NOTICIA DESTACADA

Com o sonho na mira, Argentina busca recuperação no jogo contra o México
Com o sonho na mira, Argentina busca recuperação no jogo contra o México
Valencia aproxima Equador das Oitavas de Final
Valencia aproxima Equador das Oitavas de Final
“Diego imortal”, o grito da CONMEBOL Tree Of Dreams dois anos após sua partida
“Diego imortal”, o grito da CONMEBOL Tree Of Dreams dois anos após sua partida

Junior bate Bolívar 3-0 e fica com o último boleto à fase de grupos

new_project_21

O colombiano Junior de Barranquilla ficou nesta quinta-feira com o último passe à fase de grupos da CONMEBOL Libertadores 2021, após derrotar o Bolívar da Bolívia por 3-0.

No último encontro da terceira fase, o time ’tiburón’ venceu o ‘Academia’ de La Paz com gols de Miguel Ángel Borja (12’), John Pajoy (81’) e Fredy Hinestroza (90+6’).

Bolívar, tinha vencido 2-1 na ida como local, terminou com dez jogadores no estádio Metropolitano pela expulsão do atacante argentino Leonardo Ramos.

Junior se unirá ao argentino River Plate, o brasileiro Fluminense e o Santa Fe da Colômbia no Grupo D da Libertadores. Bolívar buscará revanche no Grupo C da CONMEBOL Sudamericana, integrado pelo Jorge Wilstermann (Bolívia), Arsenal (Argentina) e Ceará (Brasil).

A fase de grupos da Libertadores começará no dia 20 de abril com a participação de 32 times do continente.

-Números do jogo-

  • Cinco vitórias do Junior em seis partidas disputando como local contra times bolivianos na CONMEBOL Libertadores. O único que conseguiu ganhar dele foi o próprio Bolívar na edição 2012 (0-1). Além disso, Junior ganhou pela primeira vez do Bolívar na Libertadores e quebrou a racha de três derrotas consecutivas (duas na edição 2012 mais a do encontro de Ida) que tinha contra o time de La Paz.
  • Desde sua chegada ao Junior no início de 2020, Miguel Borja teve participação direta no 45.5% (29 gols e 6 assistências) dos 77 gols que a equipe de Barranquilla marcou nesse intervalo. É o líder do equipo neste indicador, e com muita distância: os jogadores com mais participação direta em gols depois de Borja são Teo Gutiérrez (9 gols e 5 assistências) e Fredy Hinestroza (5 gols e 9 assistências), cuja contribuição representa 18.1% dos gols marcados pelo Junior.
  • Bolívar fica eliminado da CONMEBOL Libertadores a pesar de ser, até aqui, o time com mais finalizações (20.5) e mais chances criadas (15) por jogo. Contra Junior, o time boliviano esteve por baixo de sua média: 13 finalizações (as mesmas que seu rival) e nove chances criadas (11 para o time colombiano).
  • Fredy Hinestroza entregou a assistência do primeiro gol e marcou o terceiro da sua equipe. Além disso, foi o segundo jogador do Junior com maior participação (63 toques, só atrás dos 77 de D. Moreno), o que mais passes realizou em campo contrário (27), mais chutes a gol (2) e o que mais passes entregou para finalizações de seus companheiros (3).
  • O espanhol Álex Granell foi o jogador com maior participação no Bolívar: o ex Girona e Cádiz somou 100 toques, 79 tentativas de passes (78.5% deles exitosos), quatro entradas, oito centros, quatro assistências para disparo e um chute a gol.

 

 

 

 

AFP / OPTA

 

Últimas Noticias