NOTICIA DESTACADA

50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa
50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa
50 dias para a Copa do Mundo: Uruguai, um gigante com garra
50 dias para a Copa do Mundo: Uruguai, um gigante com garra
Faltando 50 dias para a Copa do Mundo: a história dos representantes sul-americanos
Faltando 50 dias para a Copa do Mundo: a história dos representantes sul-americanos

Lourdes Moreno e Gabriela García destacam-se em La Coruña

Uma nova temporada começou para Lourdes Moreno e Gabriela García, jogadoras venezuelanas, com o Real Club Deportivo La Coruña na segunda divisão espanhola, e um melhor começo não poderiam ter, depois que ambas marcaram na vitória de 0-7 sobre o Gijón FF.

“É muito importante que cada equipe comece com o pé direito, ganhando os três pontos, que são primordiais. É por isso que a equipe treinadora e as jogadares estamos felizes. Para cada jogadora é importante marcar, espero que haja muitos gols a serem celebrados em todas as partidas possíveis”, afirmou Moreno.

A atacante Gabriela Garcia, jogou nos 90 minutos e conseguiu anotar um gol de cabeça aos 81′. Enquanto “La Kika” saiu substituída aos 60′ e marcou o 0-4 com um poderoso tiro de frente da área rival.

“Eu acho que é muito importante ter marcado porque me dá mais confiança para continuar enfrentando os outros jogos e fazer as coisas bem, para ajudar o time a alcançar as vitórias necessárias que nos permitirão atingir o objetivo”, declarou Garcia.

O objetivo é claro para a equipe espanhola, mas deverão destacar-se em um grupo 1, onde 14 equipes competem pelo passe para a próxima fase. “Tivemos uma pré-temporada muito exigente. Ficamos muito satisfeitas com o que foi visto nos jogos, pois jogamos com várias equipes da primeira divisão e isso nos serviu muito, porque para a Direção, Corpo Técnico e jogadoras, o objetivo é crescer”, enfatizou Moreno.

As venezuelanas se juntaram a La Coruña quando a última etapa já estava em andamento, no entanto, a experiência acumulada permite que elas enfrentem este torneio com maior confiança e com pleno conhecimento da liga em que serão desenvolvidas este ano.

“Esta é uma temporada muito diferente, já que estamos desde o início e estamos mais acopladas ao grupo. Temos mais confiança, temos uma equipe melhor e vamos tentar fazer as coisas bem, conquistar pouco a pouco nosso objetivo, que é alcançar a primeira divisão”, afirmou a venezuelana Bota de Ouro do Mundial Sub-17 Costa Rica 2014.

 

 

 

 

FVF

Últimas Noticias