NOTICIA DESTACADA

2 times brasileiros e 1 equatoriano conquistam leve vantagem no torneio
2 times brasileiros e 1 equatoriano conquistam leve vantagem no torneio
CONMEBOL deixa de exigir teste negativo de COVID para suas competições
CONMEBOL deixa de exigir teste negativo de COVID para suas competições
Detentores de direitos televisivos confirmados para a Sub-20 Intercontinental
Detentores de direitos televisivos confirmados para a Sub-20 Intercontinental

Adeus Maradona, o futebol e o esporte se despedem com emoção

diego_maradona

Com a lembrança nostálgica das suas atuações gloriosas, dirigentes do futebol e do esporte mundial, a notícia do falecimento de Diego Maradona foi recebida com palavras de emoção e reconhecimento.

O presidente da CONMEBOL, Alejandro Domínguez, disse que “a bola está de luto” ao lamentar a morte do ex-craque do futebol mundial. “Profundamente comovido pelo falecimento do ídolo argentino, sul-americano e mundial Diego Armando Maradona”, expressou o presidente Domínguez no Twitter.

“Que notícia triste. Perdi um grande amigo e o mundo perdeu uma lenda. Ainda há muito por dizer, porém por agora, que Deus dê força aos familiares. Espero que algum dia possamos jogar futebol juntos no céu”, escreveu no Instagram o brasileiro Pelé, tricampeão mundial, de 80 anos.

Lionel Messi, a estrela argentina disse “Um dia muito triste para todos os argentinos e para o futebol. Nos deixa, porém não vai porque Diego é eterno”.

Neymar, o craque brasileiro expressou no Twitter: “DOM DIEGO MARADONA… Descanse em paz! LENDA do futebol”

Ángel Di María, jogador argentino postou no Instagram, “Até sempre, Diego. Reconhecimento eterno por tudo. Sempre você estará nos nossos corações. Nunca te esqueceremos”.

“Um garotão, louco. Isso que me deixa pra baixo. Não pode ser, não pode ser. É incrível. E parece que alguém está esperando que digam que não foi nada. Estávamos falando entre todos com o grupo (do Mundial de 1986). Não quisemos adiantar por causa da pandemia, porque tínhamos medo de nos juntar e que algo acontecesse. Não pudemos falar, nem nos ver”, expressou Óscar Ruggeri, companheiro de seleção de Maradona no Mundial do México 86.

“O mundo inteiro espera nossas palavras, mas que palavras podemos utilizar para expressar uma dor como a que sentimos? No momento é tempo de lágrimas, depois já virá o das palavras”, expressou o clube de futebol italiano Nápoles, que vivenciou sua era mais gloriosa e seus dois únicos títulos de campeão do país (1987, 1990) com Diego Maradona como craque.

“Hoje digo adeus a um amigo e o mundo diz adeus a um gênio eterno. Um dos melhores de todos os tempos. Um mago incomparável. Está indo muito cedo, porém deixa um legado sem limite e um vazio que nunca será ocupado. Descanse em paz, craque. Nunca te esqueceremos”, escreveu o cinco vezes ganhador da Bola de Ouro, Cristiano Ronaldo.

“Sua lembrança será eterna. Não te esqueceremos. Descanse em paz, Diego”, publicou Andrés Iniesta.

Rafael Nadal, reconhecido tenista no Twitter “Hoje o mundo do esporte em geral e o futebol em particular tem um vazio. Maradona se foi, um dos maiores esportistas da história. Resta o que fez no futebol. Minhas mais sinceras e sentidas condolências para sua família, ao mundo do futebol e para toda a Argentina”.

 

 

 

AFP/EFE

CONMEBOL.com

Últimas Noticias