NOTÍCIA DESTACADA

Formados os grupos da CONMEBOL Libertadores Futsal Feminina 2022
Formados os grupos da CONMEBOL Libertadores Futsal Feminina 2022
CONMEBOL Sudamericana 2022, em breve conheceremos os primeiros classificados
CONMEBOL Sudamericana 2022, em breve conheceremos os primeiros classificados
Disputas decisivas na Fase de Grupos da CONMEBOL Libertadores
Disputas decisivas na Fase de Grupos da CONMEBOL Libertadores

Goleiro boliviano impede vitória do Brasil em La Paz

O Brasil empatou sem gols com a modesta Bolívia, nesta quinta-feira em La Paz e continua invicto, como está desde que o técnico Tite lidera a seleção nos jogos das eliminatórias sul-americanas.

Graças à atuação do goleiro boliviano Carlos Lampe, o Brasil não conseguiu a vitória apesar das várias oportunidades de gol que tiveram as suas estrelas. Neymar e o goleiro boliviano tiveram um duelo particular pois o goleiro defendeu todas as tentativas de gol da estrela do PSG.

A equipe brasileira mostrou um jogo bonito, uma grande disciplina tática e uma invejável administração dos circuitos futebolísticos, enquanto que a Bolívia foi corajosa.

O técnico brasileiro Tito, em conferência de imprensa, enfatizou o desempenho do seu elenco e mostrou-se satisfeito com o jogo mostrado. “”Existem jogos em que produzimos muito menos do que jogamos hoje”, revelou Tite.

Parabenizou a sua equipe médica pelo exitosa estratégia preparada para a sua apresentação em La Paz e anunciou que se prepara para uma festa de despedida no Brasil.

Também falou sobre as virtudes do rival. “A Bolívia foi um rival duro. Foi muito difícil enfrentar a qualidade da equipe boliviana em La Paz”, indicou ao expressar seus parabéns ao goleiro Lampe.

A partida começou devagar, por parte de ambos times. O Brasil fez alguns passes no início abrindo espaço com Dani Alves e Alex Sandro. Para aproveitar as corridas do Neymar ou para fazer passes em profundidade para Gabriel Jesus.

Aos poucos a Bolívia começou a pressionar mais, com um bom futebol, preocupando o rival. Aos 13 minutos fazem o primeiro ataque com perigo para o Brasil. Logo, Juan Carlos Arce e Christian Machado tiveram algumas oportunidades mas logo o Brasil tomou posse da bola.

Os visitantes deixaram que a Bolívia avance até mais da metade do campo, mas não descuidou o contra-ataque. Aos 24 minutos Neymar chutou de fora da área e bateu com efeito, mas o goleiro Lampe desviou a bola objetivamente.

– Lampe ganha duelo contra Neymar –

Dez minutos depois e logo de uma defesa pobre, outra vez Neymar ficou cara a cara com Lampe, que novamente atacou sua tentativa de gol, ação que os torcedores festejaram como se a Bolívia tivesse anotado um gol.

Quase no final do primeiro tempo, Gabriel Jesus teve outra oportunidad para fazer um gol, mas novamente o goleiro boliviano atacou. Nesse momento Lampe já era uma figura destacada do jogo.

Uma nova oportunidade apareceu aos 42 minutos nos pés do Neymar, que salvou Gabriel Valverde desde a linha de gol. O Brasil chegou à goleira contrária com muita facilidade, mostrando talento e um jogo devastador. No final da primeira parte, Carlos Lampe defendeu de novo um chute de longa distância do Dani Alves.

E no  primeiro minuto do tempo extra, Diego Bejarano chutou na trave depois de uma jogada bem feita.

Brasil ficou mais tranquilo, mas não a qualidade do seu futebol.

O resultado não alterou as posições, e confirma o Brasil como líder solitário, com 38 pontos, enquanto que a Bolívia, já eliminada, ocupa o penúltimo lugar com 14 pontos.

A última rodada das eliminatórias será na próxima terça-feira, quando Bolívia confronte o Uruguai no estádio Centenário de Montevidéu, e o Brasil jogue contra o Chile em São Paulo.

 

Ficha do jogo:

 

 

AFP

Ultimas Noticias