NOTICIA DESTACADA

CONMEBOL organiza workshop com patrocinadores em Córdoba
CONMEBOL organiza workshop com patrocinadores em Córdoba
Mudança de horário nas Semifinais: Independiente del Valle x Melgar
Mudança de horário nas Semifinais: Independiente del Valle x Melgar
Colômbia e Brasil partem às quartas de final do Mundial Feminino Sub-20
Colômbia e Brasil partem às quartas de final do Mundial Feminino Sub-20

Venezuela começa Mundial Sub-17 Feminino com tropeço ante Alemanha (1-2)

Venezuela, semifinalista na Costa Rica 2014, não tinha sonhado a estreia na Copa do Mundo Feminina Sub-17 da FIFA Jordânia 2016 e caiu 1-2 contra a Alemanha em uma partida em que a Vinhotinto foi de menos a mais, mas faltou pontaria.

Venezuela, semifinalista na Costa Rica 2014, não tinha sonhado a estreia na Copa do Mundo Feminina Sub-17 da FIFA Jordânia 2016 e caiu 1-2 contra a Alemanha em uma partida em que a Vinhotinto foi de menos a mais, mas faltou pontaria. O encontro, correspondente à primeira rodada do Grupo B, foi realizada no Estádio Internacional de Irbid Al Hassan em 30 de setembro.

Neste duelo entre campeãs da América do Sul e Europa, foi a Vinotinto que, através da sua estrela Deyna Castellanos, teve a primeira chance do jogo. Mas o seu remate saiu ao lado (6 ') e da Alemanha marcou na jogada seguinte. A traseira venezolanda cortar um passe de capitão da Alemanha Janina Minge, mas seu companheiro Giulia Gwinn caçar o rebote na entrada da área e a bola próxima à tensão do poste esquerdo pegou assustado com o guarda-redes Alexa Castro, que não pôde não fazer nada (0-1, 7 ').

À frente no placar, as alemãs tiveram boas chances de ampliar a vantagem antes do intervalo, com Verena Wieder Gwinn e criando perigo em ambas as bandas, mas não encontrou centros Spiker.

Venezuela teve dificuldade em montar jogo e encontrar Deyna, muito isolado de seus pares, mas na segunda metade do jogo alunos Zseremeta Keneth melhorado. Deyna primeiro colidiu com a cruzeta faltando um grande tiro (58 '), e logo depois veio o equalizador. Um bom cruzamento da Nikol Gonzalez esquerda foi repelido pela defesa alemã, mas a bola foi solta na área e María Cazorla mandou para a rede (1, -1, 61 ').

As alemãs pareceram acusar o golpe, mas em uma perfeita contra Clara Buehl definiu ante a saída de Alexa e voltou a marcar (1-2, 74 '). Venezuela não desistiu. Mas a sorte não sorriu para a equipe Vinhotinto e já não pôde aproveitar suas chances, como o poderoso tiro cruzado de Luzarda Sandra que passou por pouco.

 

 

 

 

FIFA.com

Últimas Noticias