NOTÍCIAS DESTACADA

CONMEBOL Copa América Feminina 2022: confira as estatísticas antes do início do torneio
CONMEBOL Copa América Feminina 2022: confira as estatísticas antes do início do torneio
Substituição de árbitro VAR para o jogo Unión x Nacional
Substituição de árbitro VAR para o jogo Unión x Nacional
Escalação de árbitros para as revanches das Oitavas de Final – CONMEBOL Sudamericana
Escalação de árbitros para as revanches das Oitavas de Final – CONMEBOL Sudamericana

CONMEBOL disponibiliza o Protocolo sobre as Recomendações Médicas para o Retorno do Futebol

nuevo_proyecto25

O presidente da CONMEBOL, Alejandro Domínguez, participou como convidado especial da Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul e Estados Associados, realizada nesta quinta-feira pela primeira vez em forma virtual.

Na ocasião, o presidente Domínguez fez uso da palavra para pôr à disposição dos governos sul-americanos o Protocolo sobre Recomendações Médicas para o Retorno do Futebol.

A intenção da CONMEBOL é fazer uma contribuição ao retorno seguro do futebol no continente, tendo sempre como prioridade a vida e saúde dos jogadores, árbitros, treinadores e todas as pessoas involucradas nos torneios da CONMEBOL.

“Agradecemos o estudo do documento por parte dos governos. Desde a CONMEBOL colocamos à disposição este Protocolo para o Retorno do Futebol no nosso continente com total segurança, quando as autoridades sanitárias dos respectivos países considerem oportuno”, afirmou o presidente Domínguez.

Os documentos apresentados foram concebidos como os primeiros passos de um processo gradual, que começaria eventualmente com jogos disputados sem público.

“Chegará o dia, Deus mediante, em que os riscos se reduzirão e será possível reativar as atividades hoje paralisadas. A CONMEBOL quer estar preparada para esse momento. Por isso, uma equipe de especialistas convocados pela nossa instituição elaborou um Protocolo para os treinamentos, viagens e competições, bem como um Manual Operativo de chegadas e saídas de voos de delegações de futebol de e para os aeroportos civis e/ou militares que serão utilizados”, indicou o presidente Domínguez.

“Quero agradecer-lhes o tempo dedicado ao estudo desta proposta que, naturalmente, não supõe prazos nem datas. Trata-se de uma contribuição para o retorno responsável, planificado e coordenado das competências internacionais de futebol ao nosso continente. Por favor, tenham presente que na CONMEBOL estamos às ordens para aclarar qualquer dúvida e debater as medidas contidas nestes documentos”, assegurou.

– UM RETORNO SEGURO –

Desde o começo da pandemia por causa da COVID-19, a CONMEBOL teve clara sua prioridade: o mais valioso, o que devemos proteger acima de tudo, é a vida dos jogadores, técnicos, árbitros, assistentes, torcedores; em fim, de todas as pessoas involucradas no futebol.

Nesse sentido, o presidente Domínguez informou que, imediatamente quando começou a pandemia, as competições da CONMEBOL foram suspensas. Também, nos escritórios do órgão são aplicadas estritamente as medidas de prevenção da doença. “É verdade que todos os dias trabalhamos pela nossa alegria e nossa paixão, pelo retorno do futebol, porém sempre cuidando da saúde de todos.”.

“Uma das muitas lições que a pandemia deixa é que um mundo sem esportes, um mundo sem futebol é um mundo triste, um mundo cinza. É sabido que o futebol é um alívio das tensões e ansiedades sociais. Nossos povos fizeram grandes sacrifícios e esforços, estando submetidos a severas quarentenas. O futebol pode virar um dos bálsamos para conseguir o aluvião anímico que no futuro próximo nossos países precisarão para se recuperar deste duro golpe”, disse o presidente Domínguez.

O presidente Domínguez agradeceu o convite para participar da Cúpula de Estados Parte e Associados do Mercosul. Em primeiro lugar, o presidente da República do Paraguai, Mario Abdo Benítez e os presidentes dos Estados Parte e Associados do Mercosul.

“Aproveito a oportunidade para fazer um reconhecimento aos esforços dos diferentes governos para conter a propagação da doença e reduzir os efeitos da pandemia. São tempos muito difíceis que exigem ações enérgicas, porém também serenidade e equilíbrio. Como milhões de sul-americanos, desejo-lhes o maior dos êxitos nesta batalha”, expressou.

 

 

 

 

 

CONMEBOL.com

Ultimas Noticias