NOTICIA DESTACADA

50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa
50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa
50 dias para a Copa do Mundo: Uruguai, um gigante com garra
50 dias para a Copa do Mundo: Uruguai, um gigante com garra
Faltando 50 dias para a Copa do Mundo: a história dos representantes sul-americanos
Faltando 50 dias para a Copa do Mundo: a história dos representantes sul-americanos

Com goleada, Palestino vence Cerro Largo e avança na competição

048_ps_395822_1

O chileno Palestino venceu Cerro Largo do Uruguai com uma goleada de 5-1, eliminando os uruguaios, no jogo de revanche da segunda fase da CONMEBOL Libertadores 2020, disputado nesta quarta-feira em Santiago. Com esse resultado Palestino vai para a próxima fase do torneio.

A clara vitória chegou graças aos gols do atacante Bryan Carrasco aos 18 minutos, do volante Agustín Farías (34′ e 76′), do atacante argentino Leandro Benegas (71′) e de Renato Tarifeño (88′). Cerro Largo diminuiu com o gol de Enzo Borges aos 77 minutos, no duelo disputado no estádio San Carlos de Apoquindo.

O empate, 1-1, no confronto de ida, no Uruguai, dava ao Palestino uma pequena vantagem sobre Cerro Largo, porque este último, saiu desesperado desde o primeiro minuto da partida, buscando os gols que lhe dessem a classificação; entretanto, as deficiências na defesa ‘charrúa’ (URU) e a efetividade dos atacantes chilenos, levaram o Palestino para a terceira fase.

-Estatísticas-

  • Palestino venceu Cerro Largo por 5-1, igualando a maior vitória (com mais gols) de uma equipe chilena sobre uma uruguaia, na história da CONMEBOL Libertadores; a última foi em 1991(4-0, Colo-Colo ante Nacional).
  • Cerro Largo fez duas substituições antes do intervalo, sendo a primeira equipe que faz isso em uma partida da CONMEBOL Libertadores, desde 2017 (Emelec x San Lorenzo, na ida das Oitavas de Final).
  • Palestino não marcava cinco ou mais gols, em CONMEBOL Libertadores desde 1979; nessa edição venceu a Portuguesa por 6-0 e Deportivo Galicia por 5-0.
  • Cerro Largo sofreu a pior derrota de uma equipe uruguaia em CONMEBOL Libertadores, desde março de 2017 (Peñarol 2-6 ante Jorge Wilstermann).
  • Três jogadores do Palestino participaram em mais de um ante Cerro Largo: Agustín Farías (2 gols), Leandro Benegas (1 gol e 1 assistência) e César Cortés (2 assistências).

 

 

 

AFP/OPTA/CONMEBOL.com

Últimas Noticias