NOTÍCIA DESTACADA

APF e FVF terminam nova etapa do projeto Futebol para Mulheres promovido pela UEFA e CONMEBOL
APF e FVF terminam nova etapa do projeto Futebol para Mulheres promovido pela UEFA e CONMEBOL
Enfrentamentos eletrizantes nas Oitavas da CONMEBOL Libertadores 2022
Enfrentamentos eletrizantes nas Oitavas da CONMEBOL Libertadores 2022
Disputas acirradas nas Oitavas da CONMEBOL Sudamericana
Disputas acirradas nas Oitavas da CONMEBOL Sudamericana

FIFA indica que todos os jogadores do Mundial Brasil 2014 terão passaporte biológico

antidopaje

Todos os jogadores que participarão no Mundial do Brasil-2014 se submeterão a um programa de passaporte biológico que a FIFA começará a implantar em 2013 com objetivo de reforçar a luta antidopagem.

 

Todos os jogadores que participarão no Mundial do Brasil-2014 se submeterão a um programa de passaporte biológico que a FIFA começará a implantar em 2013 com objetivo de reforçar a luta antidopagem, indicou nesta sexta-feira o organismo em um comunicado.

“Já o provamos na Copa do Mundo de clubes em 2011 e 2012, e continuaremos na Copa Confederações de 2013 com os controles sanguíneos em treinamentos e partidas. Nosso compromisso é ter o passaporte biológico de todos os jogadores que participem na Copa do Mundo 2014”, afirmou o médico belga.

O passaporte biológico da FIFA terá não só um componente sanguíneo, cujo objetivo é detectar as transfusões sanguíneas, de EPO ou de outros produtos destinados a melhorar a resistência, mas também vigilará os esteroides, baseando-se na medição dos esteroides anabolizantes na urina.

O organismo que rege o futebol mundial tem previsto introduzir este sistema na Copa Confederações-2013 e no Mundial do Brasil-2014, competições em que “farão controles dentro e fora da competição a todos os jogadores”.

Diferentemente de um controle antidopagem convencional, em que se detecta a substância proibida no sangue ou na urina de um atleta, o passaporte biológico tem como objetivo descobrir os efeitos da dopagem no organismo.

Os valores de certos parâmetros biológicos como o hematócrito ou a taxa de novos glóbulos vermelhos, medidos durante os controles de antidopagem, ficarão registrados em um documento eletrônico, que permitirá criar um perfil para cada atleta e observar as mudanças que se produzem em seu organismo.

 

 

Air Force 1 Low Upstep BR

Ultimas Noticias