NOTICIA DESTACADA

Detentores de direitos televisivos confirmados para a Sub-20 Intercontinental
Detentores de direitos televisivos confirmados para a Sub-20 Intercontinental
CONMEBOL deixa de exigir teste negativo de COVID para suas competições
CONMEBOL deixa de exigir teste negativo de COVID para suas competições
2 times brasileiros e 1 equatoriano conquistam leve vantagem no torneio
2 times brasileiros e 1 equatoriano conquistam leve vantagem no torneio

Tribunal de Disciplina sanciona São Paulo e Tigre

tigre

O Tribunal de Disciplina da Confederação Sul-Americana de Futebol, integrado pelos senhores Adrián Leiza, do Uruguai como vice-presidente, Alberto Lozada, da Bolívia e Orlando Morales da Colômbia, como membros, decidiu sancionar o São Paulo Futebol Clube, do Brasil e ao Clube Atlético Tigre, da Argentina a raíz dos incidentes ocorridos na partida final pela Copa Sul-Americana.

 

O Tribunal de Disciplina da Confederação Sul-Americana de Futebol, integrado pelos senhores Adrián Leiza, do Uruguai como vice-presidente, Alberto Lozada, da Bolívia e Orlando Morales da Colômbia, como membros, decidiu sancionar o São Paulo Futebol Clube, do Brasil e ao Clube Atlético Tigre, da Argentina a raíz dos incidentes ocorridos na partida final pela copa Sul-Americana.

Para o Tigre, a sanção econômica é de 100.000 dólares, quantia que será debitada automaticamente da soma a receber pelo clube por parte da Conmebol em conceito dos direitos de televisão ou patrocínio. Como segundo ponto da mesma resolução o TD confirmou o resultado de dita partida (2 a 0 a favor do São Paulo).

Por sua parte, o São Paulo foi sancionado com a inabilitação do estádio Cícero Pompeu de Toledo (Morumbi) por um encontro, devendo este clube disputar a sua partida contra o Atlético Mineiro no próximo dia 17 de abril, em um estádio distinto. Além disso, o clube paulista recebeu uma sanção econômica similar ao de seu rival, vale dizer 100.000 dólares que serão debitados da mesma maneira.

Contra estas decisões a cada clube lhe cabe o recurso ante a Câmara de Apelações da Conmebol no prazo de sete dias desde o seguinte à   notificação.

Conmebol.com

 

 

 

Womens Sunglasses

Últimas Noticias