NOTÍCIAS DESTACADA

Designação de árbitros para os encontros de ida – Oitavas de Final da CONMEBOL Sudamericana
Designação de árbitros para os encontros de ida – Oitavas de Final da CONMEBOL Sudamericana
Árbitros para as Oitavas da CONMEBOL Libertadores
Árbitros para as Oitavas da CONMEBOL Libertadores
Córdoba será uma festa com a final da CONMEBOL Sudamericana 2022
Córdoba será uma festa com a final da CONMEBOL Sudamericana 2022

A batalha pelo passe às oitavas continua!

000_9ad36u

Goleadas, vitórias e um empate do Libertad com o Atlético Goianiense no Brasil marcaram a jornada desta quarta-feira na CONMEBOL Sudamericana 2021, em uma quinta jornada que se resiste a concretar a classificação de um time para as oitavas de final do torneio.

O líder do grupo no final da série é o único que conseguirá o prêmio maior: avançar para as oitavas de final da CONMEBOL Sudamericana que, nessa fase incorporará os que terminem no terceiro lugar de suas séries na CONMEBOL Libertadores.

Um prêmio que o Libertad está a ponto de conseguir, porém que deverá esperar para concretar. Em sua visita ao Brasil, os paraguaios salvaram um empate sem gols com o Atlético Goianiense que continua na liderança do Grupo F com 10 pontos.

Goianiense parou em 9 unidades e continua com esperanças de avançar. Por outro lado, Libertad pode cortar esse boleto para as oitavas se, na jornada final, vencer o eliminado Palestino.

A tensão também subiu ao Grupo A com a goleada do Rosario Central de 5-0 sobre o Huachipato do Chile. Com o triunfo, os ‘Canallas’ passaram a liderar a série com 10 pontos, seguido pelo Huachipatolo com 8 pontos.

– Paranaense a meio passo das oitavas –

Outro time que se aproximou à ansiada classificação foi o brasileiro Athlético Paranaense com triunfo em Curitiba sobre o Melgar do Peru por 1-0.

Renato Kayzer (42) marcou o gol que deixou os brasileiros no topo do Grupo D com 12 pontos e diferença de gol +3. Melgar ficou no segundo lugar com 9 pontos e +2.

Na jornada final, Paranaense jogará contra o Aucas, que nesta quarta-feira goleou o Metropolitanos por 3-0 no duelo de eliminados, e Melgar confronte os venezuelanos.

-Números do jogo-

  • Athlético Paranaense nunca perdeu de um time peruano em competições CONMEBOL como local, vencendo os 4 jogos que disputou contra representantes desse país em sua casa.
  • Athlético Paranaense chegou a seu sexto jogo sem derrotas como local em competições CONMEBOL (4V 2E). Dos últimos 11 jogos que disputou como local (8V 2E 1D), em 9 não sofreu gols (8V 1E).
  • Athlético Paranaense só perdeu 2 jogos como local contra times não brasileiros na CONMEBOL Sudamericana em 11 partidas disputadas (7V 2E 2D). Só perdeu contra representantes mexicanos: Pachuca (0-1, em 2006) e Chivas (3-4, em 2008).
  • Renato Kayzer, autor do gol do Athlético Paranaense, é o jogador com mais chutes a gol em um jogo da atual CONMEBOL Sudamericana (6). Conseguiu na mesma quantidade de finalizações totais.
  • Carlos Cáceda defendeu 7 disparos e 8 chutes a gol recebidos. É o segundo goleiro peruano em conseguir essa quantidade de defesas em um jogo da fase de grupos da atual CONMEBOL Sudamericana, junto com Joel Pinto do Sport Huancayo.

 

-Arsenal bate o Cochabamba-

O argentino Arsenal eliminou o Wilstermann da Bolívia ao derrotá-lo por 2-1 na quinta jornada do Grupo C e subiu ao topo da chave desde o terceiro lugar.

O primeiro gol da partida foi para o Cochabamba e veio de pênalti aos 38 minutos de jogo, cobrado pelo colombiano Humberto Osorio.

Os outros dois gols, a favor dos argentinos, chegaram ao segundo tempo do encontro. O primeiro foi de Lucas Albertengo, aos 61 minutos, e o da vitória foi uma finalização de Brian Farioli aos 67′.

Com este resultado, o time ‘Viaducto’ lidera o Grupo C com 8 pontos, seguidos pelo brasileiro Ceará e o boliviano Bolívar, ambos com 6 pontos, porém com melhor diferença de gols para o primeiro (+2 x +1). O Wilstermann está em último lugar e, com 2 unidades, ficou sem chances de passar às oitavas de final.

-Números do jogo-

  • Arsenal conseguiu sua primeira vitória em terreno boliviano em competições CONMEBOL, onde tinha perdido suas 3 apresentações. Além disso, é o segundo time que derrotou o Jorge Wilstermann como visitante na competição, após o Peñarol (0-4) em 2014.
  • Jorge Wilstermann e Arsenal tiveram 16 finalizações cada um, para a equipe boliviana é o segundo melhor registro na atual CONMEBOL Sudamericana, atrás dos 24 disparos realizados sobre o Bolívar.
  • Arsenal acumula 4 encontros sem perder na CONMEBOL Sudamericana (2V 2E), igualando a racha na competição de agosto-novembro de 2014.
  • Somando as 16 finalizações recebidas neste jogo, Jorge Wilstermann é a equipe que mais sofreu finalizações nesta CONMEBOL Sudamericana (121).
  • Arsenal é o segundo time não boliviano que anota pelo menos 2 gols a um time desse país como visitante neste 2021 na CONMEBOL Sudamericana, assim como o Independiente sobre o Guabirá em abril (1-3).

 

-Emelec derrota o Tolima e fica a um triunfo das oitavas-

Emelec venceu, nesta quarta-feira, o Deportes Tolima por 2-0 (0-0) a Deportes Tolima e ficou a um passo de vencer o Grupo D e avançar para as oitavas de final da CONMEBOL Sudamericana, uma difícil classificação que conseguira se derrotar em casa o Talleres no encerramento da chave.

O time de Guayaquil demorou em abrir o placar e conseguiu com a colaboração do zagueiro visitante Anderson Angulo por um gol contra após o levantamento do lateral Romario Caicedo (70 minutos) e João Rojas sentenciou a partida (72).

-Números do jogo-

  • Emelec venceu os três times colombianos que confrontou jogando como local na CONMEBOL Sudamericana: Tolima soma-se ao Águilas Doradas (2-1 em 2014) e Santa Fe (2-1 em 2015).
  • Emelec ganhou os últimos três jogos como local na CONMEBOL Sudamericana mantendo seu gol em zero. Em todos esses anotou mais de um gol (7 no total, 2.33 de média).
  • Dixon Arroyo, do Emelec, foi o jogador da partida com mais tentativas de passes (74) e que teve maior eficácia em passes (93.2%). Os 69 passes exitosos de Arroyo são o terceiro melhor registro de um jogador do Emelec na atual CONMEBOL Sudamericana.
  • Jaminton Campaz, do Tolima, foi o jogador da partida que mais criou chances de gol (7, máximo de um jogador do Tolima na competição) e mais finalizações (5). Também foi o único que acertou ao gol mais de uma vez (2).
  • Apesar da derrota sem anotar gols, Tolima registrou sobre o Emelec seu máximo registro de finalizações em um jogo da atual CONMEBOL Sudamericana (16).

 

-Libertad consegue um empate 0-0 com o Goianiense e luta pelas oitavas-

Mantendo sua defesa, o paraguaio Libertad conseguiu um empate 0-0 em sua visita ao brasileiro Atlético Goianiense nesta quarta-feira e ficou a uma vitória das oitavas de final.

O time dirigido pelo argentino Daniel Garnero, que no sábado pode coroar-se campeão do Paraguai, inquietou o arco dos locais no estádio Castelo do Dragão, na cidade de Goiânia, porém depende de si mesmo para obter o único lugar do Grupo F para a seguinte fase.

-Números do jogo-

  • Atlético Goianiense não perdeu nos dois duelos contra o Libertad na CONMEBOL Sudamericana (1V 1E), ambos na atual edição. Por outro lado, Libertad é o líder do grupo F e Atlético Goianiense está em segundo lugar.
  • Atlético Goianiense continua sua racha de nunca ter perdido como local na história da CONMEBOL Sudamericana. A equipe brasileira está em uma racha de 4 empates e 1 vitória.
  • Atlético Goianiense empatou 0-0 pela terceira vez consecutiva como local na CONMEBOL Sudamericana. Todos os seus jogos da presente edição em sua casa não tiveram gols.
  • Libertad só perdeu 2 dos seus últimos 10 encontros como visitante na CONMEBOL Sudamericana (3V 5E 2D), após perder em suas 5 visitas anteriores na competição.
  • Atlético Goianiense esteve envolvido em 2 dos 4 jogos da atual edição da CONMEBOL Sudamericana que tiveram mais de 30 finalizações totais, porém não tiveram gols. O 0-0 de hoje com o Libertad (31 finalizações) e o 0-0 com o Palestino (32 finalizações).

 

-Aucas decora sua despedida com goleada sobre o Metropolitanos-

Aucas decorou sua eliminação da CONMEBOL Sudamericana com uma goleada de 3-0 (1-0) sobre o Metropolitanos, em um duelo disputado nesta quarta-feira em Quito, na quinta e penúltima jornada da série que agora é liderada pelo Athlético Paranaense.

Dois gols do centroavante Roberto Ordóñez (39 e 76 minutos) junto a outro gol do zagueiro Ángelo Pizzorno (68) determinaram o triunfo a favor da equipe de Quito.

Aucas completou 6 pontos e deixou o último lugar aos ‘violetas’ da Venezuela que ficaram com 3 unidades.

Paranaense chegou a 12 pontos e lidera o grupo após vencer o Melgar (9) por 1-0.

-Números do jogo-

  • Após a vitória sobre o Metropolitanos, Aucas venceu 5 dos seus últimos 6 encontros como local na CONMEBOL Sudamericana (1D).
  • É apenas a primeira derrota do Metropolitanos contra times equatorianos em competições CONMEBOL. Seu único jogo prévio contra times desse país terminou em vitória de 3-2 jogando exatamente contra o Aucas na atual edição da Sudamericana.
  • É a primeira vez que o Aucas mantém seu gol intacto jogando em casa em competições CONMEBOL. Nunca conseguiu nas 10 ocasiões anteriores que jogou como local (4V 2E 4D).
  • Aucas conseguiu duplo dígito no encontro em 4 finalizações totais (18), finalizações dentro da área (14) e levantamentos à área (13). O time venezuelano só alcançou dois dígitos quanto a levantamentos à área (17).
  • Roberto Ordóñez, do Aucas, foi o jogador mais ativo no ataque no encontro. Foi o líder do jogo quando a finalizações totais (7), chutes a gol (3) e gols anotados (2). Além disso, realizou 3 passes para finalizações de seus companheiros.

 

-Rosario Central detonou o Huachipato por 5-0 e passa para as oitavas-

O argentino Rosario Central detonou o Huachipato do Chile por 5-0 (parcial 4-0) nesta quarta-feira em Buenos Aires e subiu ao topo do Grupo A, faltando uma jornada para conhecer o time que disputará nas oitavas de final.

Lucas Gamba (27), Emiliano Vecchio (36, de pênalti), Joaquín Gutiérrez (44, contra), Damián Martínez (45+1) e o mexicano Luca Martínez Dupuy (78) marcaram os gols para o contundente triunfo da equipe ‘canalla’.

Com este resultado, Rosario Central subiu ao topo do Grupo A com 10 pontos, escoltado pelo Huachipato (8) enquanto atrás estão o paraguaio 12 de Octubre (5) e o argentino San Lorenzo (1), que duelarão nesta quinta-feira em Villa Elisa.

-Números do jogo-

  • Rosario Central aumenta seu invicto a 10 partidas sem derrotas jogando como local contra rivais chilenos em competições CONMEBOL (6V 4E). Com este triunfo, quebra uma racha de 4 empates consecutivos contra equipes chilenas jogando em condição de local.
  • Primeira vez em 141 jogos em competições CONMEBOL que o Rosario Central termina o primeiro tempo ganhando por 4 gols.
  • Rosario Central conseguiu sua segunda maior goleada em competições CONMEBOL, igualando o triunfo sobre o Junior na Libertadores de 1981 (5-0), um gol menos que em seu maior triunfo: 6-0 x Universitario do Peru na Libertadores de 2001.
  • Rosario Central marcou mais gols nas 5 partidas disputadas na fase de grupos da atual CONMEBOL Sudamericana (10) que os seus três rivais do grupo juntos (9).
  • É a primeira vez na história da CONMEBOL Sudamericana que um jogador do Rosario Central marca um gol e entrega uma assistência no mesmo encontro como fez Damián Martínez nesta noite contra o Huachipato.

 

 

 

CONMEBOL.com

Ultimas Noticias