NOTÍCIAS DESTACADA

Escalação de árbitros para as revanches das Oitavas de Final – CONMEBOL Sudamericana
Escalação de árbitros para as revanches das Oitavas de Final – CONMEBOL Sudamericana
Brasil e Argentina campeões mundiais no mesmo dia
Brasil e Argentina campeões mundiais no mesmo dia
VAR CONMEBOL: análise de situação de jogo da Sudamericana – Colo Colo x Internacional
VAR CONMEBOL: análise de situação de jogo da Sudamericana – Colo Colo x Internacional

Deportivo Cali bate River Plate do Paraguay e avança à 2ª rodada

000_1pb667

O Deportivo Cali se classificou para a segunda rodada da CONMEBOL Sul-Americana ao derrotar o River Plate do Paraguai por 3 a 1, em sua visita a Assunção.

A partida de ida terminou em Cali em favor dos verdolagas 2-1.

Os gols da equipe açucareira foram de Ángelo Fernández (14′) e Agustín Palavecino (69′ e 90′). Os paraguaios marcaram através de Dionisio Pérez, aos 53 minutos.

Com um início devastador, a equipe colombiana superou o inexperiente River Plate paraguaio em sua primeira participação em torneios internacionais.

– Números –

  • As equipes do Paraguai perderam os últimos quatro jogos contra equipes colombianas na CONMEBOL Sul-Americana; é a sua maior racha na competição.
  • Deportivo Cali superou a primeira fase pela quinta vez consecutiva na CONMEBOL Sul-Americana (2014, ‘17, ‘18, ‘19, ‘20); em três ocasiões eliminou um time do Paraguai: Sportivo Luqueño em 2017, Guarani em 2019 e River Plate na edição atual.
  • Deportivo Cali cortou uma racha de cinco derrotas consecutivas como visitante no Paraguai em competições CONMEBOL; sua vitória anterior tinha sido de 4-0 ante o Cerro Porteño, na Libertadores de 1978.
  • Dionisio Pérez marcou cinco gols em seus últimos quatro jogos com o River Plate em todas as competições, incluindo os dois da equipe na CONMEBOL Sul-Americana 2020.
  • Agustín Palavecino participou dos três gols do Deportivo Cali contra o River Plate: deu assistência para o primeiro e marcou os outros dois; o último jogador do açucareiro que marcou dois gols em competições CONMEBOL foi Mateo Cassierra, em abril de 2016, contra o Boca Juniors pela Libertadores (2-6).

 

 

 

 

AFP / OPTA

Ultimas Noticias