NOTICIA DESTACADA

Independiente del Valle sagra-se bicampeão da CONMEBOL Sudamericana
Independiente del Valle sagra-se bicampeão da CONMEBOL Sudamericana
A 50 dias do Mundial: Equador quer fazer história
A 50 dias do Mundial: Equador quer fazer história
50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa
50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa

Eliminatórias Rússia 2018: Bolívia terá baixas importantes para enfrentar a Argentina

A Bolívia acumula cinco baixas, algumas importantes, como seu capitão Edward Zenteno, para o duelo da próxima terça-feira contra a Argentina na cidade de Córdoba, pela sexta rodada das eliminatórias sul-americanas rumo à Rússia de 2018, revelou a Federação Boliviana de Futebol ( FBF).

A Bolívia acumula cinco baixas, algumas importantes, como seu capitão Edward Zenteno, para o duelo da próxima terça-feira contra a Argentina na cidade de Córdoba, pela sexta rodada das eliminatórias sul-americanas rumo à Rússia de 2018, revelou a Federação Boliviana de Futebol ( FBF).

A entidade divulgou sobre as "baixas Reversões de Edward Zenteno (suspenso), Leonel Morales (lesionado), Dustin Maldonado e Alberto Pinto (decisão técnica) e Damian Lizio (devido a uma situação familiar)".

Zenteno oficiou desde a zaga como capitão no último jogo contra a Colômbia (derrrota 3-2), Morales é habitual defesa e o meio-campista Lizio, argentino naturalizado boliviano, alternou em várias partidas das primeiras cinco datas do pré-mundial.

Lizio, do Botafogo, teve que voltar ao Brasil antes do iminente nascimento de seu filho, informou a FBF.

O DT Julio Cesar Baldivieso não revelou quais ajustes fará para compensar principalmente as ausências de Zenteno e Morales.

As notícias foram anunciadas depois que a equipe voltou aos treinos nesta sexta-feira na região de Cochabamba, centro do país, de onde irá viajar para a Argentina no domingo.

Bolívia marcha em penúltima posição na classificação, acima da Venezuela, com três pontos em cinco jogos.

Argentina, com oito pontos e em quarto lugar, vai receber a Bolívia no estádio Mario Kempes, em Córdoba, a 700 km ao norte de Buenos Aires, depois de vencer o Chile por 2-1 na quinta-feira.

Texto e foto. AFP

Edição: conmebol.com

 

Últimas Noticias