NOTÍCIA DESTACADA

Palestras educativas antidoping na prévia da CONMEBOL Copa América de Beach Soccer 2022
Palestras educativas antidoping na prévia da CONMEBOL Copa América de Beach Soccer 2022
Juízes designados para a 6ª rodada
Juízes designados para a 6ª rodada
Confira os times que avançaram à Fase de Grupos da CONMEBOL Libertadores 2022
Confira os times que avançaram à Fase de Grupos da CONMEBOL Libertadores 2022

Equador convoca o goleiro Alexander Domínguez para encarar Brasil e Peru

O arqueiro Alexander Domínguez se juntou ao time do Equador para enfrentar Brasil e Peru para disputar os jogos de eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. disse a Federação Equatoriana de Futebol (FEF) no domingo.

Com 42 jogos disputados com o tricolor, Domínguez é o novo reforço do diretor técnico Gustavo Quinteros. O goleiro de 30 anos fez sua estreia neste fim de semana no Colón da Argentina.

Os equatorianos viajaram para o Brasil no sábado para se concentrarem no jogo da próxima quinta-feira para a 15ª data do prémundial. O atacante Renato Ibarra estará ausente no encontro depois de sofrer uma lesão na coxa esquerda, enquanto a equipe médica do Equador acompanha de perto a evolução de uma lesão no goleiro Librado Azcona do Olimpia do Paraguai.

O Equador chega a enfrentar a “verde-amarela” com “muitas baixas que nos fizeram sofrer altos e baixos no funcionamento”, disse Quinteros à imprensa antes da viagem, de acordo com vídeos transmitidos pela FEF.

No entanto, o técnico mostrou-se confiante de que, apesar do cenário “complicado”, o Equador “mostrou que, quando desempenha o máximo de suas possibilidades, produz resultados muito bons”.

O Equador se prepara para obter um passe à Rússia, quando faltam quatro datas para terminar as eliminatórias. A “tricolor” está em sexto lugar com 20 pontos e tem a obrigação de pelo menos empatar com os brasileiros, que já possuem um passaporte selado para a Copa do Mundo.

O Brasil será um rival “muito complicado”, disse o goleiro Máximo Banguera de Barcelona, ​​acrescentando que eles vão jogar “igual a igual” com qualquer seleção para adicionar três na tabela de posições.

“A ideia é lutar até o final. O sonho, como aquele de todos os equatorianos, é se qualificar para a Copa do Mundo”, afirmou.

Depois de enfrentar o cinco vezes campeão mundial, o Equador receberá Peru em Quito, no dia 5 de setembro.

 

 

 

AFP

Ultimas Noticias