NOTÍCIA DESTACADA

Semifinalistas da CONMEBOL Copa América de Beach Soccer 2022
Semifinalistas da CONMEBOL Copa América de Beach Soccer 2022
Confira os duelos e antecedentes da 6ª jornada da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana
Confira os duelos e antecedentes da 6ª jornada da Fase de Grupos da CONMEBOL Sudamericana
Jogos e históricos da última rodada da Fase de Grupos
Jogos e históricos da última rodada da Fase de Grupos

Faleceu uma glória do Boca: Antonio Roma

antonio_ramos

O ex-goleiro faleceu aos 80 anos devido a uma infecção hospitalar. Ganhou o apelido de “Tarzan” e ficou na história por um pênalti que defendeu do brasileiro Delem.

Faleceu uma das glórias do Boca Juniors e do futebol argentino. Nesta quarta-feira, o coração de Antonio Roma disse: basta! O famoso voo sobre a trave direita de seu arco num superclássico frente ao River Plate o catapultou na história.

Ficou na história aquela tarde de 9 de dezembro de 1962, quando Boca e River chegavam à penúltima data do campeonato com a mesma quantidade de pontos e o ganhador se consagraria finalmente como campeão.

Os Xeneizes ganhavam com o gol do brasileiro Paulo Valentim e, faltando quatro minutos para o final do jogo, outro brasileiro, Delem, tinha em seus pés a oportunidade de empatar a partida com uma cobrança de pênalti. Ali então surgiu a figura de “Tano” Roma para impedir o grito rival e desatar o bramido no La Bombonera.

“Eu estava tranquilo, mas o estádio ficou paralisado. Não dava para escutar nem o voo de uma mosca”, confessou o heróico ex-goleiro anos mais tarde.

Roma começou a sua carreira no clube Ferro Carril Oeste em 1955. Quatro anos depois, passou ao Boca Juniors, onde ganhou seis títulos e se retirou em 1972. E, além disso, teve a maravilhosa oportunidade de jogar dois mundiais com a seleção argentina (Chile 1962 e Inglaterra 1966).

 

Fonte: Infobae.com e Conmebol.com

Mens Nike Trainers

Ultimas Noticias