NOTICIA DESTACADA

A 50 dias do Mundial: Equador quer fazer história
A 50 dias do Mundial: Equador quer fazer história
50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa
50 dias para o Mundial: Brasil em busca do hexa
50 dias para a Copa do Mundo: Uruguai, um gigante com garra
50 dias para a Copa do Mundo: Uruguai, um gigante com garra

Uruguai faz primeiro treino na Venezuela com foco no Mundial da Rússia

A seleção do Uruguai treinou nesta segunda-feira na Venezuela com o objetivo claro: “aproveitar a oportunidade” de ganhar um lugar no Mundial da Rússia 2018.

“Temos que aproveitar a oportunidade e ser conscientes de que estamos a um passo de conseguir algo especial para o nosso país e para o nosso grupo”, afirmou Edinson Cavani, atacante do París Saint-Germain, depois da primeira sessão celeste no solo venezuelano.

A equipe dirigida por Óscar Washington Tabarez enfrentará a Venezuela nesta quinta em San Cristóbal, fronteira com a Colômbia, pela classificação sul-americana para a Copa do Mundo 2018.

Uruguai tem 27 pontos e está no segundo lugar, abaixo do líder Brasil, com 37 pontos e já classificado, e acima da Colômbia, com 26 pontos, do Peru e da Argentina, ambos com 24.

O treino foi realizado nas instalações do Clube Puerto Azul, em Naiguatá, na costa do Caribe, perto de Caracas.

Cavani mostrou tranquilidade apesar da importância do compromisso. “Temos que pensar no nosso objetivo, classificar para o Mundial, e não há maior motivação do que saber que estamos a um passo”, expressou.

Seu companheiro, Maxi Gómez, uma das novas caras na convocatória do DT Tabárez, desfruta o momento.

“É a primeira vez que venho. É algo muito lindo para mim”, disse Gómez, jogador do Celta de Vigo, disposto a “aprender” de “dois dos melhores goleadores do mundo”: Cavani e Luis Suárez.

Fernando Muslera, Esteban Conde, Diego Godín, José María Giménez, Mathias Corujo, Álvaro González, Federico Valverde, Carlos Sánchez, Nicolás Lodeiro, Jonathan Urretaviscaya, Giorgian de Arrascaeta, Gastón Pereiro, Cristian Rodríguez, Cristhian Stuani integraram junto com Edinson Cavani e Gómez o primeiro avanço uruguaio.

O grupo se completará na terça-feira e viajará em avião até a cidade colombiana Cúcuta, logo irão por terra até San Cristóbal.

 

AFP

 

Últimas Noticias