Cree en grande.
CONMEBOL

Santos empata com Boca e tudo se definirá no Brasil

Santos empata com Boca e tudo se definirá no Brasil

O argentino Boca Juniors e o brasileiro Santos empataram 0-0 no jogo de ida das semifinais da CONMEBOL Libertadores 2020, disputado nesta quarta-feira no estádio La Bombonera em Buenos Aires.

Em um jogo discreto, nem o 'xeneize' nem o Peixe conseguiram tirar vantagem, portanto a semifinal será definida no jogo de revanche marcado para o dia 13 de janeiro, no Vila Belmiro, onde Santos será local e Boca pode avançar caso empatar com gols.

O ganhador desta série enfrentará na grande final, em 30 de janeiro no Maracanã, o vencedor da outra semifinal entre River Plate e Palmeiras, que goleou 3-0 no primeiro encontro como visitante.

Santos levou ao Brasil o empate, um resultado que pode ser positivo, já que a definição terá lugar no seu terreno, porém o Boca, acostumado a conseguir bons resultados como visitante, também está em condições de adquirir o ingresso à final, após os primeiros 90 minutos de uma série fechada e estudada como um jogo de xadrez.

 

-Números-

  • Foi o primeiro empate entre Boca Juniors e Santos pela CONMEBOL Libertadores; tinham ganhado dois jogos cada um nos seus anteriores duelos no torneio (o Peixe triunfou nas duas finais de 1963 e o 'Xeneize' em 2003).
  • Boca Juniors nunca perdeu o duelo de ida jogando como local em uma semifinal da CONMEBOL Libertadores (6V 3E); conseguiu ganhar a série em seis das oito definições como visitante.
  • Santos se manteve invicto como visitante na CONMEBOL Libertadores 2020 (4V 2E), igualando sua maior quantidade de jogos sem perder em uma edição do torneio (também seis em 2003, 2007 e 2011 -edição onde foi campeão).
  • Carlos Tevez participou em cinco dos nove remates do Boca sobre o Santos pela CONMEBOL Libertadores, tentou três disparos e criou duas chances; além disso, recebeu duas faltas (máximo no Xeneize).
  • Marinho, do Santos, recebeu seis faltas no empate com Boca Juniors pela CONMEBOL Libertadores; pelo menos quatro a mais que qualquer outro jogador no encontro.

               

 

CONMEBOL.com

AFP/OPTA