NOTÍCIA DESTACADA

Semifinalistas da CONMEBOL Copa América de Beach Soccer 2022
Semifinalistas da CONMEBOL Copa América de Beach Soccer 2022
Confira os duelos e antecedentes da 6ª jornada da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana
Confira os duelos e antecedentes da 6ª jornada da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana
Jogos e históricos da última rodada da Fase de Grupos
Jogos e históricos da última rodada da Fase de Grupos

Olímpia é tetracampeão no Paraguai

roque
  • Olímpia conquistou o Clausura do Paraguai, neste domingo, ao empatar com o Guarani por 2-2, completando duas temporadas sonhando com o tetra-campeonato, liderados pelo técnico argentino Daniel Garnero e pelo talento de Roque Santa Cruz, que com seus 38 anos, experimenta uma segunda juventude.

Com dois gols em cima do Guarani, o queridinho da torcida, que faltando uma rodada para o término do Clausura, encabeça a tabela de goleadores com 14 gols.

Dois gols que serviram para que Olímpia conquistasse o campeonato, porque esse resultado era favorável porque o Libertad está com uma distância de seis pontos, mesmo ganhando neste domingo do rebaixado Santaní por 2-0.

Culmina assim um projeto que começou quando a diretiva do Olímpia escolheu o técnico Garnero, de 50 anos, que precisamente havia levado o Guarani ao título em 2016.

A dupla Olímpia-Garnero conquistou no início de 2018, o campeonato Apertura e o Clausura.

Roque santa Cruz voltou ao Olímpia em 2016, depois de uma temporada de 17 anos de carreira no exterior, oito deles na Alemanha (Bayern de Munique), quatro na Inglaterra (Manchester City e Blackburn Rover), quatro na Espanha (Betis e Málaga) e um ano no México (Cruz Azul).

Com esse talento repetiu o sucesso novamente, sendo o pivô da conquista do título do Apertura para o Olímpia com três rodadas de antecipação e sem ter sido derrotado, repetindo o feito no Clausura, faltando ainda a disputa de uma partida.

O técnico Garnero soube aproveitar a experiência de Santa Cruz com outros jogadores e isso formou um bloco que não tem falhado nestes anos.

Sendo assim, defendendo as redes está Alfredo Aguilar, apoiado no zagueiro colombiano Sergio Otálvaro e pelo uruguaio Maximiliano Olivera, que tem devolvido com honras a confiança que o técnico depositou neles.

Alejandro Silva, o outro ‘charrúa’ considerado um dos pilares do meio de campo.

Para o comando do jogo, Garnero confiou na experiência de Rodrigo Rojas, de 31 anos, e Richard Ortiz de 29 anos, treinado em casa.

Entretanto, o fenômeno deste Clausura tem sido Santa Cruz, que nos últimos confrontos deste Clausura, deu uma explosiva mostra do poder ofensivo e vigor físico que dá o que pensar aos mais jovens.

Apesar de ser sempre considerado como peça chave no esquema de Garnero, a comprovação como ‘homem gol’ aconteceu no último dia 24 de novembro diante do histórico rival do Olímpia, o Cerro Porteño, que perdeu por 2-4, com quatro gols de Santa Cruz.

Seguindo com a marca e mantendo o faro goleador que os anos não prejudicaram, Santa Cruz marcou o gol do triunfo, 1-0 sobre o Deportivo Capiatá.

E completou a saga com outros três gols na vitória de 4-1 sobre o Sportivo San Lorenzo.

Para encerrar, neste domingo marcou os dois gols que deram o 44º título ao seu time.

Agora o grande objetivo do Olímpia é a quarta CONMEBOL Libertadores, tendo conquistado esse título em 1979, 1990 e 2002.

 

 

 

 

Ultimas Noticias