos 47’ (Venezuela).

Últimas Noticias